Conheça os 10 cursos técnicos com maiores salários

Encontramos as formações de nível médio que estão rendendo um bom dinheiro no final do mês!

curso-tecnico-ead

A gente sabe que, no Brasil, o sucesso profissional muitas vezes começa com um diploma de nível superior. Isso é regra em quase todo tipo de carreira – mas, como toda regra, há exceções.

Os cursos técnicos, formações mais rápidas, focadas e de nível médio, também têm seu lugar no mercado e a cada ano que passa surgem mais vagas e boas oportunidades. Alguns deles, inclusive, fazem mais sucesso que os cursos de nível superior e oferecem salários de dar inveja. E o melhor, boa parte dos profissionais que investem nesses cursos já conclui os estudos com algum emprego em vista, não é ótimo?

+Encontre bolsas de estudo de até 80%

Para te ajudar a entender um pouco mais sobre o mundo dos cursos técnicos, o Guia da Carreira preparou este artigo super completo. Continue lendo para conhecer os 10 cursos técnicos com maiores salários e aproveite para saber se esse tipo de formação é o ideal para você.

Quais cursos técnicos estão em alta no mercado de trabalho?

Em decorrência da pandemia do coronavírus, o Brasil ainda vive um momento de incerteza e instabilidade econômica. Isso significa que, por um lado, as empresas estão mais cautelosas e criteriosas na hora de contratar novos profissionais e por outro, estão precisando dar um gás em vendas, investimentos, finanças e tudo o que isso envolve para se manterem competitivas no mercado.

Áreas como Finanças, Administração, Marketing e Vendas, Tecnologia, Logística e Saúde estão retomando o crescimento a passos rápidos – e são as que mais estão rendendo bons salários. As empresas estão de olho em profissionais que tenham jogo de cintura e sejam capazes de pensar estrategicamente. Para esses profissionais, o teto salarial pode chegar a R$ 7.000! Veja mais detalhes a seguir.

Quais são os 10 cursos técnicos com os maiores salários?

O salário de um técnico pode ser bem alto, mas para chegar lá é preciso encarar alguns desafios. O principal, segundo a empresa de consultoria Robert Half, é saber atender às exigências do mercado.

Para se dar bem, os técnicos precisam apresentar perfil analítico, flexibilidade de pensamento, um bom jogo de cintura e, de preferência, dominar o inglês. Quanto mais experiência, mais chances de ganhar bem. Vamos aos 10 cursos técnicos com melhor remuneração atualmente:

Técnico em Segurança do Trabalho – R$ 2.875

  • Tempo de formação: um ano e meio.

O técnico em Segurança do Trabalho já é um velho conhecido na lista dos mais bem pagos do país. O profissional tem a importante função de identificar fatores de risco no ambiente de trabalho, propor medidas de redução de danos, elaborar políticas de segurança e divulgar normas e procedimentos técnicos. Os salários podem se aproximar de R$ 3.589!

Técnico em Mecânica – R$ 3.109

  • Tempo de formação: um ano e meio.

Além de um ótimo salário, atualmente o profissional técnico em mecânica é um dos mais demandados no mercado, portanto a oferta de vagas é bem grande.

O profissional de nível técnico que instala, opera e faz manutenção de maquinários industriais também pode obter bons salários no mercado de trabalho. Com tempo de serviço e maior experiência, dá para embolsar até R$ 4.125 por mês!

Técnico em Automação Industrial – R$ 3.400

  • Tempo de formação: um ano e meio.

Este profissional é indispensável em determinados setores industriais, pois atua implementando sistemas automatizados em redes, sensores, controladores, painéis elétricos e demais sistemas e equipamentos robotizados. Ele é o responsável por emitir laudos técnicos sobre o funcionamento do maquinário das indústrias, portanto é um profissional valioso para o mercado. Seu salário pode chegar até R$ 4.651 por mês.

Técnico em Manutenção de Aeronaves – R$ 3.238

  • Tempo de formação: 2 anos

Como já diz o nome do curso, o profissional trabalha realizando a manutenção de aviões, helicópteros e demais aeronaves, planejando voos e processos operacionais de decolagem e reparos em sistemas de radiocomunicação e radionavegação. Quem se forma nessa área pode também se especializar em pintura de aeronaves e restauração de superfícies corroídas. O salário desse profissional pode chegar até R$ 5.200 por mês.

Técnico em Logística – R$ 2.369

  • Tempo de formação: um ano e meio.

O técnico em Logística é aquele que acompanha tudo o que envolve transporte de mercadorias e serviços. Ele cuida da gestão operacional e busca a forma mais eficiente e econômica de aumentar a produtividade na empresa onde trabalha. Um logístico experiente pode chegar a ganhar até R$ 5.000 em uma empresa de grande porte.

programador e desenvolvedor

Técnico em Desenvolvimento de Sistemas – R$ 3.113

  • Tempo de formação: um ano e meio.

Responsável por construir, testar e documentar todo o processo de criação de sistemas, aplicativos, programas e qualquer ferramenta virtual capaz de facilitar o dia a dia de pessoas e empresas. Esse pessoal estuda diversas linguagens de programação, lógica e implementação de bancos de dados. Quem atua nesta área como técnico pode receber salários que chegam a R$ 4.750 nas empresas mais especializadas.

Técnico em Biocombustíveis – R$ 2.031

  • Tempo de formação: dois anos.

O profissional que atua nessa área se especializa na aquisição, comercialização e processamento de biocombustíveis sólidos, líquidos e gasosos. Ótima opção para quem gosta de Química! Esta é uma área em ascensão no Brasil, por isso os salários podem chegar até R$ 6.235.

Técnico em Recursos Humanos – R$ 2.954

  • Tempo de formação: um ano.

O técnico em Recursos Humanos presta apoio no processo de gestão de pessoas em empresas de diversos portes, analisa benefícios, pesquisa direitos trabalhistas, faz contratações e prepara o trâmite para demissão de funcionários. O profissional de RH pode se especializar também em aquisição de talentos, se especializando, por exemplo, na área de tecnologia a fim de encontrar os melhores profissionais da área para compor a empresa para a qual trabalha. Para quem tem experiência, os salários podem chegar a R$ 4.322!

Técnico em Contabilidade – R$ 2.818

  • Tempo de formação: um ano.

O técnico em Contabilidade lida com as principais transações financeiras, que envolvem examinar documentos fiscais, atividade contábil, movimentações, débito e crédito. Os salários, em uma grande empresa, podem chegar a R$ 6.577, dependendo da experiência do profissional e do tempo de serviços prestados.

Técnico em Mecatrônica – R$ 3.621

  • Tempo de formação: um ano e meio

O profissional formado em um curso técnico em Mecatrônica atua desenvolvendo equipamentos automatizados e implementando máquinas no setor industrial. Esta área abrange programação, robótica, eletrônica e muitas outras disciplinas relacionadas à tecnologia. Os salários neste ramo podem chegar até R$ 7.000 para os técnicos.

Curso técnico ou superior: O que é melhor?

A resposta a essa pergunta depende exclusivamente das suas expectativas no mercado de trabalho. No Brasil, como já falamos anteriormente, ter um diploma de nível superior abre muito mais portas. No entanto, os cursos técnicos são uma excelente saída para quem quer entrar mais rapidamente no mercado de trabalho, já que o tempo de formação pode variar, em média, de um a dois anos de estudos. E há muitas vagas por aí.

A diferença é que eles formam profissionais de nível médio. Isso significa que quem opta por esse formato terá uma atuação mais limitada no mercado de trabalho. Não pode, por exemplo, ocupar vagas que exijam nível superior, aperfeiçoar-se em cursos de pós-graduação ou fazer concursos públicos para cargos mais elevados. Ou seja: a remuneração inicial do técnico pode ser bem atrativa, mas depois de um tempo pode chegar a um patamar difícil de ultrapassar sem uma faculdade.

Por isso, antes de se matricular em um curso técnico, é bom verificar se existe alguma boa opção de nível superior em uma área correspondente. O tempo de formação é um pouco maior, mas os benefícios compensam.

Todos os cursos técnicos que citamos na lista acima, por exemplo, têm um similar de nível superior – boa parte deles em grau de tecnólogo. Isso quer dizer que também têm um tempo de formação curto (de dois a três anos), boa empregabilidade e rendem um tão sonhado diploma de nível superior.

Outra vantagem é que a maioria dos cursos listados aqui podem também ser feitos na modalidade a distância, o que é uma vantagem e tanto para quem precisa conciliar estudos com trabalhos e atividades do dia a dia.

Onde encontrar um curso tecnólogo?

Tanto os cursos técnicos quanto os de tecnólogo são fáceis de achar. Os técnicos estão disponíveis em escolas especializadas e centros de formação por todo o país. Algumas faculdades públicas e privadas também oferecem essas opções.

Os tecnólogos, por sua vez, podem ser encontrados em faculdades públicas e particulares em tudo quanto é lugar.

Você só precisa observar se a instituição de ensino superior escolhida é reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) – é o que garante a validade do diploma.

A gente separou a seguir algumas faculdades bem avaliadas pelo MEC que oferecem cursos de tecnólogo e, em alguns casos, também os técnicos:

Em todas elas você vai encontrar bolsas de estudos (como o ProUni, por exemplo), financiamentos privados e do FIES, descontos e convênios.

Veja também:

O que é curso técnico e porque ele é tão interessante?

O que achou dos cursos técnicos mais bem pagos? Vai tentar um deles ou encarar de vez um tecnólogo? Conte para a gente!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin