dcsimg

O que é Sisu?

Se você quer entrar em uma universidade pública, é importante saber o que é o Sisu, quem pode participar do processo seletivo e como se inscrever!

sisu-ead-certa

Já pensou como seria prático participar de um único processo seletivo, via internet, para concorrer a vagas em diversas universidades públicas de qualquer região do País? Pois isto já é possível através do Sisu.

Duas vezes por ano, essas 4 letrinhas costumam aparecer no radar de milhões de pessoas que estão em busca da tão sonhada faculdade. Isto porque o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é a principal porta de entrada para grande parte das universidades públicas do Brasil.

O Sisu é um sistema informatizado, gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC). As inscrições são feitas pela internet e os candidatos são selecionados através da nota que obtiveram no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Se você está em busca de um curso superior para construir ou alavancar sua carreira, descubra como funciona o Sisu e o que é preciso para se inscrever!

O que é o Sisu?

O Sisu é um sistema totalmente informatizado no qual universidades públicas de todo o país disponibilizam suas vagas. Os candidatos são selecionados através das notas que obtiveram na última edição do Enem.

Algumas instituições de ensino aboliram o vestibular tradicional e passaram a utilizar apenas o Sisu como forma de ingresso. Outras ainda mantêm o vestibular, mas reservam uma porcentagem das vagas a serem preenchidas pelo Sisu.

O Sisu acontece duas vezes por ano, no início de cada semestre, geralmente nos meses de janeiro e junho.

Apenas as universidades públicas podem disponibilizar suas vagas por este sistema.

Quem pode participar do Sisu?

Para participar do Sisu é obrigatório ter feito a prova da última edição de Enem. Ou seja, para concorrer em 2016 é preciso ter feito o Enem em 2015. Na edição do Sisu de 2017 é obrigatório fazer o Enem em 2016, e assim por diante.

De modo geral, o Sisu não exige uma nota mínima para se inscrever, basta que o aluno tenha nota superior a zero na redação.

No entanto, algumas universidades estabelecem uma nota mínima para o estudante se candidatar em determinado curso. Esta informação não é divulgada previamente pelo MEC, mas é possível consultar estes dados no site do Sisu, no momento da inscrição.

Não existe requisito de renda nem de idade para participar da seleção. As inscrições do Sisu são abertas a todos os que fizeram a última edição do Enem, independentemente de sua idade ou condição financeira.

Como funciona o Sisu?

O processo seletivo do Sisu é totalmente gratuito, o candidato não precisa pagar nenhuma taxa para se inscrever. Todas as vagas disponíveis são preenchidas utilizando a média das notas que o candidato obteve nas provas do Enem. Ou seja, não é preciso fazer nenhuma outra prova ou vestibular para ser aprovado!

As inscrições são feitas exclusivamente pela internet e todo o processo acontece muito rapidamente. Quando o período de inscrições é aberto, o candidato tem poucos dias (normalmente de 4 a 5) para acessar o site e marcar a vaga que pretende disputar. É possível escolher, por ordem de preferência, até duas opções de curso.

O resultado do Sisu é divulgado poucos dias após terminarem as inscrições. Assim que este resultado é divulgado, começa o período de matrícula dos alunos aprovados. As matrículas são realizadas diretamente nas universidades.

É importante saber que ser selecionado no Sisu não garante a vaga. O candidato aprovado precisa comparecer na universidade e efetivar sua matrícula. Caso não faça a matrícula no prazo ou não apresente a documentação necessária, perderá a vaga.

É possível ser aprovado no Sisu por cotas?

Existem duas modalidades de concorrência no Sisu: ampla concorrência e políticas afirmativas (ou cotas). Os tipos de políticas afirmativas (afrodescendentes, indígenas, egressos de escolas públicas, etc.) e a quantidade de vagas para cada uma delas varia de uma universidade para a outra e de um curso para o outro.

Durante o período de inscrições é possível verificar esta informação no site do Sisu. O candidato precisa se certificar de que atende aos requisitos exigidos para concorrer a uma das vagas destinadas às cotas.

Que nota é preciso tirar no Enem para passar no Sisu?

A nota que o aluno precisa tirar no Enem para conseguir uma vaga no Sisu vai depender do curso e da universidade para os quais o candidato se inscreveu. O cálculo depende de fatores como:

  • Número de vagas disponíveis.
  • Desempenho dos candidatos que concorrem à mesma vaga (no mesmo curso, mesma universidade e mesma modalidade de concorrência).
  • A concorrência do curso, se é muito procurado ou não.
  • O tipo de cálculo utilizado. Em alguns casos é feita a média simples das notas das provas do Enem. Em outros, são atribuídos pesos diferentes para cada uma das provas.

O cálculo exato da nota de corte só pode ser feito após o término do período de inscrição, pois é preciso saber a nota de todos os candidatos que estão disputando a mesma vaga.

No entanto, o site do Sisu informa aos candidatos qual a nota de corte parcial para ser aprovado em cada curso. Ela é calculada considerando os candidatos inscritos até o momento e é atualizada diariamente.

Uma boa dica é fazer a inscrição no Sisu logo no primeiro dia e monitorar a evolução da nota de corte para o curso desejado. Se o candidato avaliar que suas chances não são boas, pode mudar de ideia e optar por outro curso. Durante todo o período de inscrições é possível alterar suas opções quantas vezes quiser, sendo que apenas a última informação salva no sistema será considerada para a distribuição das vagas.

Veja também:

Inscrição Sisu 2016

Vai fazer o Sisu? Conte para a gente em qual curso você deseja entrar!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin