dcsimg

Descubra quais são as matérias que mais caem no ENEM e como se preparar

Conheça as matérias que o Enem costuma repetir e chegue às provas com a corda toda. Veja também como usar sua nota para entrar na faculdade!

Enem

Aquela lista comprida que a gente encontra no edital do Enem, com todos os conteúdos que é preciso estudar para fazer a prova, esconde alguns segredos interessantes.

É que, de tudo o que é pedido, existem algumas matérias preferidas pelos organizadores do Exame. É quase certo que devem aparecer na próxima edição, já que vêm caindo na prova ano após ano.

Quem ficar de olho e dedicar atenção extra ao estudo desses temas vai chegar ao Enem dominando boa parte das questões. É praticamente uma garantia de nota boa!

Descubra a seguir quais são as matérias que mais caem no Enem e como se preparar para arrasar nas provas!

As matérias de Matemática e suas Tecnologias que mais caem no Enem

Essa é uma das provas mais importantes e difíceis do Enem. São 45 questões de pura Matemática para você quebrar a cuca.

Como é a área do conhecimento que geralmente resulta no rendimento mais baixo entre todos os estudantes que fazem o Enem, conseguir uma boa pontuação aqui pode garantir lugar de destaque nos processos seletivos que usam a nota do Exame.

Por isso, reforce seus estudos nas seguintes matérias:

  • Regra de três
  • Probabilidade
  • Grandezas proporcionais
  • Estatística – média aritmética, moda e mediana
  • Funções de 1° e 2° graus
  • Equações de 1º e 2º graus
  • Metro cúbico
  • Porcentagem
  • Trigonometria (triângulo retângulo e semelhança de triângulos)
  • Seno, cosseno e tangente
  • Área, volume e perímetros
  • Análise combinatória
  • Progressão aritmética e geométrica

As matérias de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias que mais caem no Enem

Essa prova tem 45 questões e trata de assuntos como Literatura, Língua Portuguesa, Língua Estrangeira, Artes, Educação Física e Tecnologias da Informação e Comunicação.

O primeiro segredo para obter uma boa pontuação em Linguagens é investir pesado em interpretação de texto. Dominar essa habilidade também vai ser bastante útil nas outras matérias.

Outra dica importante é ler bastante. As questões de Linguagens são longas e por vezes difíceis de entender. Quem chegar bem treinado vai ter maior facilidade de “desvendar” a mensagem por trás das palavras.

As matérias que mais caem no Enem são:

  • Interpretação de texto
  • Funções da linguagem
  • Síntese e resumo
  • Ambiguidade
  • Denotação e conotação
  • Gêneros textuais
  • Norma culta e popular
  • Intertextualidade
  • Figuras de linguagem
  • Literatura
  • Modernismo e outros movimentos artísticos
  • Vanguardas europeias

As matérias de Ciências Humanas e suas Tecnologias que mais caem no Enem

A área de Ciências Humanas agrega conteúdos de História, Geografia, Sociologia e Filosofia. Aqui o viés político e social é bastante forte, o que obriga o candidato a chegar à prova com um repertório atualizado sobre os temas abaixo:

  • Direitos Humanos
  • Conquistas trabalhistas
  • Ditadura no Brasil
  • Agricultura e Agronegócio
  • Análise de mapas
  • Movimentos sociais
  • Urbanização e violência
  • Impactos ambientais da poluição
  • Conflitos por terra
  • Crescimento populacional
  • Transportes
  • Desenvolvimento social
  • Mulheres, negros e homossexuais na sociedade brasileira
  • Conceitos fundamentais de Filosofia e Sociologia
  • Indústria brasileira
  • Questão da água
  • Energia
  • História do Brasil, com ênfase para Era Vargas, ditadura militar, escravidão, Revolução Industrial, Revolução Russa, República Oligárquica, República Liberal e pós-guerra

As matérias de Ciências da Natureza e suas Tecnologias que mais caem no Enem

Ciências da Natureza traz conteúdos de três grandes disciplinas: Química, Física e Biologia.

É de se esperar, portanto, que a lista de assuntos favoritos dessa área seja um tanto maior que as demais.

Confira:

  • Cálculo de pH
  • Estequiometria
  • Termoquímica
  • Funções orgânicas
  • Nomenclatura
  • Compostos orgânicos
  • Neutralidade
  • Oxidação
  • Equilíbrios químicos
  • Combustíveis
  • Isomeria
  • Radiação
  • Hidrocarbonetos
  • Soluções químicas
  • Funções orgânicas
  • Reações orgânicas
  • Química e meio ambiente
  • Mecânica
  • Energia
  • Eletricidade
  • Termofísica
  • Óptica
  • Leis de Newton
  • Correntes e potência elétrica
  • Fenômenos ondulatórios
  • Ecologia
  • Evolução
  • Biomas
  • Genética e biotecnologia
  • Teia e cadeia alimentar
  • Fluxo de energia
  • Ciclos biogeoquímicos
  • Fisiologia humana

Como se preparar para mandar bem no Enem

Saber quais matérias mais caem no Enem não significa que você não tenha que estudar as demais.

A gente nunca sabe o que virá no próximo Exame. Portanto, garanta uma boa dose de conhecimento se você realmente quer fazer bonito nas provas. Isso é especialmente válido para aqueles cursos que exigem pontuação alta, como Medicina, Direito, Odontologia, Psicologia e Engenharia.

Para se preparar bem não tem segredo. Dedicação e atenção redobrada são essenciais.

Anote estas dicas de como se preparar para tirar uma boa nota no Enem:

  • Estude todos os conteúdos listados no edital, dando atenção especial às matérias que caem com mais frequência.
  • Pratique seus estudos com as provas das edições anteriores do Enem (a partir de 2010) para ganhar familiaridade com o formato e o grau de dificuldade das provas.
  • Crie uma tabela e assinale as questões que você acertou, as que errou, as que achou de média, alta e baixa dificuldade.
  • Nos seus estudos, tente dar foco às matérias em que você tem média e alta dificuldade.
  • Não se esqueça de cronometrar o tempo necessário para resolver as questões das provas anteriores. Com isso você vai ganhar ritmo para encarar a maratona que é o Enem.
  • Mantenha-se sempre atualizado sobre o que pode ser tema da redação. Leia bastante, escreva, busque pontos de vista diversos.

Também é importante ficar atento a certas particularidades da prova, como:

Multidisciplinaridade – muitos candidatos que vão fazer o Enem pela primeira vez estranham o formato das provas. Tem muitas questões com perfil multidisciplinar, que exigem conhecimento em duas ou mais áreas. Por isso é importante treinar um olhar integrado de todas as matérias.

Interpretação de texto – essa é uma das principais habilidades que o Enem está preocupado em analisar. Como já falamos acima, treinar interpretação de textos vai fazer você se sair bem em todas as provas. Também é recomendável praticar a análise de gráficos e tabelas – muitas questões utilizam esses recursos.

Coerência – o modelo de correção do Enem é diferente de tudo que a gente já viu em termos de avaliação. Resumindo em poucas palavras, ele atende a um critério de coerência. Ou seja, o candidato que acertar todas as questões fáceis, algumas de média dificuldade e uma ou outra difícil vai ter uma excelente pontuação, pois demonstra coerência em seu conhecimento. Já aqueles que acertam muitas difíceis, algumas médias e poucas fáceis podem ter o resultado interpretado como “chute”. Por isso não basta acertar o maior número de questões possível, é preciso seguir uma trajetória coerente.

Onde usar a nota do Enem – com a nota do Enem é possível participar de pelo menos quatro processos seletivos:

  • Sisu – para quem fez a edição mais recente e quer descolar vaga em universidade pública.
  • ProUni – para estudantes de baixa renda que fizeram o Enem mais recente e buscam bolsas de estudos em faculdades particulares.
  • FIES – para quem se enquadra nos requisitos de renda e precisa de uma ajuda do Governo Federal para financiar o curso superior. O prazo de pagamento é longo e os juros são baixos.
  • Ingresso direto – com a nota do Enem dá para entrar na maioria das faculdades particulares sem ter que fazer vestibular.

Conheça algumas instituições bem avaliadas pelo MEC que usam a nota do Enem para ingresso direto, além de participarem do ProUni e do FIES:

Veja também:

Descubra o que você pode fazer com a nota do Enem

Vai fazer o próximo Enem? Compartilhe suas dicas de estudos com a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin