dcsimg

O que faz um Engenheiro?

Você conhece as funções de um engenheiro civil? E quais são as melhores faculdades? Confira isso em nossa matéria a seguir.

O curso de Engenharia

A Engenharia é a ciência, a arte e a profissão de adquirir e de aplicar os conhecimentos matemáticos, técnicos e científicos na criação, aperfeiçoamento e implementação de utilidades, tais como materiais, estruturas, máquinas, aparelhos, sistemas ou processos, que realizem uma determinada função ou objetivo.

engenharia

A engenharia é uma ciência bastante abrangente que engloba uma série de ramos mais especializados, cada qual com uma ênfase mais específica em determinados campos de aplicação e em determinados tipos de tecnologia.

Atribuições do Engenheiro

O engenheiro é o profissional que exerce a prática da engenharia.

Em muitos países, o exercício da profissão de engenheiro obriga, além da habilitação com um curso superior de engenharia, ter uma licença ou certificação profissional atribuída pelo estado, por uma associação profissional, ordem ou instituição de engenheiros ou por um outro tipo de órgão de regulamentação profissional. Conforme o país, aos profissionais devidamente certificados ou licenciados está reservado o uso exclusivo do título profissional de “engenheiro” ou estão reservados outros títulos formais como “engenheiro profissional”, “engenheiro encartado”, “engenheiro incorporado”, “engenheiro diplomado” ou “engenheiro europeu”.

Normalmente, a lei restringe a prática de determinados atos de engenharia aos profissionais certificados e habilitados para tal, ainda que a prática dos restantes não esteja sujeita a essa restrição.

Para além da certificação como engenheiro propriamente dito, em alguns países existe a certificação como técnico de engenharia ou engenheiro técnico. Isso é associado aos profissionais com uma habilitação correspondente a um curso superior de 1º ciclo na área da Engenharia.

Os cursos de Engenharia

Com a evolução do curso, engenharias mais específicas foram criadas para serem estudadas com mais critério. A partir de então surgiram novos cursos, como:

  • Engenharia Agronômica;
  • Engenharia Aeronáutica;
  • Engenharia de Energia;
  • Engenharia de Alimentos;
  • Engenharia Civil;
  • Engenharia da Computação;
  • Engenharia de Controle e Automação;
  • Engenharia Elétrica;
  • Engenharia Florestal;
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia de Pesca;
  • Engenharia de Petróleo;
  • Engenharia de Produção;
  • Engenharia Química.

De acordo com os cursos, o MEC (Ministério da Educação) divulga anualmente a classificação das instituições de ensino superior do Brasil, quando avalia o nível de excelência de cada uma, através do Índice Geral de Cursos (IGC).

Para calcular o IGC, é levado em conta o critério CPC (Conceito de Preliminar de Curso), que avalia o rendimento dos alunos no ENADE, a infraestrutura e a qualidade do corpo docente da instituição e também os conceitos da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Nível Superior).

A nota referente à classificação varia de 1 a 5, em que:

  • – 5 e 4, representam excelência;
  • – 3, regular;
  • – 2 e 1, insuficiente.

Dentre os resultados deste índice, listamos abaixo, duas instituições que obtiveram classificação total nos índices do MEC, além de serem conhecidas pela excelência dos seus cursos de engenharia:

Você conhecia a diversidade de tipo de engenharia que existe? Deseja cursar alguma? Conte-nos o que pensa sobre isso!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin