dcsimg

Arquitetura: a História da Arte

Entenda a origem dos grandes projetos arquitetônicos e a evolução da arquitetura ao longo do tempo. Conheça mais sobre o universo do curso de arquitetura!

A arquitetura é considerada parte da história da arte, intrinsecamente uma subdivisão da mesma. Neste aspecto, é estudado todos as características históricas e de evolução da arquitetura, ressaltando as principais idéias, conceitos, acontecimentos históricos marcantes além de suas realizações.

É interessante ressaltar que durante alguns acontecimentos da história da arquitetura, ocorrem fatos paralelos relevantes sobre a história da arte, assim é comum que haja semelhanças, principalmente no perfil da tendência estética.

Há muitos autores que ressaltam que alguns dos aspectos da história da arte não tem semelhanças, ou mesmo, representação concisa na arte da arquitetura, como exemplo, a estética de vanguarda.

A Arquitetura e o Urbanismo

O urbanismo também é uma disciplina e especialização fundamental dentro da arquitetura. É de suma importância atualmente devido ao crescimento desordenado das cidades, a aparição de grandes favelas, e os problemas gerados por tal.

As principais metas do urbanismo são:

  • Estudo do Perímetro Urbano
  • Regulamentação e controle do crescimento da cidade
  • Planejamento dos projetos de expansão do município

Há o aspecto filosófico dentro do urbanismo, que destaca que as cidades são entidades que devem ser estudadas e entendidas e não somente um objeto a ser trabalhado. Este ponto refere a necessidade do estudo do crescimento, afim de entender as necessidades da população e as adversidades que as mesmas enfrentam. O projeto de arquitetura e urbanismo visa estabelecer parâmetros de crescimento, melhorias estruturais no ambiente e controle de adversidades oriundas do crescimento desordenado.

Podemos destacar o urbanismo como uma ciência humana, pois além dos aspectos estéticos herdados da arquitetura, este possui profundo conhecimento da civilização. Este conhecimento humano é destacado pelo estudo do comportamento, das necessidades e empecilhos enfrentados pela população no ambiente urbano. De maneira objetiva, a meta de arquitetura e urbanismo é projetar e ordenar cidades de forma a atender da melhor maneira possível a população, diante um conjunto de aspectos pertinentes.

O urbanismo, assim como o paisagismo, é uma atividade que envolve aspectos de várias áreas de atuação. Apresenta aspectos da arquitetura de paisagem (paisagismo), que fica destacado com a visão política dos projetos e o design diferenciado. Podemos citar algumas áreas de conhecimento pertinentes:

  • Geografia – entendimento geográfico da cidade
  • Ciências Sociais – estudo sobre as características culturais da população
  • Ecologia – Garantir aspectos favoráveis a natureza no projeto de urbanização
  • Geologia – entendimento das condições de estrutura do terreno urbano, para garantir as práticas de construção mais favoráveis

a civilização. Este conhecimento humano é destacado pelo estudo do comportamento, das necessidades e empecilhos enfrentados pela população no ambiente urbano. De maneira objetiva, a meta de arquitetura e urbanismo é projetar e ordenar cidades de forma a atender da melhor maneira possível a população, diante um conjunto de aspectos pertinentes.

O urbanismo, assim como o paisagismo, é uma atividade que envolve aspectos de várias áreas de atuação. Apresenta aspectos da arquitetura de paisagem (paisagismo), que fica destacado com a visão política dos projetos e o design diferenciado. Podemos citar algumas áreas de conhecimento pertinentes:

  • Geografia – entendimento geográfico da cidade
  • Ciências Sociais – estudo sobre as características culturais da população
  • Ecologia – Garantir aspectos favoráveis a natureza no projeto de urbanização
  • Geologia – entendimento das condições de estrutura do terreno urbano, para garantir as práticas de construção mais favoráveis

A Arquitetura e o Paisagismo

O Paisagismo é um ramo muito comum da arquitetura, que também é conhecido como a arquitetura da paisagem. Tem por objetivos conciliar de modo harmônico os vários aspectos da paisagem, com os ambientes modernos. Temos como principais características:

  • Promover o estudo de metas do Projeto Paisagista
  • Planejar os aspectos de interação e harmonia
  • Estudos sobre a preservação dos espaços
  • Conciliação do projeto com a variedade de paisagens disponíveis

O paisagismo teve como objetivo primordial a elaboração de projetos artísticos de praças e jardins, levando em conta a conciliação da natureza com aspectos estéticos e cênicos. Com o amadurecimento do paisagismo dentro da arquitetura, este teve maiores proporções, alavancando propostas maiores. É comum alguns alunos do curso de arquitetura confundir o mesmo com o desenho urbano, conciliando adversidades sócio-econômicas na elaboração do projeto.

O paisagismo, ou mesmo arquitetura da paisagem, é um campo de estudo multidisciplinar, várias áreas de conhecimento estão envolvidas:

  • Política – envolvendo os interesses externos do projeto
  • Tecnologia – a possibilidade de integração da estética com a modernidade
  • Ciências Sociais e Naturais – os vários aspectos sociais e naturais do projeto
  • Matemática –  o estudo preciso da harmonia
  • Engenharia – a engenharia do projeto
  • As Artes – a conciliação entre todos os pontos do projeto com características estéticas apropriadas

A Arquitetura e sua Cronologia

É sempre questionável quando esta arte teve início, uma das boas práticas é a visualização dos primeiros grandes projetos arquitetônicos afim de estabelecer o início da valorização das atividades de arquitetura. É possível notar especificamente um estilo praticado em cada etapa de evolução, com características marcantes na cultura e estilo de vida. É interessante também destacar as divisões de períodos históricos diante a arquitetura, segue abaixo, um pequeno resumo das evoluções arquitetônicos em um modelo cronológico:

  • Pré-História
    • Arquitetura Neolítica
  • Antiguidade
    • Arquitetura Persa
    • Arquitetura Babilônica
    • Arquitetura Egípcia
    • Arquitetura Assíria
    • Arquitetura Etrusca
    • Arquitetura Micênica
    • Arquitetura Suméria
    • Arquitetura Minóica
  • Antiguidade Clássica
    • Arquitetura Grega
    • Arquitetura Romana
  • Idade Média
    • Arquitetura Gótica
    • Arquitetura Visigótica
    • Arquitetura Bizantina
    • Arquitetura Paleocristã
    • Arquitetura Mourisca
    • Arquitetura Moçárabe
    • Arquitetura Românica
  • Idade Moderna
    • Renascimento
    • Maneirismo
    • Arquitetura do Século XVII (17) e XVIII (18)
      • Arquitetura Barroca
      • Arquitetura Neoclássica
  • Idade Contemporânea
    • Arquitetura do Século XIX (19)
      • Arquitetura Neogótica
      • Arquitetura Eclética
    • Arquitetura do Século XX (20)
      • Arquitetura Moderna
    • Arquitetura Contemporânea
    • Arquitetura Pós-Moderna

É interessante destacar também aspectos da arquitetura pós-moderna, esta que inclui vários conceitos de arquitetura descontrutivista, além de conciliação de aspectos arquitetônicos com tecnologia moderna, esta que é denominada de arquitetura high-tech.

Pela cronologia da evolução da arquitetura, é possível verificar que este campo de estudo é vasto e rico em conteúdo. Os aspirantes a arquiteto ainda tem a possibilidade de estudar tais obras ao vivo, pois muitas das construções são tombadas por patrimônio histórico e podem ser visitadas pelo mundo. É interessante destacar que cada país também possui um estilo arquitetônico diferenciado, que visa garantir o conforto para sua população de acordo com vários aspectos do meio ambiente, sobretudo o aspecto climático.

Aos aspirante a futuro profissional de arquitetura, é interessante que tenham oportunidade de efetuar intercâmbios, ou mesmo viagens pelo mundo. Os livros auxiliam muito nos estudos, mas nada justifica a vivência na prática.

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin