dcsimg

Descubra o valor da faculdade de Direito

Direito é uma das graduações com mais variação de preços do país. Descubra aqui as mensalidades!

Em número de matrículas, Direito é o maior curso do Brasil! A pesquisa é do mais recente Censo da Educação Superior e mostra que existem mais de 850 mil alunos matriculados.

Toda essa gente está distribuída nas cerca de 1.000 graduações em Direito existentes no Brasil – quase 90% delas são particulares. Há mensalidades para todos os bolsos, de R$ 500 a R$ 4.000!

Os cursos não são baratos, mas a possibilidade de alcançar bons salários compensa o investimento. E para aliviar o bolso encontramos vários programas de descontos, bolsas de estudo e financiamentos, patrocinados tanto pelo governo federal como pela iniciativa privada.

Confira agora os valores de mais de 40 faculdades de Direito em todo o Brasil e veja as possibilidades de estudar pagando menos!

Quanto custa estudar Direito?

A oscilação de preços das faculdades de Direito no Brasil é bastante grande. Vai desde cerca de R$ 500 a até mais de R$ 2.000. Há, inclusive, faculdades de Direito que cobram mensalidades por volta dos R$ 4.000! Mas fique tranquilo, pois são exceções.

A média mesmo fica entre R$ 1.000 e R$ 1.500 mensais. Há opções tanto nas grandes redes de ensino como em faculdades mais especializadas nas Ciências Jurídicas.

Preparamos uma relação com algumas das mais importantes instituições do país que oferecem a graduação em Direito. Para facilitar a sua consulta, separamos as universidades por faixas de preço.

Ressaltamos que todas as faculdades da lista estão credenciadas pelo Ministério da Educação (MEC), o que garante a validade do diploma em todo o Brasil.

Faculdades de Direito por menos de R$ 600

  • Faculdade Católica de Rondônia (FCR)
  • Faculdade de Tecnologia de Teresina (CET)
  • Faculdade Norte Paranaense (UNINORTE)
  • Faculdade União Bandeirante (UNIBAN)
  • Universidade Nove de Julho (UNINOVE)
  • Universidade Presidente Antônio Carlos (UNIPAC)

 

Faculdades de Direito entre R$ 600 e R$ 800

Faculdades de Direito entre R$ 801 e R$ 1.000

  • Universidade de Franca (UNIFRAN)
  • Centro de Ensino Superior de Vitória (CESV)
  • Centro Universitário Planalto do Distrito Federal (UNIPLAN)
  • Faculdade Católica Salesiana do Espírito Santo
  • Faculdade Unime de Ciências Jurídicas (FCJ)
  • Universidade Paulista (UNIP)
  • Universidade Salgado de Oliveira (UNIVERSO)

 

Faculdades de Direito entre R$ 1.001 e R$ 1.400

  • Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais
  • Centro Universitário Luterano de Manaus (ULBRA Manaus)
  • Escola Paulista de Direito (EPD)
  • Faculdade Cearense (FAC)
  • Faculdade de Belém (FABEL)
  • Faculdade de Direito de Contagem (FDCON)
  • Faculdades Londrina
  • Faculdade Social da Bahia (FSBA)

Faculdades de Direito entre R$ 1.401 e R$ 1.800

  • Centro Universitário do Distrito Federal (UDF)
  • Centro Universitário Euro-Americano (UNIEURO)
  • Centro Universitário Jorge Amado (UNIJORGE)
  • Faculdade de Ciências de Guarulhos (FACIG)
  • Faculdades Integradas ICESP (ICESP)
  • Faculdade ISEIB de Betim (FISBE)
  • Faculdade Metropolitana da Amazônia (FAMAZ)
  • Faculdade Metropolitana de Caieiras (FMC)
  • Instituto de Ensino Superior Planalto (IESPLAN)
  • Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS)

 

Faculdades de Direito acima dos R$ R$ 1.800

  • Centro Universitário Univates (UNIVATES)
  • Escola de Direito de São Paulo (DIREITO GV)
  • Faculdade de Direito da Fundação Armando Álvares Penteado (FAD-FAAP)
  • Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RIO)

Estudar Direito pagando menos

Se as mensalidades de Direito estão fora do seu alcance, não desanime. O governo federal mantém alguns programas que facilitam o acesso do estudante de baixa renda ao ensino superior. Você já deve ter ouvido falar destes dois:

  • ProUni:é o Programa Universidade para Todos, que dá bolsas de estudos parciais ou integrais. Para concorrer ao benefício é obrigatório se enquadrar nos critérios de renda familiar e formação escolar. Além disso, é preciso ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) mais recente, com desempenho de pelo menos 450 pontos na média geral das provas, sem ter zerado na redação. O ProUni acontece duas vezes ao ano.
  • FIES:o Fundo de Financiamento Estudantil ajuda a pagar as mensalidades de cursos superiores. A dívida só começa a ser cobrada depois da formatura, com prazo longo para pagamento e juros bem baixos, podendo inclusive chegar a zero em alguns casos. O FIES também é voltado a alunos de baixa renda e exige o mesmo desempenho mínimo no Enem solicitado pelo ProUni. A diferença é que vale apresentar a nota de qualquer edição do exame a partir de 2010. Como a concorrência é alta, quanto melhor o desempenho no Enem, maiores chances de conseguir o benefício. As inscrições são abertas duas vezes ao ano.

Vale a pena ficar atento também a programas privados oferecidos pelas próprias instituições de ensino. Algumas iniciativas, por exemplo, dão descontos para estudantes que pagam a o boleto em dia, para quem vem transferido de outras faculdades, para quem trabalha em empresas parceiras ou ainda os alunos que se destacam nas notas. É comum também que as grandes redes de ensino mantenham programas de financiamento ou parcelamento das mensalidades.

Selecionamos algumas faculdades de Direito reconhecidas pelo MEC que oferecem todas essas vantagens financeiras que acabamos de citar:

Para verificar todas essas possibilidades, entre em contato diretamente com a instituição em que você está pensando em estudar.

Veja também:

Descubra quais são as áreas mais bem pagas do Direito

O que achou dos valores da faculdade de Direito? Dá para encarar as mensalidades ou vai tentar algum programa de bolsa ou financiamento? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin