dcsimg

Conheça os 10 cursos mais bem remunerados

Conheça os cursos superiores mais bem remunerados e valorizados no mercado!

Os 10 cursos mais bem remunerados

Várias pesquisas apontam os melhores salários do País, considerando diferentes critérios como tempo de experiência e campo de atuação.  Medicina e Engenharia estão no topo de quase todas essas listas, com salários que podem chegar a R$ 60 mil.
Vale lembrar que os indicadores servem apenas como um termômetro das profissões, mostrando as áreas de atuação mais aquecidas no contexto atual. O retorno financeiro real de uma carreira depende de variáveis como a formação e aptidão do profissional, a região de atuação, o tempo de trabalho e, principalmente, a demanda do mercado por aquele tipo de profissional.

Conheça os cursos superiores mais valorizados no mercado!

Os 10 cursos superiores mais bem remunerados

Confira o ranking dos 10 cursos superiores mais bem remunerados

  1. Medicina
  2. Setor Militar e de Defesa
  3. Engenharia de Transportes
  4. Engenharia Química
  5. Engenharia Civil
  6. Engenharia Mecânica e Metalúrgica
  7. Odontologia
  8. Engenharia (outros)
  9. Engenharia Elétrica e Automação
  10. Estatística

1. Medicina

Média Salarial: R$ 8,4 mil

Profissionais com graduação em Medicina, um dos cursos mais concorridos nas Universidades, têm a maior média salarial do país, de R$ 8,4 mil. Esta média considera desde a remuneração no início da carreira até o salário de cargos que exigem bastante experiência. O salário médio de um cirurgião plástico, por exemplo, é de R$ 18,5 mil. Já um Diretor de Hospital pode ganhar até R$ 50 mil.

2. Setor Militar e de Defesa

Média Salarial: R$ 7,6 mil

Há escolas militares especializadas na formação acadêmica. Ao mesmo tempo em que ensinam rotinas de um oficial, elas preparam engenheiros, aviadores, administradores, especialistas em ciências náuticas e militares. Os cursos têm status de graduação e duram entre três e cinco anos. Um General de Exército tem remuneração média de R$ 9 mil, e um Primeiro-Sargento ganha cerca de R$ 3,5 mil.

3. Engenharia de Transportes

Média Salarial: R$ 6 mil

Instituições de ensino superior do Estado de São Paulo e do Rio Grande do Sul são as que oferecem a melhor viabilidade e cobertura de estudos nesta área. A Engenharia de Transportes tem foco em logística e infraestrutura. Um profissional com curso superior completo ganha de R$ 9 mil a R$ 12 mil em São Paulo.

4. Engenharia Química

Média Salarial: R$ 5,8 mil

Os salários nesta área estão em rápida ascensão. A exploração de petróleo na camada pré-sal, por exemplo, aqueceu o mercado para estes profissionais. Um Diretor-geral de Operadora de Óleo e Gás pode ganhar até R$ 60 mil. O salário inicial de um Engenheiro de Petróleo na Petrobras é de cerca de R$ 7,4 mil. Engenheiros Químicos recém-formados ganham entre R$ 3,5 a R$ 6 mil.

5. Engenharia Civil

Média Salarial: R$ 5,7 mil

De acordo com pesquisa da Federação Nacional dos Engenheiros, até 2015 o Brasil vai precisar de mais 300 mil engenheiros e, entre os mais procurados, está o Engenheiro Civil. Um Engenheiro de Obras tem salário médio de R$ 7,9 mil. Já um Diretor de Negócios de Obras de Infraestrutura pode ganhar até R$ 45 mil.

6. Engenharia Mecânica e Metalúrgica

Média Salarial: R$ 5,5 mil

Existem mais de 200 faculdades que oferecem este curso no País. Um Engenheiro Mecânico em início de carreira ganha, em média R$ 6 mil. O salário de um Diretor de Engenharia Mecânica alcança R$ 20 mil e as pesquisas apontam que este profissional pode ganhar cerca de R$ 35 mil no auge da carreira, depois de 10 a 15 anos de experiência.

7. Odontologia

Média Salarial: R$ 5,3 mil

No Brasil, estima-se que existem cerca de 220 mil dentistas. Desse total, quase 75 mil estão no estado de São Paulo. A maioria dos dentistas brasileiros opta por ter consultório próprio, de acordo com o Conselho Federal de Odontologia.  A média salarial nacional para um Ortodontista em início de carreira é R$ 2,5 mil. Já a do Cirurgião Dentista é R$ 3,2 mil.

8. Engenharia (outros)

Média Salarial: R$ 5,2 mil

A Engenharia do Meio Ambiente, Engenharia de Petróleo e Gás, Engenharia de Produção e Engenharia Hospitalar estão entre as áreas mais valorizadas. Um Engenheiro Ambiental tem remuneração de R$ 7,3 mil, e o salário de um Engenheiro de Petróleo chega a R$ 13 mil, considerando a média nacional.

9. Engenharia Elétrica e de Automação

Média Salarial: R$ 4,8 mil

Os ganhos iniciais nesta área estão em torno de R$ 3 mil. Com acúmulo de experiência, os salários podem chegar a R$ 20 mil. A média salarial nacional de um Engenheiro de Automação é de R$ 7 mil, enquanto um Engenheiro de Telecomunicações ganha em torno de R$ 5,6 mil.

10. Estatística

Média Salarial: R$ 4,7 mil

No ranking geral das melhores carreiras, o ramo de Estatística ocupa a sexta posição. Este profissional é responsável por informações essenciais ao crescimento dos negócios. O profissional de Estatística atua em diversas áreas como mercado financeiro, pesquisas clínicas e de mercado. O salário inicial médio é de R$ 3 mil e pode chegar a R$ 16 mil.

*Fontes: Catho/IPEA/Exame.com

Veja 7 dicas para ficar rico

Ficou interessado em fazer algum curso da lista dos mais bem remunerados? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin