dcsimg

Veja tudo sobre o juro zero do FIES e saiba quem tem direito

Tire todas as suas dúvidas sobre tipo de contrato do FIES que oferece juro zero!

O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) vem passando por várias mudanças.

Em 2015, virou um processo seletivo que usa como critério de classificação a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Em 2017, sofreu uma verdadeira reviravolta: o limite de renda para participar aumentou, a taxa de juros foi modificada e agora há nada menos que três tipos diferentes de contrato.

Em um deles, a taxa de juros é 0%. É isso mesmo que você leu, agora há uma modalidade do financiamento que cobra juro zero. Para consegui-lo, no entanto, é necessário atender a alguns critérios.

Confira nosso guia sobre o FIES juro zero e descubra se você preenche os requisitos para se candidatar. Leia também sobre sua estrutura, as regras do financiamento, e os outros tipos de contrato. Ao final, conheça algumas faculdades onde é possível conseguir o benefício. Vamos lá?

Quem tem direito ao FIES juro zero?

Para se candidatar ao FIES com juro zero, o principal critério é se encaixar na renda máxima determinada pelo programa. Nessa modalidade, o estudante deve ter renda familiar bruta mensal de até três salários mínimos por pessoa.

Quanto ao critério de desempenho no Enem, ele se mantém igual aos dos outros contratos: para se inscrever é preciso ter pelo menos 450 pontos na média das provas e não ter zerado a redação de uma mesma edição do Exame (qualquer uma a partir de 2010).

Apresentar uma pontuação maior do que essa pode ser muito importante para conseguir uma vaga, mas é importante saber que a nota do Enem não tem nenhum impacto nos juros do contrato. O que determina a assinatura do financiamento com juro zero é especificamente a renda familiar, uma vez que essa modalidade é voltada para quem tem menos condições financeiras de bancar os estudos.

O governo federal anunciou que, de todas as vagas oferecidas pelo FIES anualmente, cerca de um terço terá juro zero.

Como funciona o FIES com juro zero?

Para se candidatar ao FIES com juro zero o caminho é o mesmo dos outros contratos: fazer a inscrição no processo seletivo. O estudante pode escolher, entre as vagas disponíveis, o curso, o turno, o campus e a faculdade.

Não há limitações quanto ao valor da mensalidade do curso.

Como funciona o pagamento do FIES juro zero?

Quem pretende se candidatar ao FIES deve ter a consciência de que o programa é um financiamento estudantil – o governo federal está emprestando dinheiro para que o a pessoa consiga pagar seus estudos. Como todo empréstimo, um dia ele precisará ser devolvido.

Fique atento: apesar de não ter juros, o valor emprestado nesse tipo de contrato será corrigido pela inflação do período.

A quitação da dívida deve começar a ser feita após a formatura. O FIES poderá descontar as parcelas automaticamente da folha de pagamento.

Por contrato, o valor a ser pago mensalmente não pode ultrapassar 10% da renda. Assim, quem ganha R$ 1.000 vai pagar uma parcela de, no máximo, R$ 100 mensais.

Quais são os outros contratos do FIES?

Até aqui você leu sobre o contrato do FIES com juro zero. No entanto, ele tem uma limitação na quantidade de vagas.

Para quem não conseguiu um financiamento de juro zero, nem tudo está perdido. Ainda sobram os dois outros tipos de contrato. Confira-os a seguir:

Contrato do tipo 2: Criado para quem possui renda familiar bruta mensal de até cinco salários mínimos por pessoa e mora nas regiões Norte, Nordeste e Centro Oeste do país. A taxa de juros é de 3% ao ano.

Contrato do tipo 3: Para quem tem renda familiar bruta mensal de até cinco salários mínimos por pessoa. As taxas de juros ainda não foram definidas pelo governo federal, mas assim que a informação for divulgada, vamos contar por aqui.

Para ambos os tipos de contrato, as regras são as mesmas: o candidato precisa passar por um processo seletivo e não há valor máximo definido para as mensalidades.

Faculdades que participam do FIES

Agora que você já está por dentro de todos os contratos do FIES, chegou a hora de definir a instituição de ensino que irá cursar. Para participar do programa, é necessário que a faculdade seja reconhecida pelo MEC e tenha avaliação positiva – quanto mais alto for o conceito da instituição, mais vagas pelo FIES ela poderá oferecer.

Fizemos uma lista com algumas faculdades que geralmente participam do FIES e oferecem uma enorme variedade de graduações. Há cursos para todos os gostos, interesses e talentos. Certamente você encontrará algo que combine com você! Dê uma olhada:

Veja também:

ProUni e FIES juntos

Você se encaixa nos critérios do FIES juro zero? Vai se candidatar para qual curso e faculdade? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin