dcsimg

Saiba o que não se deve falar durante a entrevista

Veja algumas dicas para não pisar na bola durante uma entrevista de emprego!

entrevista de emprego

Finalmente chegou aquele convite para ser entrevistado em uma empresa legal, onde você sempre quis trabalhar. Embora seja tentador sair para comemorar o acontecimento num happy hour com os amigos, a hora é mesmo de se preparar para causar uma boa impressão!

Muita gente desperdiça a chance de conseguir um bom emprego porque não se prepara corretamente para a entrevista. Mesmo que você tenha plena certeza de que é a pessoa certa para aquele cargo, o entrevistador não tem como adivinhar se você não souber se “vender” ou se portar da maneira correta. E isso envolve necessariamente saber o que falar durante a conversa.

A entrevista é o momento de comunicar quem você é, o que sabe fazer, suas experiências anteriores e planos para o futuro. É nessa hora que muita gente pisa na bola. O entrevistador – que é um profissional treinado para fazer uma “leitura” da sua fala e de seu comportamento – vai analisar sua postura, seu jeito de se expressar, de trocar ideias, de se impor, etc., e decidir ali mesmo se você é ou não é a pessoa certa para aquele cargo.

Para não chegar despreparado ao que pode ser o seu primeiro passo rumo a uma carreira de sucesso, o segredo é estudar um bocado e seguir algumas regras para mandar bem na entrevista. Descubra a seguir!

1. Antes de tudo: evite perguntas muito básicas!

Durante a entrevista de emprego, evite fazer perguntas do tipo:

  • O que a empresa faz?
  • O que ela vende?
  • Qual o tamanho da empresa?
  • Quem são os concorrentes?
  • A empresa está bem economicamente?

O entrevistador pode entender como falta de preparo e desclassificar o candidato. E nenhuma organização quer contratar um profissional despreparado, acredite!

Para que isso jamais aconteça com você, anote essa dica: conhecer a empresa onde está sendo entrevistado é fundamental para causar uma boa impressão no entrevistador.

A especialista em talentos Ariane Marques, da SKY TV, em São Paulo, dá o caminho das pedras: descubra quais são os concorrentes da empresa, qual seu posicionamento, em que mercado atua, que produtos vende. “Mostre que sabe o que a empresa faz. Se você passar a impressão de que se identifica com a cultura e o perfil da organização, a conversa tende a ser mais positiva”.

Tudo isso é simples de resolver. Basta uma pesquisa simples na internet, acessar o site da empresa, checar os balanços anuais, ler o que falam dela em sites e redes sociais, buscar notícias sobre o mercado de atuação, etc.

2. Cuidado com a linguagem

Ter um vocabulário adequado é importante para passar uma boa impressão ao entrevistador. Por isso, evite a todo custo falar gírias, palavrões e expressões chulas. Não que você precise ser excessivamente formal, ou tenha que usar palavras difíceis. Basta ser simples e direto.

3. Não minta!

Inventar uma historinha ou outra para impressionar o entrevistador pode ser um tiro no pé. Às vezes, com uma simples pesquisada na internet, o seu relato pode ser desmentido e você com certeza será descartado do processo seletivo.

4. Não fale mal do seu antigo ou atual empregador

Esse é um dos erros mais comuns em entrevistas e na maioria das vezes resulta em desclassificação. Nenhuma empresa quer contratar pessoas que falam mal do seu emprego, do seu chefe ou colegas de trabalho. Quando for abordado sobre seus empregos anteriores, procure focar nas experiências positivas. Se tiver que falar sobre algum fracasso, trate o assunto de forma natural, sem botar a culpa em ninguém. Lembre-se de que o entrevistador também é treinado para avaliar como você lida com contrariedades.

5. Não exagere nas expectativas

Em determinado ponto da entrevista, é comum o entrevistador perguntar “onde você se imagina daqui a cinco, dez anos?”. Nessa hora, cuidado com expectativas muito irreais. Se você está em começo de carreira, dificilmente será presidente da empresa em pouco tempo. Em vez disso, apresente uma espécie de plano de carreira, enumerando os conhecimentos você quer ter daqui a cinco, dez, quinze e até vinte anos. Isso vai passar para o entrevistador a ideia de que você é uma pessoa que se preocupa com o próprio futuro, que está disposto a correr atrás das suas metas.

6. Evite falar demais sobre si mesmo

Falar de si mesmo é importante, mas é preciso ter cuidado para não dar a impressão de ser muito autossuficiente e que irá resolver, sozinho, todos os problemas da organização. Isso é irreal. Hoje, empresas buscam cada vez mais profissionais que saibam lidar com pessoas, trabalhar em equipe, com uma visão coletiva dos processos. Por isso, é mais importante falar de si mesmo como membro de um time e como seu trabalho fará diferença nos resultados.

7. Dinheiro não é tudo

O salário é uma parte importante do trabalho, mas você precisa ter cuidado para não parecer de que está ali apenas pelo dinheiro. Evite falar demais sobre remuneração no primeiro momento da entrevista. O ideal é esperar que o entrevistador trate desse assunto primeiro, ou aguardar que ele deixe uma brecha para você abordar a questão.

8. Observe a linguagem corporal

A forma como você senta, a posição dos seus braços, o seu olhar, a forma como você se relaciona com o entrevistador – tudo isso é linguagem corporal, e às vezes pode revelar mais do que a própria fala. Por isso, esteja atento ao que o seu corpo diz.

Sente-se confortavelmente, mas não se esparrame na cadeira. Não cruze os braços, olhe nos olhos do entrevistador, cuidado com bocejos e movimentos de olhos, tente não se distrair com o que acontece ao redor. Tudo isso vai contar a seu favor.

9. Não interrompa o entrevistador

Às vezes, na ansiedade do momento, a gente acaba querendo falar demais sobre nossas experiências e perspectivas de futuro durante uma entrevista. É fundamental saber dosar a própria fala e deixar que o entrevistador conduza o processo. Ele pode precisar fazer uma pergunta ou observação importante para testar seu conhecimento. É importante falar o necessário, mas sem se alongar demais.

Ah, o celular deve permanecer no modo silencioso e jamais sair do seu bolso (ou bolsa) durante a entrevista. Parar a entrevista para checar uma mensagem vai lhe render muitos pontos a menos.

10. Não deixe de perguntar o que é necessário

Sair com dúvidas da entrevista é um erro. Você pode ser escolhido e se frustrar mais adiante. Por isso, não deixe de perguntar o que acha importante: quem são as pessoas da área, o que vai aprender naquele cargo, qual visibilidade terá no setor, o que a empresa oferece em termos de crescimento e desenvolvimento. Demonstre maior interesse no dia a dia do trabalho.

Outras dicas que valem ouro

  • Vista-se adequadamente para a entrevista – cuidado para não ir formal demais ou despojado demais. Ideal é seguir um estilo sóbrio e discreto, ou sempre de acordo com o perfil da empresa.
  • Programe-se para chegar no mínimo 15 minutos antes da entrevista.
  • Tente informar-se antes sobre o cargo, faixa salarial e benefícios oferecidos pela empresa para não ter que falar demais sobre isso na entrevista.

Veja também:

O que é plano de carreira?

O que achou das dicas? Tem mais alguma para compartilhar? Escreva nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin