dcsimg

Descubra o preço do curso de Jornalismo

Saiba quanto será preciso investir por mês para se formar em Jornalismo e veja opções de descontos, bolsas e financiamentos!

A pegada do curso de Jornalismo é bem pop, ideal para quem tem o espírito dinâmico, comunicativo e criativo. A graduação pode ser encontrada com facilidade em instituições públicas e particulares por todo o país.

Se você está pensando em estudar Jornalismo, saiba que essa diversidade de opções colabora bastante para encontrar o curso ideal em uma boa faculdade, inclusive em relação aos preços.

Está curioso para saber quanto é a mensalidade do curso de Jornalismo? Será que cabe no seu orçamento? Será que tem descontos, bolsas e incentivos que permitam estudar com mais tranquilidade?

A gente explica tudo isso a seguir e, de bônus, ainda traz algumas sugestões de faculdades onde estudar com qualidade sem pesar no bolso!

Preço do curso de Jornalismo

Com tantas opções no mercado, há todo um universo de valores para o curso de jornalismo.

Tem faculdade que cobra um valor X e outra a poucos quilômetros que cobra mais que o dobro. A busca pela faculdade ideal, que ofereça um ensino de qualidade e tenha mensalidades que caibam no seu bolso, vai depender muito daquilo que você quer.

A gente, claro, está aqui para dar uma ajuda e apontar alguns caminhos.

Por isso mesmo, fomos saber qual é o preço do curso de Jornalismo nas modalidades presencial e a distância.

Veja agora!

Preço do curso presencial de Jornalismo

O curso presencial de Jornalismo corresponde à maioria das opções disponíveis hoje nas faculdades brasileiras.

A média das mensalidades que você vai encontrar por aí será de R$ 1.100.

Se o valor está muito acima do que você esperava, não desanime. Como a gente já adiantou, a grande oferta de cursos disponíveis hoje no país faz com que existam mensalidades bem mais em conta.

Em nossas buscas encontramos faculdades com mensalidade de R$ 750. Caso a faculdade ofereça benefícios – e a maioria oferece (vamos falar deles mais pra frente) – esse custo cai para menos de R$ 600 por mês.

Aí já começa a ficar mais interessante, não é?

Para quem está sem restrição de orçamento, o céu é o limite. Dependendo da faculdade, o valor da mensalidade pode facilmente ultrapassar os R$ 2.500!

Preço do curso de Jornalismo a distância

Sabia que dá para estudar Jornalismo a distância? Essa ainda é uma novidade recente por aqui, mas que deve ganhar bastante espaço nos próximos anos.

Por enquanto, apenas seis faculdades têm permissão do Ministério da Educação (MEC) para oferecer o curso nessa modalidade – e nem todas estão com turmas disponíveis.

Os valores também variam e, no geral, são mais atrativos do que os dos presenciais. A gente encontrou, por exemplo, faculdades que cobram de R$ 390 a R$ 500 de mensalidade, em média. E o melhor: algumas delas têm também política de descontos, o que torna o curso ainda mais barato.

Vamos descobrir que descontos são esses!

Como fazer o curso de Jornalismo pagando menos

Os programas de incentivo mais comuns que você vai encontrar na maioria das faculdades particulares são as bolsas parciais e os descontos.

Eles têm diversas formas de funcionamento.

Você pode pagar menos nas seguintes situações, por exemplo:

  • Se pagar o boleto da mensalidade até o dia do vencimento – às vezes o abatimento chega a 30%!
  • Caso venha transferido de outra faculdade.
  • Caso já tenha estudado na instituição e volte para fazer outro curso superior.
  • Caso tenha conseguido uma bolsa de estudo parcial (existem centenas de opções na internet, como o Quero Bolsa).
  • Caso tenha obtido uma nota excelente no vestibular da instituição.
  • Caso aproveite alguma promoção específica oferecida pela instituição.

Os benefícios variam bastante conforme a faculdade. É preciso ficar atento e fazer muita pesquisa até encontrar o ideal.

Fora isso, dois programas do governo federal dão uma super ajuda para bancar o curso superior.

São eles:

  • Programa Universidade para Todos: Distribui bolsas de estudos em faculdades particulares de primeira linha. O ProUni paga a mensalidade inteira ou banca a metade dos custos em graduações de diversas áreas do conhecimento, inclusive Jornalismo. O desafio é conseguir o benefício, que depende de passar em um concorrido processo seletivo do qual só podem participar estudantes que obtiveram desempenho igual ou superior a 450 pontos na média das provas e nota acima de zero no Enem mais recente (só vale o mais recente) e, além de tudo, atendem aos requisitos de renda e escolaridade. O ProUni abre vaga duas vezes por ano, no início de cada semestre.
  • Fundo de Financiamento Estudantil: Permite financiar os estudos e só começar a quitar a dívida depois da formatura, com juros lá embaixo e um prazo super longo. Para participar também é preciso ter feito o Enem, mas aqui vale qualquer edição a partir de 2010. É preciso apresentar o mesmo desempenho mínimo exigido pelo ProUni e ainda atender ao critério de renda familiar. O FIES também acontece duas vezes por ano.

Sobre o curso de Jornalismo

Embora não seja necessário ter diploma de curso superior para exercer a profissão de jornalista, isso não interferiu em nada na procura pela graduação, que só cresce. Jornalismo segue firme e forte entre os mais procurados e amados pelos brasileiros.

Com quatro anos de duração, esse bacharelado permite que os profissionais trabalhem em empresas de todos os portes e áreas de atuação, agências de comunicação, jornais, rádio, internet, revistas e muito mais.

É uma área um tanto saturada no Brasil, mas com um mercado sempre capaz de absorver novos profissionais – especialmente aqueles que estão um passo adiante e se adaptam às novas realidades da comunicação.

Onde fazer o curso de Jornalismo

Não importa se você vai estudar presencialmente ou a distância, se vai pagar uma faculdade barata ou cara. O fundamental é checar se a instituição escolhida tem autorização do MEC para oferecer o curso de Jornalismo.

Isso é fundamental para que seu diploma seja reconhecido no mercado de trabalho e possa ser usado como diferencial para disputar vagas de emprego, fazer concursos públicos e entrar em cursos de pós-graduação.

A gente resolveu dar uma força e trazer algumas sugestões interessantes de faculdade para você. São instituições reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC que possuem unidades em diversos estados brasileiros. E mais: todas elas oferecem os descontos, bolsas e financiamentos que acabamos de comentar.

Confira:

Veja também:

Jornalismo: carreira, mercado e faculdades

Vai estudar Jornalismo? Conte para a gente o que achou do valor das mensalidades!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin