dcsimg

Saiba se vale a pena fazer os cursos da ETEC

Já pensou em estudar numa escola técnica da rede pública? Veja aqui!

ETEC é o nome que a gente dá às escolas de ensino técnico pertencentes à rede estadual de educação.

Nelas encontramos uma série de cursos dos ensinos técnico, médio e técnico integrado ao médio.

É uma opção interessantíssima para quem busca maneiras mais rápidas e acessíveis de entrar no mercado de trabalho.

Mas será que as ETECs têm o curso certo para você?

Saiba se vale a pena fazer os cursos da ETEC e quais são as alternativas mais legais.

Os cursos das ETECs

As ETECs oferecem cursos em diferentes áreas.

A maioria deles é de nível técnico, mas algumas oferecem também cursos superiores e de pós-graduação pelas chamadas FATECs.

Tem opções presenciais e a distância em diversas áreas do conhecimento.

A gente escolheu alguns para você ter ideia do que estamos falando:

Cursos técnicos:

  • Administração
  • Agenciamento de Viagem
  • Agente Comunitário de Saúde
  • Agroecologia
  • Alimentos
  • Automação Industrial
  • Biotecnologia
  • Comércio
  • Comunicação Visual
  • Contabilidade
  • Cozinha
  • Cuidados de Idosos
  • Desenho de Construção Civil
  • Design de Móveis
  • Edificações
  • Eletroeletrônica
  • Eletromecânica
  • Eletrônica
  • Eletrotécnica
  • Enfermagem
  • Eventos
  • Hospedagem
  • Informática
  • Instrumentação
  • Logística
  • Manutenção de Aeronaves em Célula
  • Marketing
  • Mecânica
  • Mecatrônica
  • Meio Ambiente
  • Metalurgia
  • Mineração
  • Modelagem do Vestuário
  • Nutrição e Dietética
  • Paisagismo
  • Programação de Jogos Digitais
  • Recursos Humanos
  • Saneamento
  • Segurança do Trabalho
  • Telecomunicações
  • Vestuário

Cursos superiores:

  • Agroindústria
  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  • Banco de Dados
  • Big Data no Agronegócio
  • Biocombustíveis
  • Comércio Exterior
  • Construção de Edifícios
  • Construção Naval
  • Cosméticos
  • Eletrônica Industrial
  • Gestão Ambiental
  • Gestão Comercial
  • Gestão Empresarial
  • Gestão Financeira
  • Gestão de Recursos Humanos
  • Hidráulica e Saneamento Ambiental
  • Manutenção de Aeronaves
  • Materiais
  • Mecânica Automobilística
  • Mecânica de Precisão
  • Polímeros
  • Produção Têxtil
  • Radiologia
  • Redes de Computadores
  • Silvicultura
  • Têxtil e Moda

Para garantir vaga em cursos técnicos ou superiores é preciso passar no processo seletivo estabelecido pela ETEC do seu interesse. Informe-se na escola mais próxima de você.

Vale a pena fazer os cursos da ETEC?

As ETECs são instituições de ensino tradicionais e conceituadas no mercado de trabalho.

Ter formação numa ETEC, portanto, significa terminar os estudos capacidade para assumir um posto de trabalho na área escolhida.

Mas tudo depende daquilo que você procura.

Grande parte dos cursos oferecidos pelas ETECs são de nível médio. Embora tenham boa empregabilidade no Brasil, podem oferecer alguns impedimentos de crescimento em certos setores.

Por exemplo, um profissional formado no curso técnico de Edificações terá sempre uma atuação mais limitada que um engenheiro civil – algo que se reflete nos salários também.

Técnicos em edificações não podem, por exemplo, elaborar um projeto de obra ou emitir laudos técnicos de engenharia, mesmo trabalhando na área. Também não podem fazer concursos públicos que exijam nível superior ou continuar os estudos em cursos de pós-graduação.

Se você pretende ter mais oportunidades no mercado de trabalho, então um curso superior é o melhor caminho a seguir. Embora algumas ETECs contem com essa opção, a oferta ainda é muito limitada quando comparada às faculdades tradicionais.

Se para você o diferencial do curso técnico é o tempo mais curto de formação, saiba que os cursos superiores de tecnologia também têm essa característica.

Com eles você faz uma graduação em dois ou três anos, encontra alta empregabilidade no mercado de trabalho e ainda usufrui de todos os benefícios que um curso superior pode oferecer.

Veja mais detalhes no tópico a seguir.

Por que vale mais a pena fazer um curso superior?

Além de mais chances de crescer no mercado de trabalho e de ganhar salários mais interessantes, os cursos superiores podem ser encontrados com facilidade em faculdades e polos de apoio por todo o país.

Se somarmos as redes públicas e particulares de ensino, a oferta é infinitamente maior do que aquela encontrada nas ETECs.

Existem basicamente três tipos de cursos superiores:

  • Os bacharelados, que têm uma formação mais ampla e generalista.
  • As licenciaturas, dedicadas à formação de professores para o ensino infantil, fundamental e médio.
  • Os superiores de tecnologia, que têm uma abordagem mais focada, voltada ao mercado de trabalho, e curta duração.

Outra imensa facilidade hoje são os vários programas de acesso ao ensino superior disponíveis no Brasil.

Tem o Sisu, por exemplo, que permite entrar em universidade pública usando a nota do Enem.

O ProUni, que concede bolsas de estudo em faculdades particulares a quem fez o Enem mais recente.

O FIES, que concede financiamento estudantil a longo prazo e juros baixos.

Muitos dos cursos superiores também podem ser feitos a distância, com diploma reconhecido pelo MEC.

Onde fazer um curso técnico ou superior de qualidade

Basta uma rápida pesquisa para encontrar as escolas técnicas existentes em seu estado. Algumas podem ser públicas, como o caso das ETECs, mas a maioria pertence mesmo à rede privada.

Quanto às faculdades, milhares delas têm presença garantida em todo o Brasil.

Quem vai investir numa formação de nível superior deve estar atento à instituição escolhida. Para o diploma ter validade, ela precisa ser reconhecida formalmente pelo MEC. E para que seja bem aceito no mercado, que tenha sido bem avaliada.

Para facilitar sua vida, a gente selecionou algumas faculdades bem interessantes que você pode conhecer agora mesmo, com um simples clique:

Veja também:

Conheça os 10 cursos técnicos com maiores salários

E aí, vai fazer ETEC ou investir numa faculdade? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin