dcsimg

Quanto ganha um Bioquímico?

Você sabe quanto ganha um Bioquímico? Conheça mais sobre a profissão, o mercado de trabalho e a média salarial!

O bioquímico pesquisa e aplica processos biológicos (como fermentação e reações naturais entre elementos) na transformação de alimentos, produção de remédios e  combustíveis. Desempenha um papel fundamental tanto em institutos de pesquisa quanto na indústria médica, farmacêutica, alimentícia, cosmética ou agrícola.

O mercado para o bioquímico no Brasil está em constante evolução. Conforme crescem as indústrias, com a expansão de fábricas, tratamento de resíduos e novas formas de combustível, aumentam as oportunidades de atuação desse profissional.

Descubra quanto ganha um bioquímico, onde estão os melhores salários e onde estudar para ingressar neste mercado!

Salário Mínimo Profissional do Bioquímico

Os bioquímicos não possuem um salário mínimo profissional único em todo o Brasil.

O piso salarial do bioquímico é definido de acordo com a região e área de atuação (indústrias, hospitais, laboratórios, empresas públicas, etc.). Muitas vezes os valores pagos aos profissionais são estipulados em acordos coletivos por  sindicatos diversos, como os de Farmacêuticos e Bioquímicos, Trabalhadores da Indústria, Químicos, etc.

Veja alguns exemplos de pisos salariais para bioquímicos definidos por alguns sindicatos:

  • Alagoas: R$ 2.298.
  • Distrito Federal: R$ 4.275.
  • Minas Gerais: R$ 3.133
  • Rio Grande do Sul: R$ 2.150
  • Bahia: R$ 3.004

Salário Médio do Bioquímico

Em geral, pode-se dizer que o bioquímico é considerado um profissional bem remunerado, especialmente nas indústrias,  centros avançados de pesquisa e laboratórios.

Na média geral do Brasil, o bioquímico ganha R$ 2.120, de acordo com o Guia de Profissões e Salários da Catho.

O mesmo guia aponta as variações entre os salários mínimo e máximo pagos por empresas brasileiras a esses profissionais:

  • Menor salário: média de R$ 1.740
  • Maior salário: média de R$ 3.300

Há, no entanto, oportunidades com salários acima da média para os bioquímicos que investem em formação e pesquisa.

Onde estão os melhores salários para Bioquímicos

No Brasil, as indústrias são as que contratam o maior volume de mão de obra de bioquímicos. O setor oferece salários atraentes, especialmente para aqueles com habilidades em gestão de equipes.

Na sequência, vêm as universidades e empresas públicas, com demanda para professores e pesquisadores. Não têm um ritmo de crescimento rápido como o da indústria, mas pagam bons salários aos bioquímicos, além de oferecerem estabilidade de emprego.

Em terceiro lugar vêm os laboratórios de análises clínicas, de exames de DNA e de práticas forenses.

Veja a seguir um panorama geral dos salários de bioquímico no Brasil em cada um desses setores.

1. Indústrias

  • Salário para iniciantes: R$ 3.000
  • Salário para profissionais intermediários: R$ 4.500
  • Salário para gestores de área: até R$ 15.000

2. Universidades públicas e centros de pesquisa

  • Salário para professor/pesquisador recém-concursado em universidades públicas, com doutorado na área: média de R$ 6.000.
  • Salário para professores/pesquisadores com algum tempo de serviço em universidade pública, com doutorado na área: R$ 9.000.
  • Salário para professores titulares, com doutorado na área: até R$ 17.000

3. Laboratórios de análises clínicas, análise de DNA e forenses.

  • Salário para iniciantes: média de R$ 1.500
  • Salário para profissionais intermediários: média de R$ 3.500
  • Salário para profissionais experientes: média de R$ 5.000

Concursos Públicos para Bioquímicos

Em órgãos públicos também é possível encontrar boas remunerações em secretarias de estado, órgãos federais e institutos de renome nacional, como Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), Instituto Nacional de Metrologia (Inmetro), Petrobras, Instituto Butantan e Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).  Aqui, os salários começam em R$ 4.000 e podem chegar a R$ 8.000, sem contar gratificações e abonos.

Já os empregos oferecidos por prefeituras têm vencimentos menores, mas com a vantagem de oferecer postos de trabalho em várias regiões do País, especialmente no interior. Os valores oscilam entre R$ 1.500 e R$ 4.500, de acordo com o tamanho da cidade e a responsabilidade do cargo.

Como se tornar um Bioquímico

O bioquímico é o bacharel formado em Bioquímica. É um curso relativamente recente no Brasil, criado em 2001 na Universidade Federal de Viçosa (UFV), em Minas Gerais, para atender às novas demandas do mercado.

Hoje, além da UFV, curso está disponível em duas outras universidades públicas reconhecidas pelo MEC:

  • Universidade Federal de São Joao Del-Rei (MG)
  • Universidade Estadual de Maringá (PR)

A opção para quem deseja seguir na carreira e não tem como ingressar nessas universidades é buscar outros cursos relacionados, como Engenharia Bioquímica, Farmácia e Bioquímica e Química com ênfase em Bioquímica e Biologia Molecular, disponíveis em diversas universidades públicas e privadas por todo o País.

Conheça algumas universidades reconhecidas pelo MEC que possuem cursos relacionados à área de Bioquímica:

Veja também:

Quanto ganha um farmacêutico?

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin