Saiba tudo sobre o curso de Redes de Computadores

Cursos tecnológicos são popularmente conhecidos como cursos tecnólogos. O nome dado a esse tipo de graduação de nível superior pode gerar uma confusão para os estudantes, já que é possível que eles entendam que são apenas cursos que envolvem a área de tecnologia.

Mas não necessariamente os cursos tecnólogos são graduações que envolvem a tecnologia e formam profissionais nessa área. Muito pelo contrário, já que a maioria dos mais de 130 cursos tecnólogos são de outras áreas do conhecimento

Mesmo assim, um dos eixos classificados é o de Informação e Comunicação, onde os estudantes podem encontrar 14 cursos que envolvem computação, informática, internet e outras tecnologias de comunicação.

Entre eles, está o curso de Redes de Computadores, que você vai conhecer agora como ele é, o que esse profissional é preparado para fazer depois de formado e algumas dicas importantes para dar os primeiros passos nessa carreira.

O curso de Redes de Computadores

O curso de Redes de Computadores é um dos 14 classificados pelo Ministério da Educação (MEC) no eixo tecnológico de Informação e Comunicação do Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia.

A graduação tem uma carga horária mínima de 2.000 horas, que costumam ser realizadas entre dois e três anos, em média. Ao se formar em Redes de Computadores, o tecnólogo será capaz de desempenhar papéis importantes de organização e técnica de redes de computadores e projetos de diversos tamanhos.

De acordo com o catálogo do MEC, o perfil profissional do aluno depois da conclusão do curso o tornará apto a realizar as seguintes funções:

  • Projetar, implantar, gerenciar e integrar redes de computadores;
  • Identificar necessidades, dimensionar, elaborar especificações e avaliar soluções para segurança de redes de computadores;
  • Desenvolver e documentar projetos em redes de pequeno, médio e grande portes;
  • Avaliar o desempenho da rede e propor medidas para melhoria da qualidade de serviço;
  • Vistoriar, realizar perícia, avaliar, emitir laudo e parecer técnico em sua área de formação.

Para se formar, o aluno precisa realizar o trabalho de conclusão de curso (TCC).

A graduação de Redes de Computadores pode ser encontrada na modalidade presencial, semipresencial e no ensino a distância (EAD). Esta última tem sido muito procurada por quem estuda Computação.

O diploma do EAD tem a mesma validade no mercado de trabalho, desde que a faculdade que oferece o curso seja certificada pelo MEC e tenha seu funcionamento autorizado.

Grade curricular de Redes de Computadores

O curso de Redes de Computadores terá bastante conteúdo da área das Ciências Exatas, como Matemática, Física e Estatística, e da área de Informática, com as atividades mais práticas em laboratórios que irão envolver diretamente a computação.

Veja algumas das principais disciplinas da grade do curso de Redes de Computadores da Universidade Cruzeiro do Sul (Unicsul):

  • Sistemas Operacionais
  • Matemática Aplicada
  • Programação em Redes
  • Redes de Computadores Remotas
  • Cabeamento Estruturado
  • Tópicos em Redes
  • Projeto de Redes
  • Redes Heterogêneas e Conectividade
  • Segurança da Informação
  • Arquitetura de Sistemas Distribuídos
  • Computação em Nuvem
  • Administração de Redes de Computadores
  • Administração de Servidores
  • Tópicos Especiais em Redes de Computadores
  • Sistemas de Comunicação de Dados
  • Organização e Arquitetura de Computadores
  • Infraestrutura de Tecnologia da Informação (TI)
  • Programação de Computadores

Mercado de trabalho

O mercado de trabalho da área da Tecnologia da Informação (TI) está sempre em busca de profissionais para atuar, já que a demanda é muito alta e existe uma carência por profissionais capacitados nesse tipo de carreira, principalmente com diploma de ensino superior.

Salário de um profissional de Redes de Computadores

No Brasil, o tecnólogo de Redes de Computadores recebe um salário médio de R$ 3.646,03 por mês, de acordo com o Quero Bolsa. Os três estados do país onde esse profissional tem a melhor remuneração são: Distrito Federal, Rio de Janeiro e São Paulo.

Também há outros cargos que são ocupados por esse tecnólogo, que podem trazer variações na remuneração.

Áreas de Atuação do tecnólogo de Redes de Computadores

Segundo o catálogo organizado pelo MEC sobre os cursos tecnólogos, esses são os principais campos de atuação de um profissional formado em Redes de Computadores:

  • Empresas de planejamento, desenvolvimento de projetos, assistência técnica e consultoria;
  •  Empresas de tecnologia;
  • Empresas em geral (indústria, comércio e serviços);
  • Organizações não-governamentais;
  • Órgãos públicos;
  • Institutos e Centros de Pesquisa;
  • Instituições de Ensino, mediante formação requerida pela legislação vigente.

Onde estudar Redes de Computadores?

Se você está interessado em começar a fazer o curso de Redes de Computadores, o próximo passo do caminho é escolher uma boa faculdade para entrar na graduação. E as opções de onde estudar são muitas.

As faculdades precisam ser certificadas pelo MEC para que os diplomas dados aos alunos formados possam ter validade no mercado de trabalho.

Abaixo, você confere algumas instituições reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC:

Os interessados podem encontrar cursos presenciais e a distância nessas instituições, que contam com polos de apoio presencial espalhados por todo o Brasil.

Veja também:
8 cursos para quem gosta de tecnologia

E então, qual dessas faculdades mais te chamou a atenção? Conte para a gente nos comentários abaixo a sua opinião sobre as faculdades e o curso de Redes de Computadores!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin