dcsimg

Qual é o salário de Arquitetura?

Você sabe qual o salário de Arquitetura? Conheça a média salarial desta profissão e como está o mercado de trabalho!

arquitetura

A Arquitetura é a área responsável pela criação, planejamento e desenvolvimento de prédios, casas, espaços públicos e similares. Podemos dizer que em praticamente toda estrutura edificada existe o trabalho de um arquiteto.

No Brasil a maioria dos arquitetos trabalha por conta própria, fornecendo serviços como autônomo ou atuando em seus próprios escritórios. As áreas mais aquecidas são: Concepção e Acompanhamento de Projetos e Design de Interiores.

Com um campo de trabalho amplo, a carreira em Arquitetura também é bastante diversificada em termos de salários, com valores que vão de R$ 2.500 até R$ 31.000.

Veja a seguir qual o salário médio de Arquitetura no Brasil, onde estão as melhores oportunidades e dicas para quem se interessa por esta carreira!

Salário Mínimo Profissional de Arquitetura

Assim como as Engenharias e a Agronomia, a Arquitetura é regulamentada pela Lei 4.950/A de 1966, que define critérios de jornada e remuneração para todos os profissionais dessas áreas.

Arquitetos de todo o Brasil que trabalham em empresas privadas podem exigir, portanto, que o Salário Mínimo Profissional definido por lei seja respeitado. Este salário é vinculado ao salário mínimo vigente e varia de acordo com a jornada diária de trabalho.

  • Jornada de 6 horas: 6 salários mínimos
  • Jornada de 7 horas: 7,25 salários mínimos
  • Jornada de 8 horas: 8,5 salários mínimos

Como grande parte dos arquitetos trabalha de forma autônoma, o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) criou uma tabela de honorários para orientar os profissionais da área. Os valores são cobrados por projetos e mudam de acordo com o tamanho do empreendimento. Veja alguns exemplos:

  • Projeto de habitação de interesse social: R$ 621/ m2
  • Projeto de edifícios de apartamentos ou conjuntos habitacionais de padrão normal: R$ 1.300/m2
  • Projeto de edifícios de apartamentos ou conjuntos habitacionais de alto padrão: R$ 1.651/m2
  • Projeto de hotéis de luxo: R$ 3.302/m2
  • Projeto de lojas, butiques, estandes e showrooms: R$ 1.800/m2
  • Projeto de clínicas e consultórios: R$ 1.721/m2
  • Projeto de galerias de arte, salas de exposições, arquivos, bibliotecas e museus simples: R$ 2.295/m2

Salário Médio de Arquitetura

No Brasil, o salário médio de Arquitetura é de R$ 4.378, de acordo com o Guia de Profissões e Salários da Catho.

Os maiores e os menores valores pagos aos profissionais da área são:

  • Mínimo: R$ 2.659
  • Máximo: R$ 6.830

Por todo o Brasil, as médias salariais são as seguintes:

  • Bahia: R$ 4.029
  • Distrito Federal: R$ 4.397
  • Minas Gerais: R$ 4.358
  • Paraná: R$ 3.216
  • Rio de Janeiro: R$ 4.153
  • São Paulo: R$ 4.121

As áreas que melhor remuneram o arquiteto são, nesta ordem:

  1. Engenharia: média de R$ 4.999
  2. Comércio: média de R$ 4.906
  3. Construção civil: média de R$ 4.709
  4. Prestadoras de serviço: média de R$ 4.472
  5. Empresas de administração e participação: média de R$ 4.281

Curiosamente, as áreas típicas de atuação do arquiteto, como escritórios de arquitetura, paisagismo e urbanismo e a de móveis e artefatos de decoração ocupam, respectivamente, o 8º (R$ 3.794) e o 11º (R$ 3.389) lugar no ranking de salários de Arquitetura da Catho.

Em outras atividades, os ganhos também são variáveis. Veja os salários de alguns cargos da Arquitetura:

Arquiteto Coordenador

  • Mínimo: R$ 4.000
  • Média salarial: R$ 5.704
  • Máximo: R$ 8.000

Arquiteto de Interiores

  • Mínimo: R$ 2.500
  • Média salarial: R$ 3.003
  • Máximo: R$ 3.800

Urbanista

  • Mínimo: R$ 2.400
  • Média salarial: R$ 4.389
  • Máximo: R$ 6.500

Outros cargos que merecem destaque:

  • Arquiteto de Edificações: média de R$ 4.547
  • Arquiteto Especificador: média de R$ 3.486
  • Arquiteto Paisagista: média de R$ 2.290
  • Arquiteto Consultor de Projetos: média de R$ 4.146
  • Gerente de Projetos em Arquitetura: média de R$ 7.563
  • Supervisor de Projetos em Arquitetura: média de R$ 7.625

Melhores Oportunidades em Arquitetura

As melhores oportunidades para arquitetos estão na área da Construção Civil. As grandes empresas que atuam no setor podem oferecer bons salários iniciais e oportunidades de crescimento.

Um estudo da consultoria Robert Half, divulgado pela Revista Exame, mostra a média salarial de arquitetos de acordo com o tempo de formação e o tipo de empresa. Profissionais com mais de dez anos de experiência ocupando posições de chefia podem receber até R$ 31 mil por mês. Veja abaixo:

Profissionais da Arquitetura com até 2 anos de experiência

  • Pequenas e médias empresas: R$ 2.500 a R$ 5.000
  • Grandes empresas: R$ 3.000 a R$ 4.500

Profissionais da Arquitetura com 3 a 5 anos de experiência

  • Pequenas e médias empresas: R$ 3.500 a R$ 8.000
  • Grandes empresas: R$ 3.500 a R$ 9.000

Profissionais da Arquitetura com 6 a 9 anos de experiência

  • Pequenas e médias empresas: R$ 3.700 a R$ 12.000
  • Grandes empresas: entre R$ 4.000 a R$ 20.000

Profissionais da Arquitetura com mais de 10 anos de experiência

  • Pequenas e médias empresas: R$ 4.500 a R$ 15.000
  • Grandes empresas: R$ 6.000 a R$ 31.000

Concursos Públicos para Profissionais de Arquitetura

Os concursos públicos na área da Arquitetura são frequentes e oferecem salários variados. As melhores oportunidades estão em órgãos federais e universidades públicas.

Veja alguns exemplos:

  • Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar de São Paulo (FAMESP): R$ 5.349
  • Prefeitura de Porto Alegre (RS): R$ 1.909
  • Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP): R$ 4.972
  • Prefeitura de Santa Bárbara (MG): R$ 4.164
  • Tribunal de Justiça do Paraná: R$ 7.769
  • Universidade de São Paulo (USP): R$ 6.040

Sobre a Carreira  de Arquitetura

Para atuar como arquiteto no Brasil o profissional precisa, obrigatoriamente, ter feito um curso de bacharelado de quatro anos em universidade reconhecida pelo MEC e estar inscrito no CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia) do Estado onde atua.

O mercado para arquiteto acompanha as flutuações das demandas por novas obras de construção civil, investimento público em infraestrutura, demanda por decoração, reformas domésticas, revitalização de áreas históricas, etc.

A área de atuação é bastante ampla e engloba atividades como:

  • Execução, fiscalização e condução de obras
  • Ensino e pesquisa
  • Conforto ambiental
  • Indústria e comércio moveleiro
  • “Retrofit”: restauração completa de edifícios antigos
  • Arquitetura paisagística
  • Produção de relatórios técnicos
  • Urbanismo e desenho urbano
  • Patrimônio arquitetônico, urbanístico e paisagístico
  • Coleta de dados, estudo, planejamento, projeto e especificação
  • Estudo de viabilidade técnica e ambiental
  • Assistência técnica, assessoria e consultoria

Uma pesquisa realizada em 2012 pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) revelou um dado interessante sobre a Arquitetura: quase 70% dos entrevistados estavam satisfeitos com a profissão que escolheram!

No Brasil,  53% dos profissionais da Arquitetura atuam de forma autônoma, com sua própria rede de clientes ou escritórios. Isso significa que, além de possuir conhecimentos técnicos, o arquiteto precisa desenvolver habilidades gerenciais e administrativas para obter sucesso em sua carreira independente.

Onde estudar Arquitetura

O curso de Arquitetura é oferecido na modalidade bacharelado  e dura, em média, quatro anos. Está disponível nas principais universidades de todas as regiões do País. Conheça algumas instituições reconhecidas pelo MEC que oferecem esta graduação:

Universidades Privadas:

Universidades Públicas:

Veja também:

Arquitetura – Conheça mais sobre o dia a dia desse profissional

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin