dcsimg

Curso de Sistemas de Informação

Saiba mais sobre o curso de Sistemas de Informação e as funções deste profissional que tem muitas oportunidades de trabalho no mercado!

duracao-ead

São cerca de 360 as faculdades autorizadas pelo Ministério da Educação (MEC) a oferecer o curso superior de Sistemas de Informação no País, em grau de bacharelado e tecnológico.

Esta carreira é considerada uma das mais promissoras do mercado, pois todos os setores da economia estão cada vez mais informatizados, sem falar do aumento do uso da tecnologia na vida pessoal.

Esta formação prepara os profissionais para programar e gerenciar software, aperfeiçoar sistemas já existentes, controlar o fluxo de informações em redes de computadores e coordenar equipes de desenvolvimento. Você precisa gostar bastante de cálculos e matemática para seguir esta carreira.

Conheça melhor o curso, onde estudar, e o mercado de trabalho para esta profissão que está em alta!

O Curso Superior de Sistemas de Informação

O curso superior de Sistemas de Informação é oferecido em grau de bacharelado e tecnológico, nas modalidades presencial e a distância.

A duração média do bacharelado é quatro anos, enquanto o curso superior de Tecnologia dura dois anos e meio, na maioria das universidades.

Os cálculos são constantes ao longo da formação. Entre as disciplinas específicas do curso, os destaques são: Linguagem de Programação, Bancos de Dados e Inteligência Artificial. Os estudantes terão contato também com matérias das Ciências Sociais, como Filosofia e Antropologia, para compreender melhor a dinâmica das organizações e da sociedade. Há muitas atividades práticas em laboratórios de Computação e Informática.

Confira as principais diferenças entre o curso de Bacharelado e superior de Tecnologia na área de Sistemas de Informação:

Bacharel em Sistemas da Informação

  • Média de quatro anos.
  • Currículo aborda aspectos administrativos da profissão e prevê atuação mais ampla.
  • As faculdades exigem estágio.

Tecnólogo em Sistemas de Informação

  • Média de dois anos e meio.
  • A grade curricular tem foco maior nas atividades práticas da profissão e forma profissionais com atuação em segmentos específicos como, por exemplo, Sistemas para Internet.
  • Algumas faculdades exigem estágio.

 

A Distância x Presencial

O diploma obtido em um curso superior a distância vale tanto quanto o presencial. O que muda é a forma de transmissão do conhecimento, com a utilização de tecnologias de comunicação e programas especializados.

Na modalidade a distância os alunos podem assistir as aulas, prestar exames e apresentar trabalhos em um ambiente virtual, com maior comodidade e flexibilidade de horário. Mas precisam participar de atividades presenciais como provas e apresentação de trabalho final em polos de apoio das universidades, atender às exigências de frequência e notas mínimas. Algumas instituições oferecem sistema de ensino 100% online. Outras dispõem de sistema semipresencial, com maior frequência de encontros.

Onde estudar Sistemas de Informação

Há instituições de ensino públicas e privadas autorizadas pelo Ministério da Educação (MEC) a oferecer curso superior em Sistemas de Informação. Confira algumas das principais:

Privadas

Públicas

Grade Curricular

Os currículos dos cursos superiores na área de Sistema de Informação são muito semelhantes. Mas alguns cursos têm maior foco em determinados segmentos de atuação como banco de dados, internet, inclusão digital e comunicação. Na hora de escolher uma faculdade, fique atento aos programas de ensino. Veja as disciplinas mais comuns:

  • Algoritmos e Programação de Computadores
  • Ciências da Computação
  • Administração e Negócios
  • Engenharia de Software
  • Cálculo Diferencial e Integral
  • Arquitetura de Computadores
  • Álgebra Linear
  • Probabilidade e Estatística
  • Banco de Dados
  • Redes de Comunicação de Dados
  • Inteligência Artificial
  • Análises de Sistemas
  • Sistemas operacionais
  • Empreendimentos em Informática

O que faz o profissional de Sistemas de Informação

O profissional formado em Sistemas de Informação deve saber identificar e aplicar soluções tecnológicas para organizar e disponibilizar informações dentro de empresas ou outras instituições.

Com os conhecimentos adquiridos na formação ele também pode atuar com venda de equipamentos, lecionar em instituições de ensino e prestar suporte técnico. Conheça algumas de suas principais funções:

  • Desenvolver software.
  • Gerenciar o fluxo de informações em redes de computadores.
  • Criar, adaptar e instalar programas.
  • Montar e administrar bancos de dados.
  • Desenvolver sites.
  • Prestar suporte técnico como profissional de empresa especializada ou autônomo.
  • Lecionar em escolas de ensinos fundamental, médio, técnico ou em faculdades.
  • Atuar no comércio, gerenciando a comercialização de equipamentos, periféricos e softwares.

Mercado de Trabalho

O mercado de trabalho do profissional de Sistemas de Informação está aquecido e seu campo de atuação é vasto.

Eles podem atuar em todos os setores da economia, em qualquer tipo de negócio onde o acesso à informação é uma estratégia. Conheça alguns exemplos:

  • Empresas públicas
  • Empresas privadas, especialmente as de Tecnologia da Informação
  • Comércio (físico e eletrônico)
  • Instituições financeiras
  • Instituições de ensino, como professor ou na área de sistemas
  • Serviços de suporte, assessoria e consultoria estratégica de TI


Diferenças entre Sistemas de Informação, Engenharia de Computação e Ciências da Computação:

É comum a dúvida entre qual curso escolher nesta área. As grades curriculares são muito parecidas e a atuação destes profissionais também é semelhante em alguns pontos. Entenda as principais diferenças:

  • Sistemas de Informação
    O profissional da área de Sistemas de Informação é especialista no estudo e aplicação de recursos tecnológicos para solução de problemas de comunicação ou redes de dados. O curso forma profissionais especializados no desenvolvimento e manutenção de sistemas de computador que atuam principalmente em atividades corporativas.
  • Engenharia de Computação
    A Engenharia de Computação dá destaque ao projeto, desenvolvimento e implementação de equipamentos e dispositivos computacionais. É a área que trabalha mais com hardware, a eletrônica e o desenvolvimento de máquinas, embora também contemple o desenvolvimento de software.
  • Ciências da Computação
    Aborda conceitos e teorias da computação, proporcionando conhecimentos em estruturas de dados, linguagens de programação, desenvolvimento de sistemas. Além de trabalharem com programação, estes profissionais também estudam a Matemática na computação.

Os cargos do profissional de Sistemas de Informação

Confira algumas das principais funções assumidas por profissionais formados no curso superior de Sistemas de Informação:

  • Projetista de Sistemas de Informação
  • Analista de Sistemas
  • Projetista/Desenvolvedor de Softwares
  • Administrador de Bancos de Dados
  • Administrador de Redes de Computadores
  • Gerente de área de Sistemas de Informação
  • Auditor de Sistemas de Informação
  • Consultor na área de Sistemas de Informação
  • Analista de Testes
  • Coordenador de Qualidade

Veja também:

Curso de Engenharia da Computação

Ficou interessado em seguir carreira na área de Sistemas de Informação? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin