dcsimg

Descubra como você pode usar o ProUni para entrar na Anhanguera

Saiba mais sobre como realizar seus estudos na Anhanguera utilizando o Programa Universidade para Todos (ProUni)!

O Programa Universidade para Todos (ProUni) é uma iniciativa do Governo Federal que concede bolsas de estudo em faculdades particulares a estudantes de baixa renda que ainda não possuam diploma de nível superior.

O Programa também funciona como uma forma de entrar na faculdade sem precisar prestar vestibular, pois classifica os candidatos por meio da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Se você participou do Enem e atende aos critérios de participação no ProUni, pode matar dois coelhos com uma cajadada só: conseguir uma bolsa e pular a prova!

O Ministério da Educação (MEC) só permite que faculdades com boa avaliação participem do Programa. O Centro Universitário Anhanguera (ANHANGUERA) é uma delas.

Está pensando em cursar a Anhanguera utilizando o ProUni? Este guia é para você. Veja a seguir como fazer para realizar seus estudos na Anhanguera com a ajuda de uma bolsa de estudos!

Que tipos de bolsa existem no ProUni da Anhanguera?

O ProUni possui dois tipos de bolsa, concedidas aos estudantes de acordo com sua renda familiar bruta mensal:

  • Bolsa integral (cobre 100% do valor das mensalidades): para candidatos com renda familiar bruta mensal de até 1,5 salários mínimos por pessoa.
  • Bolsa parcial (cobre 50% do valor das mensalidades): para candidatos com renda familiar bruta mensal de até 3 salários mínimos por pessoa.

A Anhanguera, em conformidade com os termos de funcionamento do Programa, oferece os dois tipos de bolsa.

Quem pode utilizar o ProUni para entrar na Anhanguera?

Para utilizar o ProUni, seja na Anhanguera ou em qualquer outra faculdade participante do Programa, o candidato precisa atender os seguintes requisitos:

  • Ter participado da edição mais recente do Enem, com desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação
  • Possuir renda familiar bruta mensal de até 3 salários mínimos por pessoa

Além dos requisitos acima, o candidato deve se encaixar em pelo menos um destes perfis:

  • Ter cursado o ensino médio em escola pública ou em escola particular na condição de bolsista integral
  • Ser pessoa com deficiência
  • Ser professor efetivo da rede pública de ensino, concorrendo a bolsas de licenciatura (nesse caso não é necessário cumprir o requisito de renda)

Quando ocorre o ProUni e quando posso usá-lo para entrar na Anhanguera?

O ProUni tem duas edições por ano: no início do primeiro semestre e no início do segundo semestre.

Como funciona o processo seletivo do ProUni para entrar na Anhanguera?

O processo do ProUni, seja para solicitar a bolsa na Anhanguera ou em qualquer outra faculdade, é unificado e tem um prazo determinado para as inscrições. Elas são gratuitas e devem ser feitas pela internet, somente no site oficial do Programa.

Para realizar o cadastro, você deve inserir o seu número de inscrição e a senha da edição mais recente do Enem. Depois, deve preencher as informações solicitadas e escolher a Faculdade Anhanguera (inclusive a unidade) e duas opções de curso dentre as disponíveis no sistema. É preciso também selecionar o turno e a modalidade de concorrência (ampla concorrência ou ações afirmativas).

O sistema do ProUni é totalmente informatizado e usa o desempenho no Enem mais recente como único critério de classificação. A concorrência se dá entre os candidatos que escolheram as mesmas opções de curso, faculdade, campus, turno e modalidade de concorrência.

Enquanto as inscrições estiverem abertas, o ProUni divulga as notas de corte parciais – nota do Enem do último candidato que tem chances de conseguir aquela vaga.

O candidato deve acompanhar as variações da nota de corte parcial todos os dias, para avaliar se continua disputando determinada vaga ou se tenta outra opção de curso na Anhanguera. Essa informação é apenas um guia e não garante a classificação. O ProUni só divulga as notas de corte finais após encerrar o processo seletivo.

As notas de corte variam a cada edição do ProUni e dependem também do desempenho dos candidatos que escolheram o mesmo curso, faculdade, unidade, turno e modalidade de concorrência. Em alguns casos, dá para passar com nota próxima ao mínimo exigido. Já em cursos muito concorridos, como Medicina, Engenharia, Direito, etc., as notas de corte podem superar os 800 pontos.

Em edições recentes, tem sido possível entrar em vários cursos da Anhanguera com cerca de 650 pontos.

Fui selecionado para uma bolsa do ProUni na Anhanguera. Qual o próximo passo?

O candidato que for selecionado para uma bolsa do ProUni tem um prazo curto para comprovar as informações fornecidas durante a inscrição e fazer a matrícula, apresentando toda a documentação necessária na unidade da Anhanguera de sua escolha.

Importante: quem não fizer a matrícula dentro desse período perde a vaga. A matrícula de bolsistas do ProUni não é automática!

O ProUni realiza duas chamadas e, caso as vagas não sejam preenchidas, lança o processo de Bolsas Remanescentes. Dessa forma, quem não foi convocado na primeira ou na segunda chamada ainda tem a oportunidade de conquistar uma bolsa.

Quais são os documentos necessários para fazer a inscrição no ProUni e estudar na Anhanguera?

Você foi selecionado no ProUni e vai se tornar um aluno da Anhanguera? Parabéns! Agora você deverá apresentar documentos que comprovem as informações na inscrição do ProUni. A documentação exigida é a seguinte:

  • Identificação do candidato e membros do grupo familiar: Pode ser RG, Carteira de Habilitação, Passaporte emitido no Brasil, etc.
  • Comprovantes de rendimentos: dependem do tipo de atividade (assalariado, autônomo, trabalhador rural, pensionista, aposentado) e o candidato deverá apresentar comprovantes de cada membro da família que possua qualquer tipo de renda.
  • Comprovantes de residência: Contas de água, gás, luz, telefone, contrato de aluguel, declaração anual do Imposto de Renda, fatura do cartão de crédito, boleto bancário de mensalidade de escola, plano de saúde, etc.

Existe bolsa do ProUni para todos os cursos?

Sim, é possível encontrar bolsas do ProUni para todos os cursos, inclusive aqueles mega disputados, como Medicina e Direito. No entanto, a oferta pode mudar a cada semestre e só dá para saber exatamente quais cursos e faculdades oferecem bolsa naquela edição do Programa quando as inscrições estiverem abertas.

Posso usar o ProUni e o FIES ao mesmo tempo para custear meus estudos na Anhanguera?

Depende da situação. O FIES pode ser solicitado somente por bolsistas parciais do ProUni para financiar o restante da mensalidade, desde que a utilização do FIES seja para financiar o mesmo curso da Anhanguera e a soma dos dois benefícios não seja maior que o valor da mensalidade do curso financiado.

Quais são os cursos da Anhanguera disponíveis no ProUni?

A oferta de cursos da Anhanguera para o ProUni depende da edição do programa. Você poderá consultar todos os cursos disponíveis durante o período de inscrição.

Veja também:

O que é ProUni?

Pretende se candidatar a um curso da Anhanguera pelo ProUni? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin