dcsimg

Saiba tudo sobre as notas de corte do Sisu 2016

Descubra como foram as notas de corte, os cursos mais difíceis de passar e os mais procurados da primeira edição do Sisu 2016!

Sisu

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) classifica candidatos a vagas em universidades públicas de todo o País. O critério de seleção é a nota que os inscritos obtiveram no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) do ano anterior.

Para a primeira edição do Sisu 2016, foram 2,7 milhões de candidatos inscritos disputando 228 mil chances de entrar na universidade pública. Ao todo, 131 instituições abriram vagas em 6.323 cursos de graduação.

Segundo dados do Ministério da Educação (MEC), houve um aumento de 10,9% no número de vagas ofertadas em relação à primeira edição do Sisu 2015.

Apesar do aumento no número de vagas, a concorrência é acirrada e isso acaba refletindo na nota de corte (nota mínima para ser aprovado). Entre as dez maiores notas de corte estão os cursos de Medicina, Engenharia Química, Ciências Econômicas e Engenharia da Computação.

Confira a seguir quais foram as maiores notas de corte do Sisu 2016, como ficou a diferença nas modalidades de concorrência e quais os cursos com maior número de inscritos!

Maiores notas de corte do Sisu 2016

A nota de corte para ser aprovado no Sisu depende da vaga para a qual o candidato se inscreveu. Competem entre si apenas os candidatos que marcaram exatamente as mesmas opções, ou seja: a mesma universidade e unidade (campus), o mesmo curso, o mesmo período (matutino, vespertino, noturno, integral) e a mesma modalidade de concorrência (ampla concorrência ou cotas).

Por isso o mesmo curso, de uma mesma universidade, pode ter notas de corte diferentes: uma para o turno matutino e outra para o noturno, por exemplo, ou uma nota para um campus e outra para um local de oferta diferente.

Segundo o MEC, 82% das vagas oferecidas tiveram uma nota de corte igual ou maior que 600 pontos. As dez mais altas na modalidade ampla concorrência ficaram acima de 800 pontos, confira:

  1. Medicina – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 824,74 pontos
  2. Engenharia Química – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 811,94 pontos
  3. Medicina – Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP): 809,36 pontos
  4. Ciências Econômicas – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 807,3 pontos
  5. Medicina – Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG): 805,74 pontos
  6. Medicina – Universidade Federal Fluminense (UFF): 804,87 pontos
  7. Medicina – Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS): 804,83 pontos
  8. Medicina – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 804,57 pontos
  9. Engenharia de Computação – Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR): 802,44 pontos
  10. Medicina – Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM): 802,1 pontos

Para as vagas na modalidade ampla concorrência nos cursos de licenciatura, as maiores notas de corte foram:

  • Matemática – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 743,6 pontos
  • Ciências Biológicas – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 730,55 pontos
  • Física – Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR): 728,56 pontos
  • Pedagogia – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 715,13 pontos
  • Letras – Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR): 713,91 pontos
  • Química – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 703,89 pontos

Cursos mais procurados no Sisu 2016

A lista dos dez cursos com maior número de inscritos no Sisu 2016 colocou Administração no topo, com quase 300 mil candidatos. Veja a relação completa:

  1. Administração: 294.235 inscritos
  2. Pedagogia: 254.807 inscritos
  3. Direito: 250.926 inscritos
  4. Medicina: 233.681 inscritos
  5. Educação Física: 200.003 inscritos
  6. Enfermagem: 143.115 inscritos
  7. Ciências Biológicas: 140.922 inscritos
  8. Engenharia Civil: 122.778 inscritos
  9. Psicologia: 112.294 inscritos
  10. Ciências Contábeis: 106.481 inscritos

A grande procura não significa necessariamente uma grande concorrência. Tudo depende da relação entre a quantidade de candidatos e o número de vagas oferecidas.

Por exemplo: apesar da grande quantidade de inscritos, o curso de Administração teve uma média de 34,7 candidatos por vaga. Já o curso de Medicina, que ocupa o quarto lugar no ranking dos mais procurados, apresentou uma concorrência bem maior, de 52 candidatos por vaga.

Diferença entre as notas de corte da ampla concorrência e as cotas

As duas modalidades de concorrência do Sisu (ampla concorrência e cotas) possuem notas de corte diferentes e ainda há quem pense que ser aprovado para uma das vagas reservadas a cotistas é muito mais fácil.

O que os números do Sisu têm mostrado, no entanto, é que a concorrência – e o nível dos alunos – é grande na maioria dos cursos para as duas modalidades e a diferença nas notas de corte está longe de ser significativa.

Na primeira edição do Sisu 2016, a diferença entre as notas de corte da ampla concorrência e cotas não ultrapassou os 4%.

Universidades mais procuradas no Sisu 2016

Confira a lista com as dez universidades que tiveram o maior número de candidatos inscritos no Sisu de janeiro de 2016:

  1. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG): 195.634 inscrições
  2. Universidade Federal do Ceará (UFC): 160.474 inscrições
  3. Universidade Federal de Pernambuco (UFPE): 157.428 inscrições
  4. Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 155.540 inscrições
  5. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP): 153.929 inscrições
  6. Universidade Federal de Goiás (UFG): 141.372 inscrições
  7. Universidade Federal da Bahia (UFBA): 140.618 inscrições
  8. Universidade Federal do Maranhão (UFMA): 135.798 inscrições
  9. Universidade Federal da Paraíba (UFPB): 126.882 inscrições
  10. Universidade Federal Fluminense (UFF): 126.095 inscrições

Segunda edição do Sisu 2016

A segunda edição do Sisu 2016 deve acontecer em junho e selecionará candidatos para ingresso na universidade no segundo semestre. Assim que o MEC divulgar as datas de inscrição, você ficará sabendo aqui!

As notas de corte para esta segunda etapa do processo seletivo não serão as mesmas. No entanto, as notas do primeiro semestre já dão uma ideia do que os candidatos devem esperar para a próxima edição.

Veja também:

Saiba como funcionam as cotas do Sisu 2016

Você foi aprovado no Sisu de janeiro de 2016? Conte para a gente qual foi a sua nota e em qual curso conseguiu a vaga!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin