8 livros que todo estudante de Pedagogia precisa ter

O curso de Pedagogia é uma das graduações mais buscadas por quem deseja iniciar uma graduação. Durante o curso os alunos têm contato com disciplinas relacionadas aos fundamentos da educação; políticas públicas e gestão da educação, direitos humanos, diversidade étnico-racial, de gênero, sexual e religiosa.

Encontre bolsas de estudo de até 80%

Para se destacar e ampliar a formação, o indicado é que o estudante leia outros conteúdos além dos textos obrigatórios que os professores passam em sala de aula. Por isso, o Guia da Carreira listou alguns livros que todo estudante de Pedagogia precisa ler.

Então se você já está na graduação ou pretende ingressar nos próximos anos, já salva essa lista que poderá te ajudar muito ao longo da formação. Confira:

  • Pedagogia do Oprimido, de Paulo Freire

livros pedagogiaPaulo Freire é considerado o patrono da educação brasileira. Freire escreveu o livro entre 1964 a 1968, período em que estava exilado no Chile. Segundo o autor, a educação tem o poder de transformar diversas realidades.

Freire retrata ainda os impactos do analfabetismo e da opressão. O autor propõe uma nova forma de Pedagogia, pautada no amor e no diálogo

  • Pedagogia da Autonomia – Paulo Freire

livros pedagogiaNeste outro livro, Freire trabalha a ideia de que os alunos devem ser mais participativos e atuantes em sala de aula. Para Freire, a sala de aula não é espaço só para os professores transmitirem conhecimento.

Segundo ele, os professores devem criar caminhos para despertar o pensamento crítico dos alunos com debates e outras atividades que geram discussões, debates e diálogos.

  • Reflexões sobre alfabetização – Emília Ferreiro

livros pedagogiaA autora propõe um olhar diferente sobre a alfabetização. O foco é entender as diversas possibilidades do ensino-aprendizagem e compreender que cada criança tem um processo e um modo de interpretar e raciocinar.

Emília Ferreiro se formou em Psicologia em Buenos Aires e fez doutorado sob orientação de Jean Piaget. Ferreiro desenvolveu pesquisas na área da  Psicolinguística com o objetivo de compreender como é a aprendizagem das crianças.

  • Conversas com Quem Gosta de Ensinar, de Rubem Alves

livros pedagogiaO autor aborda a diferença entre professor e educador, sendo que o primeiro é o profissional que se limita apenas a transmitir um conhecimento, já o segundo, desenvolve atividades e usa mecanismos em sala de aula para estimular a participação e o pensamento crítico dos alunos.

Rubem Alves foi escritor, psicanalista, educador e teólogo. Alves escreveu livros de meditação, teologia e outros de literatura infanto-juvenil como “A libélula e a tartaruga”, “A menina, a gaiola e a bicicleta” e “A menina e o pássaro encantado”.

  • Alfabetização e letramento, de Magda Soares

livros pedagogiaA autora propõe uma reflexão sobre analfabetismo e baixo desempenho escolar no ensino fundamental. Além disso, aponta caminhos para que os professores possam aplicar em sala de aula e contribuir para a aprendizagem das crianças.

Magda Soares é professora da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e  venceu o Prêmio Jabuti de 2017. 

  • Metodologias ativas para uma educação inovadora, de Lilian Bacich e José Moran 

livros pedagogiaOs autores propõem que os professores utilizem de diversos mecanismos como jogos, brincadeiras, análises de problemas e situações do dia a dia para que os alunos tenham autonomia durante o processo de aprendizagem. 

Ambos autores são doutores pela Universidade de São Paulo (USP) e são conhecidos na área da educação. Outra obra bastante conhecida de Lilian Bacich é Ensino Híbrido: Personalização e Tecnologia na Educação. Moran também é conhecido pelos livros: “Novas tecnologias e mediação pedagógica” e “A educação que desejamos – novos desafios e como chegar lá”.

  • Didática, de José Carlos Libâneo

livros pedagogiaLibâneo considera que o professor tem a função de mediar o conhecimento. Segundo o autor, o docente precisa entender que a didática é o caminho para unir teoria e prática e o meio para garantir que os alunos aprendam da forma mais eficaz possível.

José Carlos Libâneo é doutor em Filosofia e História da Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Outra obra importante na sua carreira é “Democratização da Escola Pública – A Revisão Crítico-Social dos Conteúdos”.

  • Educação Não é Privilégio, de Anísio Teixeira

livros pedagogiaTeixeira propõe uma reflexão sobre as diferenças entre o sistema de ensino público e privado considerando aspectos como engajamento e participação dos alunos tanto em atividades obrigatórias como extracurriculares. De acordo com o autor, a escola precisa entender a realidade individual de cada aluno para que ele tenha sucesso ao longo de sua formação escolar.

Anísio Teixeira se formou em Direito, mas iniciou sua carreira na educação como inspetor. Ele foi conhecido por mudanças no ensino tradicional e reformou o sistema de algumas escolas da Bahia e do Rio de Janeiro.

Como é o curso de Pedagogia?

O curso de Pedagogia tem a duração média de 4 anos e pode ser do tipo licenciatura, focado na formação de professores, ou bacharelado, que prepara o profissional para atuar com outras atividades no mercado de trabalho, como em editoras de livros pedagógicos.

Para se formar, o estudante precisa ser aprovado nas disciplinas obrigatórias do curso, fazer o estágio obrigatório e, em alguns casos, fazer o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Conheça algumas disciplinas que compõem a grade curricular de Pedagogia:

  • Alfabetização e Letramento
  • Arte, Ludicidade e Movimento na Educação Infantil
  • Conteúdo e Metodologia do Ensino de Artes
  • Conteúdo e Metodologia do Ensino de Ciências
  • Conteúdo e Metodologia do Ensino de Geografia
  • Conteúdo e Metodologia do Ensino de História
  • Conteúdo e Metodologia do Ensino de Língua Portuguesa
  • Conteúdo e Metodologia do Ensino de Matemática
  • Cultura e Sociedade
  • Currículo Escolar e Projeto Político-pedagógico
  • Didática Aplicada à Educação Infantil e Aos Anos Iniciais do Ensino Fundamental
  • Fundamentos da Educação de Jovens e Adultos
  • Fundamentos da Educação Especial e Inclusiva
  • Fundamentos da Educação Infantil
  • História da Educação Brasileira
  • Inspeção Escolar
  • Psicologia da Educação
  • Psicologia do Desenvolvimento Infantil

Onde estudar Pedagogia?

Cursar Pedagogia pode ser ainda mais fácil do que você imagina. O curso está disponível em diversas instituições de ensino superior do país e pode ser feito a distância ou presencial.

A dica é sempre pesquisar por uma universidade reconhecida pelo MEC e que seja bem avaliada. Por isso, confira algumas faculdades que atendem esses requisitos e que oferecem condições especiais nas mensalidades:

Quais livros são indicados para quem estudante Pedagogia?

- Pedagogia do Oprimido, de Paulo Freire - Pedagogia da Autonomia - Paulo Freire - Reflexões sobre alfabetização - Emília Ferreiro - Conversas com Quem Gosta de Ensinar, de Rubem Alves - Alfabetização e letramento, de Magda Soares - Metodologias ativas para uma educação inovadora, de Lilian Bacich e José Moran - Didática, de José Carlos Libâneo - Educação Não é Privilégio, de Anísio Teixeira

Como é o curso de Pedagogia?

O curso de Pedagogia tem a duração média de 4 anos e pode ser do tipo licenciatura, focado na formação de professores, ou bacharelado, que prepara o profissional para atuar com outras atividades no mercado de trabalho, como em editoras de livros pedagógicos.

Onde estudar Pedagogia?

A dica é sempre pesquisar por uma universidade reconhecida pelo MEC e que seja bem avaliada. Por isso, confira algumas faculdades que atendem esses requisitos e que oferecem condições especiais nas mensalidades: - Anhanguera - Unopar - Estácio - Centro Universitário FAM - Unicsul - Cruzeiro do Sul

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin