dcsimg

Confira quais são as matérias de Psicologia!

Saiba mais sobre as disciplinas oferecidas e qual a estrutura do curso de Psicologia. Veja também boas faculdades reconhecidas pelo MEC para seguir essa carreira!

O psicólogo é o profissional que estuda a mente e o comportamento humano com o intuito de ajudar a resolver problemas como traumas, medos e receios, auxiliando o paciente a superar situações difíceis de seu cotidiano.

Embora seja comum que o psicólogo receba pacientes em consultórios particulares, sua área de atuação não é restrita somente ao divã: o profissional pode atender em empresas, escolas e hospitais, ou ainda ser um orientador profissional ou realizar palestras, por exemplo.

Sabe se expressar bem, gosta de pessoas, tem uma boa capacidade de análise e empatia? Talvez a Psicologia seja uma carreira interessante para você.

Preparamos este guia com tudo o que você precisa saber sobre o curso de Psicologia, com detalhes sobre as disciplinas e, ao final uma lista de faculdades reconhecidas pelo MEC onde você pode estudar. Confira!

Sobre o curso de Psicologia

O curso de Psicologia é um bacharelado com duração de aproximadamente cinco anos. Há disciplinas relacionadas ao campo das Ciências Biológicas, como Neurologia e Anatomia, e matérias da área das Ciências Humanas, como Antropologia, Teoria Psicanalítica e Psicologia Comportamental.

Durante as aulas, o aluno é preparado para atuar na busca pelo bem-estar e saúde mental das pessoas, aliando conhecimento teórico e prático, adquiridos por meio de aulas convencionais e estágios. Muitas instituições de ensino oferecem centros de estudos na área de Psicologia, possibilitando que o estudante se familiarize com a pesquisa acadêmica e se prepare para um futuro mestrado ou doutorado.

Geralmente as faculdades exigem cerca de 600 horas de estágio, que podem ser realizadas em hospitais gerais, hospitais psiquiátricos, escolas, empresas e até em clínicas das próprias instituições de ensino. A maioria também exige a entrega de um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Matérias do curso de Psicologia

Normalmente a grade curricular de Psicologia é formada por disciplinas obrigatórias, como as listadas abaixo, e por disciplinas optativas.

A ordem em que as matérias são apresentadas durante o curso pode variar, bem como a nomenclatura. Confira:

  • Abordagem Sistêmica das Organizações
  • Avaliação Psicológica
  • Ética
  • História das Ideias Psicológicas
  • Metodologia de Pesquisa
  • Neuropsicologia
  • Pessoas com Deficiência
  • Psicanálise
  • Psicologia Behaviorista
  • Psicologia e Educação
  • Psicologia e Práticas Institucionais
  • Psicologia e Saúde
  • Psicologia e Trabalho
  • Psicologia Fenomenológico-Existencial
  • Psicologia Sócio-Histórica
  • Psicopatologia

Saiba mais detalhes sobre algumas das principais disciplinas que você vai encontrar no curso de Psicologia:

Avaliação Psicológica: Ensina a realizar testes psicológicos, a desenvolver métodos de avaliação de dados e a planejar tratamentos com base nesses dados.

Ética: Expõe os princípios éticos da profissão de psicólogo.

História das Ideias Psicológicas: Apresenta as diversas propostas de explicação dos fenômenos psicológicos ao longo da história, guiando o aluno pelas principais correntes de pensamento da área.

Metodologia de Pesquisa: Habilita o aluno a realizar pesquisas no campo da Psicologia, preparando-o para o TCC. Esses conhecimentos também serão válidos caso o estudante opte por seguir uma iniciação científica, mestrado e doutorado.

Neuropsicologia: Estuda as relações entre o funcionamento cerebral e o comportamento humano, além da contribuição da Neurologia na atuação do psicólogo.

Pessoas com Deficiência: Apresenta um panorama sobre os diferentes modelos criados para compreender a deficiência e seus principais conceitos, as mudanças nas classificações ao longo da História e como o psicólogo deve atuar para cuidar dessas pessoas nos mais diferentes contextos, como família, escola e trabalho.

Psicanálise: Normalmente a matéria é dividida em vários módulos e expõe os fundamentos teóricos, como a noção do inconsciente, de subjetividade e de sujeito.

Psicologia Behaviorista: Explica as bases do comportamento humano e como ele se fundamenta, os motivos e gatilhos para agirmos como agimos, entre outras ideias da corrente behaviorista.

Psicologia e Educação: Apresenta a história do sistema educacional brasileiro. Trata também da relação entre Educação e Psicologia ao longo dos anos, promovendo a reflexão sobre as implicações práticas dos diferentes conceitos de Psicologia na Educação e sobre o trabalho do psicólogo em diversos contextos educacionais.

Psicologia e Saúde: Aborda o conceito de saúde, o papel do psicólogo nos sistemas de saúde e os fundamentos da prática clínica, preparando o aluno para conduzir entrevistas clínicas iniciais e diagnósticos.

Psicologia e Trabalho: Discute o trabalho como atividade fundamental humana e como o psicólogo se insere neste universo. Aborda também a atividade de Recursos Humanos, especialmente os processos de recrutamento, seleção e acompanhamento de carreira nas empresas.

Psicologia Fenomenológico-Existencial: Apresenta as diversas correntes do pensamento humano e suas influências na área da Psicologia, desde a origem do pensamento Humanista da Grécia Antiga até o Existencialismo.

Psicologia Sócio-Histórica: Mostra a concepção de homem, sociedade, fenômeno psicológico e de desenvolvimento segundo a corrente sócio-histórica e seus desdobramentos nos dias atuais.

Psicopatologia: Aborda o sofrimento humano e maneiras de contornar distúrbios de personalidade.

Quanto às disciplinas optativas, o curso de Psicologia pode oferecer, entre outras:

  • Psicologia e Sociedade
  • Ética da Psicanálise
  • Análise Comportamental dos Estados Motivacionais e Subjetivos
  • Análise do Comportamento e Sociedade
  • Aprendizagem e Processos Sociais na Escola
  • Aquisição de Comportamentos
  • Desenvolvimento Infantil
  • Distúrbios do Comportamento
  • Distúrbios Psicológicos na Infância
  • Entrevista Clínica
  • Informática Aplicada à Psicologia
  • Neuropsicologia Cognitiva
  • Peritagem Psicológica
  • Psicanálise das Toxicomanias
  • Psicanálise e Educação
  • Psicanálise e Literatura
  • Psicanálise Pós-Freudiana do Adolescente
  • Psicofarmacologia
  • Psicodrama
  • Psicologia, Comunicação e Semiótica
  • Psicologia da Alfabetização
  • Psicologia do Trânsito
  • Psicossociologia
  • Terapia Familiar
  • Psicologia e Religião
  • Relacionamento Amoroso: Teoria e Pesquisa

Como se tornar um psicólogo

No Brasil, a profissão foi regulamentada pela Lei nº 4.119, de 27 de agosto de 1962. Para poder atuar como psicólogo é obrigatório obter diploma de Psicologia em uma instituição de ensino superior autorizada pelo Ministério da Educação (MEC) e realizar o cadastro no Conselho Regional de Psicologia (CRP) de seu estado.

Faculdades que oferecem o curso de Psicologia

Acabamos de falar que, para obter o registro profissional, o psicólogo precisa apresentar um diploma em Psicologia reconhecido pelo MEC. Aqui, vale uma observação: somente diplomas de faculdades reconhecidas pelo MEC têm validade do Brasil, sejam eles de Psicologia ou de qualquer outro curso.

O que isso significa? Que o reconhecimento do MEC é o primeiro parâmetro a avaliar na hora de escolher uma faculdade. Estudar em uma instituição que não tenha esse aval é jogar tempo e dinheiro fora.

Para ajudar sua busca, separamos algumas instituições reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC que oferecem o curso de Psicologia. Confira:

Veja também:

Quanto ganha um psicólogo?

O que achou das matérias curso de Psicologia? Tem interesse em seguir essa carreira? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin