dcsimg

Oncologia

Saiba como é a carreira em Oncologia, como se tornar um médico desta especialidade e onde encontrar os melhores cursos!

medical1

A Oncologia é a área da Medicina que trata do estudo, diagnóstico, prevenção e tratamento do câncer (neoplasias e tumores, sejam eles benignos ou malignos). O termo vem de duas palavras gregas: “onkos”, que significa massa, volume ou tumor,  e “lógos” que significa estudo. No Brasil, a Oncologia também é chamada de Cancerologia.

Para ser um médico oncologista ou cancerologista é necessário fazer o curso superior de Medicina e, em seguida, uma especialização, que pode ser uma residência médica, ou um curso de pós-graduação.

Saiba mais sobre a carreira de Oncologia, quem pode se especializar na área e onde estudar!

Sobre a carreira em Oncologia

A Oncologia é uma carreira que exige muita pesquisa, atualização constante e capacidade de lidar com fortes pressões. Por um lado, trata de uma doença gravíssima e muitas vezes incurável, com grande impacto no paciente e seus familiares. Por outro, felizmente, envolve o desenvolvimento de novas drogas, tratamentos mais eficazes, formas de diagnóstico cada vez mais precoces, informação e educação da sociedade, cirurgias mais precisas e menos invasivas e a melhoria da qualidade de vida de quem é afetado por um tumor.

Nos últimos anos, todos os aspectos da Oncologia evoluíram muito. No entanto, ainda não conhecemos todas as facetas do surgimento de tumores no corpo humano e há bastante espaço para o desenvolvimento dessa ciência no Brasil e no mundo, em diversos campos da Saúde.

Quem quiser seguir carreira em Oncologia deve saber que essa área tem se tornado cada vez mais multidisciplinar. Seja em pesquisas, desenvolvimento de medicamentos, diagnóstico ou tratamento do paciente, o médico oncologista provavelmente irá trabalhar com outros profissionais da Saúde.

O que faz o médico oncologista

A Oncologia é uma das especialidades da Medicina. No Brasil, menos de 1% dos médicos são especialistas nessa área, o que significa pouco mais de 2.500 profissionais em todo o País.

O médico oncologista, ou oncologista clínico, é responsável por tratar pacientes que apresentam tumores. Ele acompanha o paciente, solicita exames, prescreve tratamentos (quimioterapia, cirurgia, radioterapia, imunoterapia, etc.).

Dentro da medicina oncológica existem diversas ramificações e médicos de outras especialidades que também podem atuar na área, como pediatras, radiologistas, cirurgiões, psiquiatras, entre outros. Nesses casos, os profissionais acumulam duas especialidades.

Onde estudar

O primeiro passo para quem pretende ser médico oncologista é fazer um curso superior na área de Medicina.

Veja algumas das principais universidades reconhecidas pelo MEC que oferecem esta graduação:

Privadas:

Públicas:

Uma vez graduado, o profissional pode buscar uma especialização ou residência em instituições públicas e privadas de ensino e de saúde. Veja algumas opções de cursos de pós-graduação em Oncologia:

  • Atenção Multidisciplinar/Interdisciplinar em Oncologia
  • Cancerologia Clínica
  • Cancerologia Cirúrgica
  • Ginecologia Oncológica
  • Hematologia Oncológica

Veja também:

Biomedicina e Medicina: Diferença entre as carreiras

Você tem vontade de se tornar um médico oncologista? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin