dcsimg

Tendências da Carreira de Hotelaria: Hotelaria Super Econômica

A Hotelaria Super Econômica permitiu que mais pessoas pudessem viajar com mais conforto e economia. Conheça mais sobre esse novo conceito dentro da hotelaria.

O Conceito da Hotelaria Super Econômica

Hotelaria de Baixo Custo

A Hotelaria Super Econômica, também chamada de Hotelaria de Baixo Custo, tem como princípio a redução dos custos operacionais dos hotéis para diminuir o valor das reservas e atrair um público maior.
Os hotéis de baixo custo, em Inglês Low Cost Hotels, buscam reunir o máximo de funcionalidade pela menor diária possível, mantendo sempre um bom padrão de hospedagem.
É importante nunca confundir a hotelaria super econômica, com hotelaria de baixa qualidade, já que um dos princípios da hotelaria super econômica é justamente manter um bom nível de qualidade.
O conceito dos hotéis super econômicos surgiu no final da década de 80 quando as empresas de hotelaria perceberam que havia um grande público que necessitava de acomodações e que não tinha dinheiro para pagar um hotel tradicional de bom nível.
Este público, composto em sua maioria por pessoas que viajavam a negócios, estava ávido por qualidade ao mesmo tempo em que dispunha de poucas verbas.

Os hotéis super econômicos de um modo geral seguem a seguinte linha dentro da hotelaria:

  • Os hotéis são sempre construídos em grandes cidades, que em geral também são grandes centros de negócios e entretenimento.
  • Os hotéis são sempre de grande porte, comportando algumas vezes centenas de quartos.
  • Os quartos são pequenos porém tem o espaço muito bem aproveitado, dificilmente um quarto de um hotel super econômico vai passar de 20 metros quadrados.
  • As taxas de hospedagem e serviços são baratas para estimular que o hotel esteja sempre cheio, para dar um bom lucro o ideal é pelo menos 75% de ocupação.
  • Apesar dos quartos serem pequenos, tudo é de qualidade, sempre apresentando banheiros modernos e serviços de TV a cabo e Internet Wireless.
  • As reservas estão sempre disponíveis para serem feitas pela Internet, o que facilita a programação de quem vai viajar.
  • Design e arquitetura simples, para facilitar e baratear a manutenção e limpeza.

O Profissional que Trabalha com Hotelaria Super Econômica

O profissional que trabalha com gestão de hotéis super econômicos deve ter uma sólida formação nos conceitos de administração e também de gestão de pessoas.
Em geral, o quadro de funcionários do hotel é reduzido sendo necessário trabalhar com muita eficiência para manter tudo funcionando.
Suas principais funções são:

  • Administração de Despesas: Já que trabalha com baixo custo o gestor de um hotel super econômico deve estar sempre procurando fornecedores mais baratos.
  • Administração do Tempo: O profissional de hotelaria que trabalha com hotéis de baixo custo deve sempre buscar métodos para garantir a economia de tempo na realização das tarefas cotidianas do hotel.
  • Coordenação de Gastronomia: Como a qualidade é fator importante neste ramo de negócio, cabe também ao gestor de hotéis super econômicos coordenar a preparação das refeições, definindo quais serão os cardápios e cuidando também da contratação de garçons e cozinheiros.
  • Organização de Eventos e Promoções: O profissional de hotelaria também pode trabalhar organizando eventos e promoções. É importante sempre estar estimulando que o hotel esteja cheio já que é necessário uma ocupação maior para o hotel dar lucro.

Vantagens e Desvantagens da Hotelaria Super Econômica

Como todo sistema de hospedagem, o sistema de hotelaria super econômica apresenta vantagens e desvantagens.

Vantagens do Sistema de Hotelaria Super Econômica

  • Os baixos preços de hospedagem permitem que as pessoas economizem em gastos nas viagens.
  • A boa localização destes hotéis também permite que muito dinheiro seja economizado com transporte.
  • É uma excelente opção para quem viaja sozinho ou então para quem está viajando a negócios.

Desvantagens do Sistema de Hotelaria Super Econômica

  • Apesar de serem confortáveis, os hotéis super econômicos possuem apenas o básico, nunca espere encontrar uma piscina.
  • O fato de serem baratos muitas vezes faz com que você não encontre reservas, principalmente nas altas temporadas.
  • Não é uma boa opção para quem viaja em família pois os quartos são pequenos e em geral para no máximo 3 pessoas.

A Especialização em Hotelaria de Baixo Custo no Ramo Hoteleiro

Para poder trabalhar com o sistema de hotelaria de baixo custo o aluno graduado no Curso de Hotelaria ou então no curso de Hotelaria e Turismo deve fazer um curso de especialização na área, esta especialização dura entre 1 a 2 anos, dependendo do conteúdo e carga horária do curso.

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin