dcsimg

Saiba tudo sobre o novo FIES 2018

Confira agora mesmo tudo o que mudou no FIES e como vai funcionar o programa em 2018!

O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES), programa que já ajudou muita gente a bancar uma faculdade, segue a todo vapor em 2018: estão previstas 310 mil vagas, divididas entre as duas edições do ano.

Essa iniciativa do governo federal, no entanto, passou por uma reformulação recentemente. Algumas coisas mudaram, principalmente nos juros e nos tipos de contrato.

Criamos o guia a seguir para explicar tudo sobre o FIES 2018, tintim por tintim! Vamos falar sobre os novos critérios para se candidatar, como se inscrever, qual o período de inscrições em 2018 e ainda dar exemplos de boas faculdades que participam do programa. Confira!

Requisitos para participar do FIES 2018

Já faz um tempo que o FIES exige que o candidato se encaixe em determinados critérios de desempenho na prova do Enem e de renda familiar para se inscrever. Isso continua válido para o FIES 2018 – o que muda é que o teto da renda familiar aumentou.

Antes, a renda familiar bruta mensal devia ser de até três salários mínimos por pessoa. Agora, o FIES 2018 permite renda familiar bruta mensal de até cinco salários mínimos por pessoa.

A outra exigência do programa, de desempenho no Enem, continua a mesma. Para se inscrever é obrigatório apresentar pelo menos 450 pontos na média das provas de qualquer Enem a partir de 2010, sem ter zerado a redação.

Quando começam as inscrições para o FIES 2018?

O período exato das inscrições para o FIES 2018 ainda não foi divulgado pelo MEC.

No entanto, com base nos programas anteriores já podemos adiantar que a primeira edição deve ocorrer entre o final de janeiro e início de fevereiro de 2018 e a segunda edição deve acontecer entre o final de julho e o início de agosto.

As inscrições para o FIES costumam acontecer depois dos processos seletivos do Sisu e do ProUni e antes do início das aulas de cada semestre.

Fique tranquilo! Quando tivermos as datas exatas, vamos colocar a informação aqui.

O que muda com o FIES 2018?

As principais mudanças do FIES em 2018 são:

  • Limite de renda para participar do processo seletivo
  • Tipos de contrato com taxas de juros diferentes

Sobre o limite de renda já falamos no item “Requisitos para participar do FIES 2018”. Veja a seguir mais informações sobre os tipos de contrato.

Quais são os tipos de contrato do FIES 2018?

A partir de 2018 o FIES passa a trabalhar com três tipos de contrato, que dependem do perfil do estudante. Confira-os a seguir:

Contrato 1

  • Voltado a quem possui renda familiar bruta mensal de até 3 salários mínimos por pessoa.
  • Não cobrará juros, apenas a correção da inflação.
  • Serão criadas 100 mil vagas desse tipo em 2018.

Contrato 2

  • Voltado a quem possui renda familiar bruta mensal de até 5 salários mínimos por pessoa e mora nas regiões Norte, Nordeste e Centro Oeste do país.
  • A taxa de juros será de 3% ao ano.
  • Essa opção oferecerá 150 mil vagas em 2018.

Contrato 3

  • Voltado a quem possui renda familiar bruta mensal de até 5 salários mínimos por pessoa.
  • A taxa de juros ainda não foi definida.
  • Serão criadas 60 mil vagas em 2018.

Como se inscrever no FIES 2018

O processo de inscrição do FIES não mudou. No FIES 2018, a participação no processo seletivo continua gratuita e só pode ser feita pelo site oficial do programa. Quer saber como faz?

Basta acessar o site oficial do FIES Seleção, inserir CPF, data de nascimento e endereço de e-mail válido.

O sistema enviará um link para o e-mail informado. Você deverá clicar nele para ativar seu cadastro.

O próximo passo é preencher todas as informações solicitadas na tela.

Depois, você deve selecionar o curso que deseja financiar. Não se esqueça de selecionar também a faculdade, o campus (se for o caso) e o turno. O último passo é salvar as informações e pronto!

As inscrições para o FIES vão abrir na manhã de uma terça-feira e se encerrarão às 23h59 da sexta-feira da mesma semana. Nossa dica? Não deixe para a última hora para se inscrever!

Como todo o processo é online e o site receberá muitos acessos em um curto espaço de tempo, existe a possibilidade de o portal ficar lento. Imagina se você deixa para a última hora e perde a oportunidade de fazer a inscrição? Aí, só no próximo semestre, pois o FIES não prorroga o prazo de jeito nenhum! Melhor não contar com a sorte, não é mesmo?

Faculdades que participam do FIES

Estudar em uma faculdade que participa do FIES significa que você vai fazer um curso reconhecido e bem avaliado pelo Ministério da Educação (MEC).

Se você ainda está em dúvida sobre qual faculdade cursar, dê uma olhada nestas boas instituições que sempre participam do programa:

Veja também:

ProUni e FIES juntos

Vai se candidatar ao FIES em 2018? Já sabe qual curso pretende financiar? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin