dcsimg

Descubra o preço do curso de Biomedicina

Saiba quanto custa estudar Biomedicina no Brasil e onde encontrar boas opções que caibam no seu bolso!

Há quem diga que os biomédicos são os profissionais do futuro. E, de fato, todos os caminhos apontam para isso: uma atividade que combina conhecimentos da biologia, da medicina e da genética não pode passar despercebida!

O curso de Biomedicina tem atraído um número cada vez maior de interessados. Já são mais de 60 mil matriculados em faculdades por todo o Brasil.

Quem quer seguir essa carreira provavelmente terá que tentar entrar em uma faculdade particular. Nelas estão nada menos do que 97% de todas as vagas disponíveis no país.

Assim, é normal que o preço do curso varie de uma faculdade para a outra. Só que em nenhuma delas o curso é muito barato. Para isso existe uma explicação – e também uma solução!

Confira a seguir o valor do curso de Biomedicina em diferentes modalidades, os segredos para conseguir um bom desconto e as faculdades que oferecem esta graduação.

Preço do curso de Biomedicina

O valor de Biomedicina varia um pouco de acordo com a modalidade de estudos. Procurando bem, dá para encontrar um curso com todas as características que você procura – mas não vai ser um trabalho muito fácil não, a gente já adianta.

É que, em Biomedicina, os cursos no formato EAD ainda são uma novidade relativamente recente no mercado, e, por isso, há poucas opções a distância. E a gente sabe que os cursos a distância normalmente custam bem menos do que os presenciais.

Vamos ver as diferenças de preço entre as duas modalidades a seguir.

Preço do curso presencial de Biomedicina

A grande maioria dos cursos de Biomedicina disponíveis no Brasil tem o formato presencial tradicional. O motivo para isso é bem evidente: a graduação apresenta uma carga pesada de atividades em laboratório, o que exige a presença do aluno no campus da faculdade quase todo dia.

Cerca de 250 instituições oferecem o curso no país. A média das mensalidades de Biomedicina é de R$ 1.240, o que não é exatamente barato – na verdade, está na média de outras graduações similares da área da saúde, como Enfermagem e Farmácia.

A boa notícia é que várias faculdades cobram valores bem mais baixos. As mais baratas saem por mais ou menos R$ 800. Com descontos, podem ficar ainda mais em conta (vamos explicar como mais adiante).

As mais caras começam em R$ 1.500 e superam os R$ 2.000.

Preço do curso a distância de Biomedicina

A gente falou lá no começo que o curso de Biomedicina a distância ainda é novidade no Brasil. Isso, claro, se reflete na variedade das mensalidades que encontramos por aí.

Dá para encontrar o curso de Biomedicina a distância com mensalidade média no valor de R$ 650.

O curso EAD não é tão mais barato do que o presencial porque a graduação não pode ser feita de forma totalmente remota. O aluno dessa modalidade precisa se programar para dedicar um ou mais dias por semana para assistir às aulas ou participar de atividades em laboratório (que são muitas!).

Formas de pagar menos no curso de Biomedicina

Como você deve ter percebido, o curso de Biomedicina não está entre os mais baratos. Mas ainda bem que existe uma série de benefícios para facilitar a vida de quem pretende ingressar nessa carreira. Dá até para estudar de graça em faculdades particulares super bem conceituadas. Entenda melhora as opções:

  • Bolsas e incentivos: Grande parte das faculdades de Biomedicina oferece incentivos financeiros e bolsas parciais aos estudantes. Isso se traduz na forma de descontos por pontualidade no pagamento, para quem vem de outras faculdades, para quem já tem curso superior, etc. Algumas oferecem até bolsa integral para quem obtém um desempenho excepcional no vestibular. Em cursos com mensalidade de R$ 1.000, por exemplo, o desconto mensal pode chegar a R$ 250. Tudo isso muda de acordo com o local, por isso é bom verificar as opções onde você quer estudar.
  • Programa Universidade para Todos: O ProUni permite estudar em uma faculdade particular de primeira linha com bolsa parcial ou integral – ou seja: pagando apenas metade da mensalidade ou totalmente de graça. O difícil aqui é obter o benefício. A concorrência é alta e o Ministério da Educação faz inúmeras exigências: pontuação igual ou maior a 450 pontos na média das provas do Enem mais recente sem ter zerado a redação, além de atender a critérios bem rígidos de escolaridade e renda. O programa abre inscrições duas vezes ao ano.
  • Fundo de Financiamento Estudantil: Não podemos dizer que o FIES seja uma forma de pagar menos pelo curso, mas o fato é que o programa é uma saída interessante para quem não pode bancar uma faculdade no momento. Com ele o estudante obtém ajuda para pagar as mensalidades e só começa a quitar a dívida depois da formatura, com juros baixos e prazo longo. O benefício só é concedido para quem passa em um concorrido processo seletivo. Para participar é preciso ter feito qualquer Enem a partir de 2010 e atender a determinadas exigências de renda e desempenho nas provas.

Sobre o curso de Biomedicina

O curso de Biomedicina é oferecido em grau de bacharelado, tem quatro anos de duração e pode ser encontrado em mais de 250 faculdades por todo o Brasil. Trata-se de uma graduação bastante dinâmica, com um campo de trabalho que cresce a passos largos por aqui.

Durante os estudos, os alunos aprendem a identificar todos os elementos biológicos que podem afetar o equilíbrio do meio ambiente e dos seres humanos. Eles analisam a melhor forma de diagnosticar, tratar e curar determinados males. É uma profissão super importante, pois busca solução para questões que afetam ou podem afetar a vida no planeta.

Hoje, os biomédicos dividem-se entre clínicas, hospitais, laboratórios, indústrias, empresas de bioengenharia, de análise ambiental e centros de pesquisa. O campo de trabalho é generoso e pode render bons salários.

Onde estudar Biomedicina pagando menos

Conforme Biomedicina vai crescendo no gosto do brasileiro, o mercado vai se tornando ainda mais exigente com quem chega.

Por isso é importante entrar em uma faculdade que ofereça boa infraestrutura e seja bem avaliada pelo Ministério da Educação (MEC). São garantias simples para quem quer um diploma reconhecido e bem aceito entre as grandes empresas do setor.

Pensando nisso, a gente se adiantou e fez uma pequena lista de faculdades que atendem a todos esses critérios.

Conheça:

Veja também:

Biomedicina e Medicina: quais as diferenças?

O que achou do preço do curso de Biomedicina? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin