dcsimg

Vale a pena fazer Engenharia Civil? Descubra

Conheça as principais áreas de atuação de um engenheiro civil e descubra se esta profissão combina com você!

Engenharia Civil

Engenheiros civis atuam no ramo da construção e são profissionais muito requisitados no mercado de trabalho. A possibilidade de ter uma boa remuneração e a alta taxa de empregabilidade são fatores que atraem muitas pessoas para esta carreira.

A faculdade de Engenharia Civil é uma das mais tradicionais e está entre os dez cursos de graduação com o maior número de alunos matriculados em todo o País, de acordo com o último Censo da Educação Superior.

Mesmo com todos esses atrativos, muitas pessoas ficam em dúvida se vale a pena investir tempo e dinheiro em um curso superior de Engenharia Civil, se vão gostar do curso e que tipo de trabalho poderão realizar após a formatura.

Fazer uma faculdade é importantíssimo para iniciar ou turbinar sua carreira. Por isto é fundamental fazer uma pesquisa que ajude a tomar uma decisão madura e que respeite seus planos para o futuro.

Se você está pensando em fazer Engenharia Civil, veja a seguir se vale a pena investir nesta formação.

Vale a pena fazer a faculdade de Engenharia Civil?

Não existe uma resposta única a esta pergunta. Tudo depende dos seus objetivos profissionais, suas habilidades e interesses pessoais.

Uma das formas mais eficientes de identificar se esta carreira combina com você é pesquisar a fundo sobre o que se estuda durante a faculdade e que tipo de trabalho o engenheiro civil pode realizar.

Vamos lá?

O que se estuda em Engenharia Civil?

O engenheiro civil deve ter condições de planejar e gerenciar todas as etapas de uma obra, desde a reforma de uma casa até a construção de edifícios, viadutos, pontes, shoppings, estradas, indústrias, etc.

Por esta razão, boa parte do currículo programático é ocupada com disciplinas sobre técnicas de construção, estruturas dos materiais, estudo do solo, instalações elétricas e hidráulicas, saneamento, etc.

O início do curso apresenta muitas matérias de Ciências Exatas. É com essa base que o futuro engenheiro poderá criar modelos matemáticos para identificar e resolver problemas práticos da profissão.

A faculdade tem duração média de cinco anos anos e na maioria dos casos é oferecida em período integral. Quem deseja estudar Engenharia Civil deve estar preparado para se dedicar muito às disciplinas teóricas e desenvolver diversos projetos nas aulas práticas.

A organização do currículo do curso varia de uma universidade para a outra. De modo geral, estas são as principais disciplinas da faculdade de Engenharia Civil:

  • Algoritmos e Programação
  • Cálculo
  • Conforto Ambiental
  • Desenho de Construção Civil
  • Eletricidade
  • Estatística
  • Estruturas de Concreto
  • Estruturas de Madeira
  • Estruturas Metálicas
  • Física
  • Fundações
  • Hidráulica
  • Materiais de Construção Civil
  • Mecânica dos Solos
  • Topografia
  • Resistência dos Materiais

Onde um engenheiro civil pode atuar?

A construção civil é a principal área de atuação deste engenheiro. Ele pode assumir diferentes funções e trabalhar em todas as etapas de uma obra, como por exemplo:

  • Desenhar a planta.
  • Escolher os materiais que serão utilizados.
  • Calcular custos totais.
  • Realizar estudos de viabilidade técnica e econômica.
  • Definir e controlar cronogramas.
  • Gerenciar equipes de profissionais envolvidos no canteiro de obras.
  • Planejar instalações hidráulicas e elétricas.
  • Emitir laudos e pareceres técnicos.
  • Analisar a resistência e permeabilidade do solo.
  • Definir as técnicas que serão utilizadas na construção dos alicerces da obra.

Alguns profissionais optam por trabalhar de forma autônoma, abrindo seu próprio escritório de engenharia. Outros encontram oportunidades de emprego no setor de construção ou em órgãos públicos, empresas de transporte, saneamento, mobilidade, etc.

Além disso, o engenheiro civil pode atuar em áreas como:

  • Estruturas e fundações – projetando estruturas em madeira, aço, concreto e outros materiais para dar suporte às construções. Ele realiza testes de resistência e determina como as estruturas devem ser utilizadas de forma segura.
  • Gerenciamento de recursos prediais – fiscalizando o padrão de qualidade das edificações para que sua infraestrutura esteja sempre em ordem e não ofereça riscos aos usuários.
  • Recursos Hídricos – planejando e executando obras de barragens, reservatórios, sistemas de irrigação, canais e obras costeiras.
  • Infraestrutura e Transporte – planejando construções que facilitem a mobilidade urbana, como estradas, viadutos, pontes, portos, metrôs, aeroportos, túneis, etc.
  • Saneamento – contribuindo em projetos de saneamento básico, como o planejamento de redes de captação e distribuição de água, estações de tratamento de esgoto, etc.

Onde estudar Engenharia Civil?

A profissão de engenheiro civil é regulamentada por lei. Isso significa que para exercer suas atividades profissionais o engenheiro deve ter um diploma de curso reconhecido pelo MEC e um registro junto ao Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA).

Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Engenharia Civil:

Universidades Privadas:

Universidades Públicas:

Veja também:

Quanto ganha um engenheiro civil?

E para você, vale a pena fazer Engenharia Civil? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin