dcsimg

Saiba tudo sobre a prova do Enem 2016

O Exame Nacional do Ensino Médio deste ano já está aí e é bom você chegar às provas bem preparado. Descubra como!

Sisu, ProUni, FIESA próxima edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) já tem dia e hora para acontecer! No primeiro fim de semana de novembro, milhões de estudantes vão passar o fim de semana dando o melhor de si para resolver 180 questões de quatro áreas do conhecimento e elaborar uma redação.

O Enem é capaz de tirar o sono de qualquer um. São muitos obstáculos a superar: o Exame é longo, tem perguntas difíceis, o tempo para resolver cada questão é curto e a redação tira muita gente da jogada. Mas o fato é que um bom desempenho nas provas pode render benefícios gigantescos, como uma vaga em universidade pública, bolsa de estudos em faculdade privada ou entrar direto em muitas instituições particulares sem precisar fazer vestibular.

Ou seja, vale muito a pena dedicar-se ao Enem. E um dos segredos para fazer bonito no dia do Exame é entender tudo sobre a prova, os formatos, as datas, os assuntos que podem cair, os temas que pode ser abordados na redação e muito mais.

Confira o guia que preparamos para você a seguir sobre a prova do Enem 2016.

As datas das provas do Enem 2016

Anote aí: este ano, o Enem será realizado nos dias 5 e 6 de novembro – um fim de semana, como de costume.

As provas estão divididas da seguinte forma:

Dia 5 de novembro (sábado):

Tempo de duração: 4 horas e 30 minutos

  • 45 questões objetivas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias
  • 45 questões objetivas de Ciências Humanas e suas Tecnologias

Dia 6 de novembro (domingo):

Tempo de duração: 5 horas e 30 minutos

  • Redação
  • 45 questões objetivas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias
  • 45 questões objetivas de Matemática e suas Tecnologias

A divisão das provas do Enem 2016

Se você leu o tópico acima e ficou sem entender bem o que são as Ciências da Natureza, por exemplo, nós explicamos.

O Enem agrupa as disciplinas tradicionais em áreas do conhecimento. A ideia é ser multidisciplinar, misturar diversos campos do saber numa só prova. Por isso a organização aqui é mais ampla.

Na prática, as disciplinas que aprendemos na escola estão todas lá, distribuídas da seguinte forma:

Linguagens, Códigos e suas Tecnologias

  • Artes
  • Educação Física
  • Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol)
  • Língua Portuguesa
  • Literatura
  • Tecnologias da Informação e Comunicação

Ciências Humanas e suas Tecnologias

  • Filosofia
  • Geografia
  • História
  • Sociologia

Ciências da Natureza e suas Tecnologias

  • Biologia
  • Física
  • Química

Matemática e suas Tecnologias

  • Matemática

O que cai nas provas do Enem 2016?

A lista de assuntos que podem cair nas provas do Enem é longa e inclui o conteúdo dos três anos do ensino médio. Veja um breve resumo retirado do edital do Exame:

Linguagens, Códigos e suas Tecnologias

  • Artes visuais, teatro, música e dança
  • Construção de textos e recursos da língua
  • Função social das novas tecnologias
  • Gêneros textuais
  • Linguagem corporal, exercício físico e saúde, esporte e expressão cultural
  • Literatura brasileira
  • Norma culta da Língua Portuguesa
  • Produção literária
  • Tecnologia da comunicação e informação

Ciências Humanas e suas Tecnologias

  • Capitalismo
  • Ditaduras políticas na América Latina
  • Economia brasileira
  • Escravidão e história cultural dos povos africanos
  • Feudalismo
  • Formação sociocultural brasileira
  • Formação territorial brasileira
  • Independência das colônias
  • Movimentos culturais
  • Recursos minerais e energéticos
  • Revolução industrial e industrialização brasileira
  • Revoluções sociais e políticas
  • Sistemas totalitários na Europa no século XX
  • Socialismo
  • Solo, relevo e clima brasileiro
  • Sustentabilidade e impacto ambiental das atividades econômicas no Brasil

Ciências da Natureza e suas Tecnologias

  • Calor e fenômenos térmicos
  • Células, moléculas e tecidos
  • Ciências ambientais
  • Compostos de carbono
  • Ecologia
  • Energias químicas no cotidiano
  • Fenômenos elétricos e magnéticos
  • Funcionamento do universo
  • Hereditariedade e diversidade da vida
  • Identidade dos seres vivos
  • Leis físicas
  • Mecânica
  • Movimento e equilíbrio
  • Origem e evolução da vida
  • Propriedades e usos dos materiais
  • Qualidade de vida das populações humanas
  • Trabalho, energia e potência
  • Transformações químicas

Matemática e suas Tecnologias

  • Álgebra: circunferências, retas, paralelismo e perpendicularidade, plano cartesiano
  • Conjuntos numéricos
  • Desigualdades, sequências e progressões
  • Equações e inequações
  • Fatoração, porcentagem e juros
  • Funções do 1° e do 2° graus
  • Funções trigonométricas
  • Geometria geral
  • Gráficos e funções
  • Noções de probabilidade
  • Representação e análise de dados

A prova de Redação do Enem 2016

A redação mete medo em muitos participantes. Um zero nesta prova e o candidato estará impedido de participar dos processos seletivos do Governo Federal que distribuem vagas em universidades públicas, concedem bolsas de estudos em universidades particulares ou ampliam o acesso ao crédito estudantil.

Na redação, o candidato terá que escrever sobre o tema solicitado e demonstrar um bom desempenho em cinco quesitos:

  1. Domínio da norma culta da Língua Portuguesa.
  2. Compreensão crítica do tema proposto.
  3. Organização e interpretação de fatos e informações que embasem a defesa do tema.
  4. Uso dos mecanismos linguísticos.
  5. Elaboração de uma proposta de intervenção social que respeite os direitos humanos.

O tema é um segredo muito bem guardado que só será revelado no dia 6 de novembro.

A redação exige que o candidato esteja por dentro de assuntos que estão em pauta no cenário político, econômico, social e cultural do Brasil e do mundo.

Para ajudar nos seus estudos, veja: 7 temas que você precisa estudar pra redação do Enem 2016.

Como é o cálculo das provas do Enem 2016?

As notas do Enem são calculadas de duas formas:

  1. Teoria de Resposta ao Item (TRI): As provas objetivas são calculadas de acordo com um sistema complexo que leva em conta a coerência nas respostas dadas pelos participantes, entre outros fatores.
    A TRI é capaz de medir o grau de conhecimento dos candidatos em cada uma das áreas de conhecimento da prova e identificar as respostas aleatórias – os famosos chutes. O sistema vai atribuindo uma pontuação diferente por cada questão. Por isso é tão difícil calcular a nota do Enem, mesmo com o gabarito em mãos.
  1. Correção da redação: As redações são corrigidas anonimamente por dois avaliadores diferentes. Depois, são atribuídas duas notas finais, que são somadas e divididas. Esta prova pode valer até 1.000 pontos.

Resultado das provas do Enem 2016

O MEC divulgou o gabarito oficial  no dia 9 de novembro, mas o resultado do Enem, com as notas de cada prova, sai no dia 19 de janeiro de 2017.

Ah, cuidado para não perder a data de inscrição do Enem!

Não adianta falar das provas e perder a data de inscrição. Este ano, o processo começa no dia 9 de maio e vai até o dia 20 do mesmo mês. Você tem que se programar bem, porque o Ministério da Educação é rígido com datas. Quem não conseguir se inscrever, por qualquer motivo, vai ficar sem fazer as provas do Enem 2016. Não tem justificativa que dê jeito.

A taxa de inscrição deve ser paga até o dia 25 de maio. Aqui também funciona a mesma regra: que não pagar até a data-limite vai ficar de fora do Enem.

O MEC já avisou que não vai haver qualquer tipo de prorrogação.

Veja também:

Conheça as principais datas do Enem 2016

Como está a sua ansiedade para encarar as provas do Enem deste ano? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin