dcsimg

Como usar as redes sociais para conseguir emprego

Saiba quais são as redes sociais que podem ajudar a encontrar um novo emprego e como se comportar da melhor forma nestes sites.

redesocial-peq

As redes sociais tomaram conta da internet e grande parte dos usuários aderiram a grande interatividade destes serviços. Esses sistemas oferecem uma série de facilidades, principalmente a remoção de barreiras de distância, possibilitando estar sempre em contato. Há também diversas oportunidades de troca de informações sobre empregos, estágios, estudos, cursos, entre outros.

Desta forma, é importante conhecer o objetivo de cada uma das mídias sociais, e entender a melhor forma de tirar proveito de seus recursos. Como o conteúdo muitas vezes pode ter caráter público, é interessante tomar cuidado na postura adotada, mantendo sempre uma imagem positiva. Diversos recrutadores fazem pesquisas nas mídias sociais para conhecer melhor os candidatos.

Pensando em auxiliar os aspirantes a novos empregos utilizando os recursos disponíveis nas redes sociais, foi elaborado um apanhado de dicas a serem utilizadas no seu dia a dia virtual.

As redes sociais

São muitas as redes sociais existentes atualmente, e apesar de a maioria ser destinada ao público em geral, algumas delas são específicas para quem está atrás de emprego ou procurando um reposicionamento profissional. Algumas das mais conhecidas e importantes são:

Facebook

É simplesmente a maior rede social do mundo, atualmente conta com mais de 900 milhões de usuários. Através dela é possível participar de grupos específicos para anúncios de vagas de empregos, estágios e concursos. Além destes grupos, é possível ainda aumentar a rede de contatos e interagir com pessoas que atuam na mesma área, aumentando assim as possibilidades de encontrar uma boa oportunidade.

Twitter

O Twitter é uma poderosa rede de contatos que conta com milhões de usuários em todo mundo, incluindo diversas empresas que utilizam a plataforma para divulgar vagas e encontrar possíveis funcionários. O engajamento entre os usuários é também uma estratégia para uma boa indicação de emprego.

LinkedIn

O LinkedIn é uma rede social especializada em carreira, sendo possível cadastrar e atualizar constantemente seu currículo, que fica disponível aos usuários. É possível ainda adicionar pessoas, solicitar recomendações e indicações de vagas e empregos. Diversas empresas e recrutadores utilizam o LinkedIn em busca de profissionais específicos para determinadas vagas. É possível ainda participar de grupos de determinadas áreas profissionais e especificar diversas habilidades. Conta atualmente com mais de 200 milhões de usuários em 200 países.

Google Plus

O Google Plus (ou Google+) é a rede social desenvolvida pelo Google, foi criada em paralelo com o extinto Orkut. Ela ainda não possui a fama de seu rival Facebook, mas, ainda assim, é uma ótima ferramenta para buscar oportunidades e troca de informações entre seus contatos. O Google está investindo cada vez mais em sua rede social, e integrando todos os perfis das contas de seus serviços. Desta forma, é interessante investir em seu perfil público e aproveitar as oportunidades que estão por vir pelo crescimento da rede.

Boas Maneiras

Para serem efetivamente benéficas aos usuários, é importante seguir uma conduta positiva nas redes sociais. Elaboramos algumas dicas essenciais de “boas maneiras” para auxiliar na utilização de seu perfil social na internet. Estas dicas são extremamente válidas para garantir uma boa imagem, caso um recrutador busque mais informações sobre você.

Informações e Publicações

Evite inserir muitas informações pessoais nesses sites, restrinja seu perfil ao estritamente necessário. O ideal é inserir dados sobre sua vida acadêmica e profissional, além de projetos e cursos que participou. Procure ser coerente e cuidado com o que é compartilhado e dito em suas publicações!

Interesses

As páginas e grupos de seu interesse falam muito sobre sua personalidade, por isso é importante ser seletivo e cuidadoso ao invés de participar de tudo que vê pela frente. Procure demonstrar interesse que agreguem valor ao seu perfil, como grupos de estudos, pesquisas, notícias, entre outros.

Escrita

Outro fator de grande importância é a escrita. Não é necessário escrever como em cartas nas redes sociais, é comum que aconteça abreviações e troca de letras em que haja economia de digitação, porém há escritas que demonstram erros graves da norma culta do idioma, e tais deslizes não são vistos de forma positiva pelos recrutadores.

[Procurando Crescer na Carreira? Encontre uma Faculdade ou Especialização!]

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin