dcsimg

Conheça os cursos na área da Saúde e veja onde estudá-los

Quer seguir carreira na área da Saúde? Nós vamos ajudar. Descubra agora mesmo opções de cursos e faculdades!

Saúde é uma área incrível para trabalhar. Primeiro, porque oferece um campo bastante diverso de atuação, com cursos tão diferentes quanto você possa imaginar.

Segundo, porque raramente falta emprego para profissionais da área.

Terceiro: os salários são de encher os olhos. Alguns profissionais dessa área têm os ganhos médios mais altos do Brasil, seja no setor público ou no privado.

Gostou? Está a fim de trabalhar na área da Saúde? Veja quais cursos você pode fazer e onde estudá-los a seguir!

Os cursos da área de Saúde

De acordo com o Censo da Educação Superior, os cursos da área de Saúde e Bem-Estar podem ser encontrados em mais de 1.000 faculdades pelo país e abrangem, atualmente, 1,2 milhão de estudantes.

Todos os anos, são oferecidas cerca de 860 mil vagas nas graduações mais diversas.

A gente separou alguns para você conhecer. Repare que tem desde aqueles velhos conhecidos até graduações que você nem imagina que existiam.

Dê uma espiada:

  • Bioquímica
  • Ciência do Esporte
  • Ciências Biológicas
  • Ciências dos Alimentos
  • Educação Física
  • Enfermagem
  • Esporte
  • Farmácia
  • Física Médica
  • Fisioterapia
  • Fonoaudiologia
  • Gerontologia
  • Gestão em Saúde
  • Interdisciplinar em Saúde
  • Massoterapia
  • Medicina
  • Multidisciplinar em Dependência Química
  • Naturologia
  • Nutrição
  • Obstetrícia
  • Odontologia
  • Oftálmica
  • Óptica e Optometria
  • Produção de Fármacos
  • Psicologia
  • Quiropraxia
  • Radiologia
  • Terapia Ocupacional
  • Toxicologia Ambiental

Das graduações acima, a grande maioria forma bacharéis: profissionais com um espectro de atuação mais amplo na carreira escolhida.

Mas é possível também encontrar aquelas graduações de tecnologia, que são cursos superiores mais rápidos. Na relação acima, por exemplo, destacamos Radiologia, Gerontologia, Massoterapia e Oftálmica. São formações que têm boa aceitação e amplas oportunidades de emprego porque foram pensadas para atender às demandas do mercado de trabalho.

Muitos também podem ser feitos a distância, o que é uma boa para quem precisa conciliar os estudos com trabalho ou outra atividade do dia a dia.

Entre as graduações de Saúde disponíveis na modalidade EAD, encontramos:

  • Educação Física
  • Enfermagem
  • Enfermagem e Obstetrícia
  • Farmácia
  • Fisioterapia
  • Fonoaudiologia
  • Gerontologia
  • Nutrição
  • Óptica e Optometria
  • Radiologia
  • Serviço Social
  • Terapia Ocupacional

Veja a seguir como conseguir vaga em um deles!

Como ingressar em um curso na área da Saúde

Os cursos da área da Saúde tendem a ser os mais concorridos dos vestibulares ou processos seletivos diversos. Quantas vezes você já não viu Medicina, Odontologia e Psicologia liderarem a lista dos mais procurados?

A boa notícia é que existem várias formas de ingresso. Conheça:

  1. Pelo Sisu – O maior processo seletivo do Brasil promove o acesso de estudantes a universidades públicas de todo país. Aqui há uma lista enorme de cursos de Saúde para escolher – inclusive Medicina! Pode participar quem fez o Enem mais recente e não tirou zero na redação. A concorrência acontece duas vezes por ano.
  2. Pelo vestibular tradicional – Muitas universidades públicas e todas as particulares ainda promovem seus vestibulares tradicionais todos os anos. O modelo das provas varia de instituição para instituição, assim como o número de vagas disponíveis na área da Saúde. Dê uma olhada no formato adotado pelo local onde você quer estudar. Os vestibulares dos cursos a distância costumam ser super simples, geralmente uma prova de redação.
  3. Pelo ProUni – Esse programa do governo federal de ampliação do acesso à universidade concede bolsas parciais e integrais em faculdades particulares de todo o Brasil. Todos os anos são oferecidos milhares de vagas em cursos da área da Saúde. Para participar basta ter feito o Enem mais recente, não ter zerado a redação e atender aos critérios de renda familiar, desempenho nas provas e formação escolar determinados pelo MEC.
  4. Pelo ingresso direto – O ingresso direto é a maneira mais fácil de entrar em um curso da área da Saúde: basta escolher a graduação desejada (em algumas faculdades, essa modalidade não se aplica ao curso de Medicina, Odontologia, Medicina Veterinária e Enfermagem), informar a nota obtida em qualquer Enem a partir de 2010 e pronto. Se você tiver pontuação suficiente para entrar, é só preparar a documentação e correr para fazer a matrícula.

Quanto custa fazer um curso na área da Saúde

Cursos na área da Saúde sempre custam uma fortuna, certo?

Nem sempre!

Existem inúmeras faculdades particulares que já oferecem graduações com preços bastante acessíveis, especialmente se o curso for na modalidade a distância.

A Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL), uma das mais conhecidas do Brasil, é uma delas.

Veja quanto custa, por mês, alguns dos seus principais cursos presenciais na área da Saúde:

  • Biomedicina: R$ 520
  • Enfermagem: R$ 500
  • Farmácia: R$ 600
  • Nutrição: R$ 600
  • Odontologia: R$ 1.400

Se o seu lance for estudar a distância, a economia será ainda maior. Na Universidade Cidade de São Paulo (UNICID), o curso de Educação Física, por exemplo, sai por R$ 340 mensais. O de Nutrição semipresencial custa o mesmo.

E ainda dá para financiar esse valor com ajuda do FIES, o programa de crédito estudantil do governo federal.

Para usufruir dessa facilidade, o interessado precisa ter feito qualquer Enem a partir de 2010, sem ter zerado a redação, e encarar um processo seletivo bastante disputado (os cursos de Saúde são os mais procurados, em geral). O MEC exige que os candidatos se enquadrem em um certo perfil socioeconômico e tenham obtido pelo menos 450 pontos na média das provas, com nota acima de zero na redação.

A burocracia da seleção se paga com os benefícios do programa: juros baixos – às vezes zero – e um prazo gigantesco para quitar a dívida, que só começa a ser cobrada depois da conclusão do curso.

Também dá para buscar outros sistemas de financiamento, especialmente aqueles oferecidos pelas próprias faculdades – que não fazem tantas exigências.

Onde fazer um curso na área da Saúde

Como a gente já citou lá no começo do texto, temos cursos de Saúde disponíveis em mais de 1.000 faculdades pelo país.

Encontrar aquela que atende às suas expectativas é fácil. Basta observar detalhes básicos, como reconhecimento e boa avaliação junto ao MEC, a qualidade da infraestrutura oferecida e a presença na sua cidade.

A gente tem algumas sugestões, para você já começar sua pesquisa. Anote aí:

Essas faculdades participam do ProUni, do FIES, têm vestibular próprio e oferecem ingresso direto. Oferecem também programas variados de crédito estudantil, bolsas e descontos.

Veja também:

4 profissões em alta na área da saúde

Qual curso da área da Saúde você quer fazer? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin