dcsimg

Qual é o valor para se fazer Engenharia Civil na Anhanguera?

Descubra quanto custa estudar Engenharia Civil na Anhanguera, como funciona o curso e quais as opções de bolsas e descontos!

O Engenheiro Civil é responsável por projetar, gerenciar e executar obras e construções. A profissão é regulamentada no Brasil. Para atuar na área é obrigatório ter um diploma de um curso superior em Engenharia Civil emitido por uma instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) e ser registrado no Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (CREA) de seu estado.

Se você está pensando em estudar Engenharia Civil do Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA), saiba que todas as unidades da instituição têm o reconhecimento do MEC. E o melhor: dá para conseguir bons descontos, bolsas e financiamentos.

Confira a seguir o guia que preparamos com o valor das mensalidades de Engenharia Civil na Anhanguera. Saiba mais sobre o curso e como fazer para pagar menos!

Quanto custa o curso de Engenharia Civil na Anhanguera?

Os valores do curso de Engenharia Civil na Anhanguera variam de acordo com o campus e o período (matutino, vespertino e noturno). Listamos a seguir a mensalidade aproximada em diversas unidades para você ter uma ideia:

Distrito Federal (DF)

Taguatinga: R$ 1.580

Goiás (GO)

Anápolis: R$ 1.370

Goiânia: R$ 1.380

Valparaíso: R$ 1.770

Maranhão (MA)

Imperatriz: R$ 1.670

Mato Grosso (MT)

Cuiabá: R$ 1.430

Rondonópolis: R$ 1.660

Mato Grosso do Sul (MS)

Campo Grande: R$ 1.540

Dourado: R$ 1.060

Paraná (PR)

Cascavel: R$ 1.580

Rio de Janeiro (RJ)

Niterói: R$ 1.500

Rio Grande do Sul (RS)

Caxias do Sul: R$ 1.600

Passo Fundo: R$ 1.460

Pelotas: R$ 1.580

Porto Alegre: R$ 1.460

Rio Grande: R$ 1.490

Santa Catarina (SC)

Jaraguá do Sul: R$ 1.210

Joinville: R$ 1.480

São José: R$ 1.100

São Paulo (SP)

Bauru: R$ 1.460

Campinas: R$ 1.490

Guarulhos: R$ 1.260

Indaiatuba: R$ 1.460

Itapecerica da Serra: R$ 1.170

Jacareí: R$ 1.420

Jundiaí: R$ 1.460

Leme: R$ 1.470

Limeira: R$ 1.200

Matão: R$ 1.200

Osasco: R$ 1.060

Pindamonhangaba: R$ 1.460

Piracicaba: R$ 1.330

Pirassununga: R$ 1.940

Ribeirão Preto: R$ 1.320

Rio Claro: R$ 1.240

Santa Bárbara: R$ 1.330

Santo André: R$ 1.330

São Bernardo do Campo: R$ 1.330

São José dos Campos: R$ 1.530

São Paulo (várias unidades): Em torno de R$ 1.200

Sorocaba: R$ 1.400

Sumaré: R$ 1.320

Taboão da Serra: R$ 1.200

Taubaté: R$ 1.430

Valinhos: R$ 1.320

As mensalidades de Engenharia Civil na Anhanguera também podem variar de acordo com o semestre. Entre em contato com a unidade do seu interesse para obter valores atualizados.

Qual a duração do curso de Engenharia Civil na Anhanguera?

Uma das preocupações de quem está se organizando financeiramente para fazer uma faculdade é a duração do curso, ou seja, por quanto tempo será necessário pagar as mensalidades até se formar.

O curso de Engenharia Civil da Anhanguera dura 5 anos (10 semestres). A carga horária é de 3.240 horas de aulas, 120 horas de atividades complementares e 300 horas de estágio curricular supervisionado.

O que se estuda no curso de Engenharia Civil na Anhanguera?

Durante os primeiros anos do curso, o aluno é apresentado às matérias básicas, como Álgebra, Geometria, Cálculo, Física e Química.

Nos anos seguintes, são acrescentadas à grade aqueles conteúdos mais específicos da Engenharia Civil, como Estruturas de Concreto Armado, Ciência dos Materiais, Hidráulica e Hidrometria, entre outras.

Veja algumas disciplinas que você vai encontrar no curso de Engenharia Civil da Anhanguera:

  • Álgebra e Geometria
  • Algoritmos e Lógica de Programação
  • Cálculo Diferencial e Integral
  • Ciência dos Materiais
  • Construções Sustentáveis
  • Desenho Técnico
  • Estradas: Pavimentação
  • Estruturas de Concreto Armado
  • Estruturas de Madeira e Estruturas Metálicas
  • Física Geral e Experimental
  • Fundações
  • Geologia e Paleontologia
  • Geometria Analítica e Álgebra Vetorial
  • Gestão Ambiental
  • Gestão de Projetos
  • Gestão e Saneamento Ambiental
  • Hidráulica e Hidrometria
  • Instalações Elétricas
  • Instalações Hidrossanitárias
  • Materiais de Construção Civil
  • Pontes e Grandes Estruturas
  • Processo de Gestão de Obras e Projetos
  • Química Geral e Experimental
  • Resistência dos Materiais
  • Tecnologia das Construções
  • Topografia e Georreferenciamento

Para obter o diploma é obrigatório realizar o estágio supervisionado e o Trabalho de Conclusão do Curso (TCC).

Como ingressar no curso de Engenharia Civil na Anhanguera

Você pode entrar no curso de Engenharia Civil da Anhanguera das seguintes maneiras:

Vestibular Tradicional: É uma prova de múltipla escolha e uma redação. Ocorre algumas vezes por semestre, em datas específicas preestabelecidas pela própria Anhanguera.

Vestibular Agendado: A avaliação é uma redação e pode ser marcada para a data mais conveniente ao candidato.

Nota do Enem: Você pode utilizar a pontuação do Enem para entrar na Anhanguera. As condições estão descritas no edital desse processo seletivo, disponível no site da faculdade.

Transferência: É aluno de outra instituição de ensino e deseja se transferir para o curso de Engenharia Civil da Anhanguera? Se houver vaga disponível, basta apresentar alguns documentos e fazer a matrícula.

Segunda Graduação: Já possui um diploma universitário? Apresente-o na secretaria da Anhanguera com outros documentos e pule o vestibular.

Como pagar menos para estudar Engenharia Civil na Anhanguera?

Fazer um curso superior pode pesar no orçamento familiar. Engenharia Civil costuma ser uma graduação mais cara, pois requer uma infraestrutura complexa, com laboratórios e materiais específicos.

Pensando em aliviar o bolso dos alunos, a Anhanguera oferece uma série de descontos e parcelamentos estudantis. Confira:

Bolsa Melhores Colocados: O primeiro e o segundo colocados do vestibular tradicional podem ganhar bolsa integral (100%) e parcial (50%), respectivamente. Consulte a unidade da Anhanguera onde você pretende estudar Engenharia Civil para saber se ela oferece o benefício.

Convênios com empresas: A Anhanguera é associada a diversas empresas pelo Brasil afora. Converse com o seu empregador para verificar se ele possui algum vínculo com a faculdade – você pode conseguir um abatimento no valor das mensalidades.

Parcelamento Estudantil Privado (PEP): É um programa da Anhanguera que permite financiar até 70% do valor do curso. A dívida só começa a ser quitada após a formatura.

A Anhanguera também participa de duas iniciativas do governo federal que ajudam o estudante de baixa renda a cursar uma faculdade:

Programa Universidade para Todos (ProUni): Distribui bolsas de estudos parciais e integrais. Para concorrer ao benefício é obrigatório cumprir requisitos de desempenho no Enem mais recente, renda familiar e formação escolar.

Fundo de Financiamento Estudantil (FIES): Ajuda a pagar o curso e cobra juros mais baixos do que os praticados pelos bancos. Para disputar uma vaga é preciso atender aos requisitos de renda familiar e desempenho no Enem.

Veja também:

Saiba tudo sobre o reconhecimento da Anhanguera pelo MEC

O que achou do curso de Engenharia Civil da Anhanguera? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin