dcsimg

Tipos de Engenharia

Conheça os vários tipos de Engenharia e o que cada uma delas estuda!

arquitetura_ou_engenharia

De acordo com levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), as Engenharias estão entre as profissões com maior taxa de ocupação (chegando a mais de 95%) e que oferecem remuneração entre as cinco mais altas do País. Além disso, é difícil encontrar algum ranking das profissões mais promissoras que não tenha pelo menos uma Engenharia no topo da Lista.

O amplo mercado de trabalho e a possibilidade de conseguir altos salários mesmo em início de carreira contribuem para que a Engenharia esteja entre os cursos mais concorridos do Vestibular, Sisu e ProUni. Mas a Engenharia, na verdade, não é uma graduação. Ela está mais para uma área do conhecimento e existem, no Brasil, mais de 20 habilitações da Engenharia. Em comum, todas possuem uma carga horária intensa de disciplinas da Ciências Exatas, com muito Cálculo, Matemática e Física. Porém, cada curso de engenharia tem um enfoque diferente e forma um tipo bem específico de profissional.

Veja, a seguir, os principais tipos de Engenharia e o que se estuda em cada uma delas!

Engenharia Agrícola

É o ramo da Engenharia que se dedica aos processos agropecuários, envolvendo todas as etapas desse segmento, desde os estudos sobre o solo até a qualidade dos produtos e a gestão de empresas do setor.

Engenharia Ambiental

Envolve o estudo, diagnóstico e redução de impactos ambientais em áreas rurais e urbanas com o objetivo de preservar os recursos da fauna, flora, vegetação, ar e água. Dedica-se também ao desenvolvimento de técnicas de manejo, controle e tratamento para recuperar áreas degradadas.

Engenharia Aeronáutica

Envolve projeção, construção e manutenção de aeronaves, aeroportos e instrumentos de controle, incluindo planejamento e fluxo de tráfego aéreo.

Engenharia Biomédica

Desenvolve e produz próteses, equipamentos e instrumentos médicos. Estuda o organismo humano sob o ponto de vista da Engenharia, combinando conhecimentos de Química, Física, Biologia, Medicina e Bioinformática para prevenir, diagnosticar e tratar doenças.

Engenharia Civil

Dedica-se ao projeto e execução de obras de todo tipo de estrutura, como estradas, pontes, edifícios, viadutos, barragens, etc. Envolve desde o estudo do terreno até a execução da obra, podendo também cuidar da manutenção e restauro de edificações existentes.

Engenharia da Computação

Combina conhecimentos de Engenharia Eletrônica e Ciência da Computação para desenvolver  projetos de automação industrial, sistemas, computadores e periféricos.

Engenharia de Alimentos

Combina conhecimentos de Física, Química, Biologia e Matemática para definir tecnologias, máquinas, aditivos e embalagens na fabricação de alimentos.

Engenharia de Controle e Automação ou Engenharia Mecatrônica

Transforma processos manuais em automáticos ou semiautomáticos usando princípios de Elétrica, Mecânica, Eletrônica e Computação para criar sistemas produtivos mais eficientes.

Engenharia de Telecomunicações

Combina conhecimentos de Elétrica e Eletrônica, para desenvolver equipamentos usados em telecomunicações, cuidando também do projeto, operação e manutenção de equipamentos e sistemas de telecomunicações.

Engenharia Elétrica

Lida com a geração, transmissão, transporte e distribuição de energia elétrica, podendo envolver a construção de componentes elétricos e eletrônicos, usinas de energia, linhas de transmissão, sistemas e potência.

Engenharia Florestal

Estuda ecossistemas e florestas com o objetivo de desenvolver projetos sustentáveis de exploração, manejo e preservação desses recursos. Envolve também aprimoramento genético e descoberta de novas espécies da flora.

Engenharia de Materiais

Estuda e desenvolve tecnologias para produzir materiais mais eficientes. Pesquisa propriedades de materiais existentes para criar novos produtos.

Engenharia de Minas

Estuda e pesquisa reservas minerais e de combustíveis fósseis. Identifica a composição e quantidade de minérios, analisa a viabilidade econômica, a localização e a extensão das minas e propõe a melhor forma de extrair os minérios

Engenharia de Produção

É um dos ramos mais amplos da engenharia.  Aplica conhecimentos de Matemática, Física e Ciências Sociais na avaliação e otimização de processos para aumentar produtividade e reduzir custos.

Engenharia de Transportes

Voltada ao estudo e planejamento de infraestrutura de rodovias, ferrovias, portos, hidrovias e aeroportos. Envolve também estudos de viabilidade de meios de transporte, projeto e construção de veículos.

Engenharia do Petróleo

Envolve todas as etapas de produção do petróleo, desde a descoberta de jazidas até a comercialização de combustíveis, passando pela exploração e produção.

 

Engenharia Mecânica

Envolve projeto, construção, análise, operação e manutenção de sistemas mecânicos, como motores, veículos, máquinas e sistemas termodinâmicos para todo tipo de indústria.

Engenharia Metalúrgica

Voltada ao planejamento, coordenação e desenvolvimento de projetos de tratamento e de produção de metais. Envolve também o uso desses materiais para construção de peças, estruturas ou maquinário, beneficiamento de minérios e criação de novas ligas metálicas.

Engenharia Naval

Envolve projeto e construção de barcos, submarinos, navios e plataformas marinhas, bem como o desenvolvimento de tecnologias para exploração de rios, lagos, mares e oceanos.

Engenharia Nuclear

Ligada à pesquisa e controle da energia proveniente dos átomos. Envolve segurança de elementos radioativos, controle do uso da radiação em equipamentos, geração de energia nuclear, desenvolvimento e manutenção de armas nucleares.

Engenharia Química

Envolve planejamento, construção e operação de indústrias químicas, criação e melhoria de todo tipo de produto químico.

Engenharia Têxtil

Dedicada à fabricação e tratamento de fibras, fios e tecidos para atender diversos segmentos da indústria têxtil, além do projeto de fábricas e equipamentos para tecelagens.

Ficou interessado em cursar alguma Engenharia? Qual delas? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin