dcsimg

Descubra como fazer o pagamento do boleto do Enem

Veja os prazos e procedimentos para pagar a inscrição e garantir sua participação no Exame Nacional do Ensino Médio!

enem-logoO tempo passa mais rápido quando é ano de fazer o Enem. A impressão é que a gente vai dormir em janeiro e, quando acordar, já vai ser o dia da prova!

Nessa correria que envolve estudos, expectativas e procedimentos de inscrição, muita gente acaba deixando tudo para a última hora – o que pode ser um erro grande para quem não quer correr o risco de perder as provas do maior vestibular do País.

Se você quer começar o ano que vem com o pé direito, pronto para entrar na faculdade, deve ficar bem atento a todos os procedimentos de participação do Enem, principalmente em relação ao pagamento do boleto de inscrição.

Quem perde o prazo fica de fora do Exame. O Ministério da Educação não dá colher de chá a ninguém. Os prazos e datas-limite do Enem não são prorrogados.

Para ajudá-lo a garantir sua participação no Enem deste ano, preparamos alguns tópicos que vão tirar todas as suas dúvidas sobre como fazer o pagamento do boleto.

O que é o boleto do Enem?

O boleto do Enem é uma Guia de Recolhimento da União (GRU). É um tipo de documento criado para que as pessoas possam fazer pagamentos diretamente aos órgãos públicos do Governo Federal.

A GRU é gerada quando você faz a inscrição no Enem e não se encaixa nos critérios de isenção de taxa (que você vai ver mais adiante).

Sua inscrição no Enem só é confirmada depois do pagamento do boleto.

Quando o boleto do Enem fica disponível para pagamento?

O boleto é gerado automaticamente assim que você preenche todos os dados e confirma o cadastro no site oficial do Enem durante o período de inscrição.

O candidato pode acessar, baixar e reimprimir o boleto quantas vezes for necessário até a data de encerramento das inscrições.

Atenção: cuidado para não cair em golpes! Só pague o boleto gerado na sua página de inscrição. Não aceite documentos de terceiros!

Quando abrem as inscrições para o Enem?

Normalmente as inscrições para o Enem começam no mês de maio, mas não existe uma data fixa que sirva para todos os anos. O importante é você ficar de olho na divulgação oficial do Ministério da Educação, que acontece geralmente em meados de abril.

Onde é possível pagar o boleto do Enem?

O MEC finalmente ampliou a rede credenciada para receber os pagamentos do boleto do Enem.

Antes, a guia só podia ser paga nas agências do Banco do Brasil. Agora, o candidato tem muito mais opções, podendo se dirigir a:

  • Qualquer agência bancária
  • Casas lotéricas
  • Agências dos correios

Posso pagar fora do prazo, com multa?

Não. O MEC não adia o prazo de pagamento em nenhuma hipótese. Você deve ficar muito atento às datas e tentar efetuar o pagamento o quanto antes.

Geralmente, durante o período de inscrição, o MEC dá dois prazos-limite aos candidatos: um para fazer o cadastro no sistema e outro para pagar o boleto.

O prazo para pagamento é de uns dias a mais depois do encerramento da inscrição. Se o candidato não fizer o pagamento até a data-limite, perderá a chance de fazer o Enem. E não tem desculpa que resolva a situação!

Deixar para última hora é um erro, porque a gente nunca sabe que tipo de problema pode enfrentar. Mesmo que o sistema bancário caia, que a casa lotérica tenha problemas, que seja feriado local e todas as agências dos correios estejam fechadas, ainda assim o MEC não vai dar um prazo a mais para você pagar o boleto. Por isso a recomendação é fazer o pagamento logo que as inscrições do Enem forem abertas.

Quem não precisa pagar o boleto do Enem?

O MEC prevê dois casos de isenção da taxa de inscrição do Enem. Estão dispensados de pagar o boleto os candidatos que cumprirem os seguintes requisitos:

  1. Alunos de escola pública que estão concluindo o ensino médio. Ficarão automaticamente isentos da taxa ao fazerem a inscrição no Enem e informarem o nome da instituição onde estudam (a escola precisa estar declarada no Censo Escolar da Educação Básica). Quando isso acontece, o candidato não precisa enviar qualquer tipo de documentação que comprove sua situação.
  1. Candidatos de baixa renda ou que comprovem estar em situação de vulnerabilidade social. No site oficial do Enem, durante o período de inscrição, o candidato pode preencher sua solicitação usando o formulário de Declaração de Carência Socioeconômica. A princípio, não é necessário enviar qualquer documentação ao MEC, mas a recomendação é que todos os comprovantes estejam ao alcance da mão, caso precise apresentá-los.

O candidato deve acompanhar o processo de isenção pela Página do Participante. Caso o pedido seja negado, ele terá um prazo para quitar o boleto e garantir sua participação no Enem.

Candidatos que pediram isenção nos anos anteriores e não foram fazer a prova terão problemas para conseguir uma nova isenção esse ano. O interessado pode tentar uma justificativa para explicar o porquê da ausência no Enem anterior. Se a desculpa não for aceita pelo MEC, o candidato terá que pagar o boleto até a data-limite, caso queira fazer as provas do Enem.

Pode parcelar o valor do boleto do Enem?

Não. O valor tem que ser pago integralmente em qualquer agência bancária, posto dos correios ou casa lotérica de todo o Brasil.

O MEC também não aceita pagamento com cartão de crédito. O candidato pode usar a função débito em conta, caso pague o boleto diretamente na sua agência bancária.

Posso pedir o dinheiro de volta caso desista de fazer o Enem?

Não. Uma vez pago o boleto, o MEC não devolve o dinheiro da inscrição, mesmo que o candidato desista de fazer as provas.

O dinheiro só seria devolvido em caso de cancelamento de toda a edição do Enem – o que é bastante improvável.

Não perca nenhum detalhe do Enem!

Para não perder nenhum detalhe do Enem, a recomendação é estudar bem o edital do concurso. Nele o candidato encontrará todas as instruções necessárias para garantir a participação nas provas.

O documento é publicado todo ano no site oficial do Enem, algumas semanas antes de abrirem as inscrições.

Veja também:

Faculdades que aceitam o Enem

Ainda tem dúvidas sobre o pagamento do boleto do Enem? Converse com a gente pelos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin