dcsimg

Gestão Ambiental ou Engenharia Ambiental: qual a melhor opção?

Confira as semelhanças e diferenças entre Engenharia e Gestão Ambiental para escolher o curso certo para você!

Engenharia Ambiental

Quem deseja seguir carreira na área de ecologia e meio ambiente encontra diversas possibilidades de cursos de graduação. Alguns são tão parecidos que tornam o processo de escolha ainda mais complicado.

É o que acontece com Gestão Ambiental e Engenharia Ambiental. Os profissionais das duas áreas trabalham com a preservação do meio ambiente e buscam alguma forma de diminuir os impactos provocados na natureza pelas atividades humanas. O objetivo é permitir o crescimento das cidades e o desenvolvimento da economia garantindo, ao mesmo tempo, a manutenção, preservação e recuperação dos recursos naturais.

Confira a seguir como funciona cada uma destas duas graduações e em que áreas o profissional formado pode atuar. Veja também onde estudar para se destacar na carreira escolhida!

Diferenças entre Gestão Ambiental e Engenharia Ambiental

As duas áreas estão fundamentadas nas Ciências Biológicas e na preservação da vida. Porém, enquanto o curso de Gestão Ambiental é mais voltado para a parte administrativa, o de Engenharia Ambiental lida com a criação de novas tecnologias. Vamos conhecer de perto cada um deles.

Gestão Ambiental

O curso de Gestão Ambiental possui algumas disciplinas básicas das áreas de Administração, Biologia e Ciências Humanas. As matérias específicas estão voltadas ao manejo dos recursos naturais, certificação ambiental, recuperação de áreas degradadas, análise de riscos ambientais, entre outros.

A maioria dos cursos de graduação em Gestão Ambiental é do tipo tecnológico, com duração média de dois anos. No entanto, é possível encontrar algumas universidades oferecendo o bacharelado, com duração de quatro anos.

A principal diferença entre os dois é que o tecnólogo forma profissionais mais rapidamente para o mercado de trabalho e o enfoque do curso é bastante prático. Já o bacharelado aprofunda alguns conhecimentos teóricos e prepara o profissional para atuar também com pesquisa acadêmica e científica.

Mercado de trabalho para quem faz Gestão Ambiental

Quem se forma em Gestão Ambiental pode trabalhar em empresas e indústrias de qualquer setor que possuam uma preocupação com a sustentabilidade ou que precisem adequar suas atividades às normas ambientais.

O gestor ambiental avalia as atividades da empresa e o impacto que elas causam no meio ambiente, define técnicas que devem ser utilizadas no manejo de recursos naturais, determina como deve ser o gerenciamento de resíduos e a recuperação de áreas contaminadas ou degradadas.

O trabalho deste profissional está muito ligado à gestão de recursos econômicos e sociais dentro de uma organização e à proposição de medidas para diminuir o impacto ambiental causado pelos processos de extração de recursos naturais e fabricação de novos produtos.

A profissão de gestor ambiental é uma boa escolha para quem tem interesse em preservar o meio ambiente, em como as empresas gerenciam seus recursos e adaptam seus processos para promover o desenvolvimento sustentável. O curso tecnológico em Gestão Ambiental tem curta duração, ideal para quem deseja começar logo a trabalhar nesta área, e pode ser realizado na modalidade a distância (EAD).

Engenharia Ambiental

Além do enfoque em ecologia e desenvolvimento sustentável, o curso de Engenharia Ambiental possui muitas disciplinas de Física, Matemática, Química e Informática. Um dos principais objetivos desta graduação é desenvolver novas tecnologias para a preservação do meio ambiente (do solo, água e ar).

O curso é do tipo bacharelado e tem duração média de cinco anos. Em várias universidades é oferecido em tempo integral, com aulas nos períodos da manhã e tarde. É um curso indicado para quem dispõe do tempo necessário para se dedicar aos estudos e possui alguma afinidade com tecnologia e Ciências Exatas.

Mercado de trabalho para quem faz Engenharia Ambiental

O engenheiro ambiental zela pela conservação dos recursos naturais. Ele é responsável por criar, implementar e controlar sistemas de distribuição de água, tratamento de esgoto, descarte de resíduos e até de controle de poluição.

Para isso, elabora estudos sobre o impacto ambiental de atividades de extração de recursos naturais e produção industrial, além de desenvolver soluções para problemas ambientais.

Um engenheiro ambiental pode trabalhar em indústrias de diferentes setores; em órgãos públicos como secretarias de meio ambiente e de controle ambiental; em construtoras, indústria farmacêutica, fabricantes de papel e celulose; empresas de energia, de saneamento e abastecimento de água, só para citarmos alguns exemplos.

Onde estudar

Confira algumas das principais universidades credenciadas pelo MEC que oferecem o curso superior de Gestão Ambiental:

Universidades Privadas:

Universidades Públicas:

Conheça algumas das principais universidades reconhecidas pelo MEC que possuem o curso de Engenharia Ambiental:

Universidades Privadas:

Universidades Públicas:

Veja também:

Quanto ganha um engenheiro ambiental?

Com qual dos dois cursos você mais se identificou? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin