dcsimg

Carreira de Medicina – os Mitos e Verdades da Doação de Sangue

Conheça os mitos e verdades sobre a doação de sangue, saiba quais hemocentros precisam urgentemente de sangue e aprenda mais sobre a importância da doação!

doacao-sangue

Doação de sangue é assunto importante dentro da Medicina, isso por que é um tema que salva milhões de vidas. Para muitos casos da medicina é necessária a transfusão de sangue para garantir a sobrevivência do paciente, por isso a importância de se doar sangue. Há pesquisas que dizem que a cada 2 minutos um paciente precisa de transfusão.

Para realizar a transfusão de sangue é necessário alguns testes de compatibilidade, para evitar a rejeição e complicações na hora da transfusão. Os tipos sanguíneos existentes são:


Tipos : A ; B ; AB ; O.


Fator RH:  Positivo ; Negativo.

Na hora da transfusão existem alguns fatores relevantes que devem ser analisados. O receptor e doador de sangue mundial é o tipo AB, já o receptor é o tipo O. Porém ainda é preciso analisar o fator RH dos tipos sanguíneos, os sangues com fator RH negativo não podem receber sangue de fator RH positivo, já que o seu corpo produz anticorpos anti-RH. Já os que possuem sangue de fator RH positivo podem receber tanto negativo como positivo.


Doação de Sangue

Existem diversos bancos de sangue espalhados pelo Brasil, porém ainda restam muitas dúvidas sobre a doação de sangue, então é necessário campanhas e maiores esclarecimentos para incentivar a população a doar.  Hoje no Brasil a doação de sangue já é um assunto mais conhecido, graças às campanhas do governo e de pessoas que passam essa mensagem. Um exemplo disso é a campanha “#vaidoa”(http://vaidoa.tumblr.com/), feita através da rede social Twitter e

vai-doa

liderada por Carol Rocha (@tchulimtchulim), que sofreu um grave acidente e precisou de muito sangue. A campanha é um sucesso e já ajudou milhares de pessoas.

Para tirar as possíveis dúvidas e acabar com o tabu, a equipe do Guia da Carreira selecionou 10 dos mitos e verdades sobre a doação de sangue.


Mitos e Verdades


1 – Doar sangue emagrece?

Não emagrece e nem engorda, em média são retirados 450 ml de sangue, e esse volume é produzido pelo corpo geralmente em um dia. Não precisa se preocupar em relação a emagrecimento.


2 – O sangue afina  ao doar?

Não engrossa e nem afina, isso não se passa de um mito.


4 – Doar sangue dói?

Não, é um processo rápido que não faz mal a saúde e ainda ajudará as pessoas que precisam. Você pode sentir um pouco de dor da “picada” da agulha, mas é só por um segundo.


5 – As mulheres em período menstrual podem doar?

Sim, não há nenhuma restrição quanto a isso.


6 – Após a doação o doador ficará fraco?

Não, logo após a doação o doador receberá um lanche. Recomenda-se repouso após a doação, porém no dia seguinte a rotina pode ser normal. Para os doadores que trabalham, existe uma lei que garante o direito de folga no dia da doação.


7 – Doença simples, como gripe, podem prejudicar na hora de doar sangue?

Sim, o ideal é que aguarde 7 dias após ter curado a  gripe para doar.


8 – Pessoas tatuadas podem doar?

Podem doar se tiverem feito a tatuagem há mais de um ano.

doador-sangue


9 – Após ter tomado a vacina de hepatite B, pode ser feito a doação de sangue?

Sim, porém é necessário aguardar 48 horas para doar.


10 – Quem doa uma vez, não pode nunca mais parar?

Na verdade há um limite máximo em um período para as doações, não é possível doar todo mês. É necessário esperar 90 dias (mulheres) e 60 dias (homens). Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) se as pessoas não deixassem de doar não teríamos problemas de estoque de sangue no Brasil.


Condições para doar sangue

– Ter entre 18 anos completos até 67 anos. É possível doar com 16 e 17 anos porém é necessário a autorização dos pais;

– Pesar no mínimo 50kg;

– Apresentar documentos com foto;

– Não ter ingerido álcool nas últimas 12 horas;

– Não ingerir alimentos gordurosos nas últimas 3 horas;

– Evitar fumar nas últimas 2 horas;

– Ter dormido no mínimo 6 horas antes da doação.

Existem diversas campanhas pelo país para a doação de sangue.

Alguns hemocentros estão pedindo com urgência que os doadores  façam doação no local.

Os locais são :

Hemocentro de Brasília – DF (mais informações : 61- 3326-1546) ;

Hemocentro de Botucatu – SP (mais informações : 14 – 3811-6041) ;

Hemocentro de Dourados – MS (mais informações: 67 – 3434-0400);

Hemocentro Regional de Floriano – PI (mais informações: 89 – 3522-2020);

Estes são alguns hemocentros que estão precisando de doadores com urgência. Porém é possível encontrar hemocentros em todas as cidades, procure pelo local na sua cidade e faça a sua parte!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin