Saiba tudo sobre fazer uma faculdade de Ciências Biológicas

Conheça a grade curricular e as modalidades do curso de Ciências Biológicas, assim como o mercado de trabalho para esse profissional!

A graduação em Ciências Biológicas ou Biologia, como também pode ser encontrada, forma profissionais para trabalhar com o estudo de seres vivos e suas características, formação, desenvolvimento e reprodução, assim como sua relação com o meio ambiente.

Por esse motivo, esse profissional possui um conhecimento aprofundado sobre a natureza.

O curso

O curso de Ciências Biológicas pode ser encontrado nos graus bacharelado e licenciatura. Enquanto o bacharelado prepara os profissionais para exercer funções nos setores ambientais ou industriais, a licenciatura os capacita para dar aulas nos ensinos fundamental e médio.

Os dois tipos possuem quatro anos de duração, em média. O estágio é obrigatório, assim como o desenvolvimento e apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Grade curricular

A graduação possui conteúdos distribuídos em matérias teóricas e práticas. A grade curricular conta com disciplinas na área de biologia, química e até mesmo física.

Confira abaixo quais são as principais matérias do curso:

  • Biologia celular
  • Biologia molecular
  • Bioquímica
  • Biossegurança
  • Biotecnologia
  • Bioinformática
  • Botânica
  • Citologia
  • Ecologia
  • Ecossistemas
  • Embriologia
  • Fisiologia
  • Genética
  • Histologia
  • Imunologia
  • Microbiologia
  • Física
  • Química
  • Zoologia

É importante ressaltar que, no curso de licenciatura, também é possível encontrar disciplinas sobre metodologias de ensino, conhecimentos pedagógicos, psicologia de aprendizagem e didática.

Modalidades

A modalidade de um curso de graduação nada mais é do que o formato no qual ele é oferecido. As mais conhecidas são a presencial, semipresencial e o ensino a distância (EaD).

O curso de Ciências Biológicas pode ser encontrado nas três modalidades. No curso presencial, todas as aulas, atividades e provas são realizadas em sala de aula, na instituição de ensino.

Já no curso semipresencial, até 20% da grade curricular do curso pode ser composta por atividades online. Ou seja, nesse formato, o aluno não precisa ir todos os dias à faculdade. Há uma distribuição entre aulas online e aulas presenciais.

No curso a distância, por fim, as aulas são totalmente ou quase totalmente online. Isso porque algumas instituições podem exigir que as avaliações sejam realizadas de forma presencial. As instituições que oferecem cursos semipresenciais ou EaD contam com uma plataforma online que pode ser acessada pelos alunos a qualquer momento por meio de dispositivos eletrônicos como computadores, tablets ou celulares.

Nesse espaço virtual há espaço para interação com os professores e colegas de classe, além de aulas gravadas, materiais de estudo e atividades. O controle de frequência é feito com base na entrega de atividades.

Mercado de trabalho

Além do diploma de graduação, para exercer a profissão de biólogo é necessário ser inscrito no Conselho Regional de Biologia (CRBio) mais próximo. Feito isso, o profissional licenciado está habilitado para trabalhar em escolas públicas e privadas, ou até mesmo em ONGs e museus, com ações educativas.

O bacharel, por sua vez, pode atuar em órgãos públicos, empresas e indústrias ambientais ou que possuam esse setor ou até mesmo na área forense. De acordo com o Conselho Federal de Biologia (CFBio), as áreas de atuação do biólogo envolvem meio ambiente e diversidade, saúde e biotecnologia e produção. Ao todo, são mais de 50 áreas.

Já as suas funções estão relacionadas à pesquisa, gestão de recursos ambientais, diagnóstico ambiental ou biológico e até mesmo análises clínicas e patológicas.

Salário

De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) sobre o ano de 2019, o salário médio de um biólogo com ensino superior completo chegou a 3.080,63.

Já o salário médio de um professor de Biologia no ensino médio é de aproximadamente R$ 1.585,37. O Caged não possui informações disponíveis sobre a remuneração de um professor do ensino fundamental.

É importante ressaltar, porém, que a remuneração pode ter variações de acordo com o estado ou o local de trabalho.

Onde estudar?

O diploma de nível superior pode ser uma diferencial para conseguir um emprego, ser efetivado ou receber aumento salarial, pois a remuneração de um profissional varia de acordo com seu nível de formação.

Entretanto, além de qual graduação fazer a escolha de onde estudar também é muito importante. Para que o diploma seja válido em todo o território nacional, o curso superior deve ser autorizado e reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC). Por meio de uma avaliação, o órgão garante que a instituição de ensino possui a estrutura necessária para oferecer um determinado curso.

A seguir, há uma lista com algumas opções de instituições que oferecem diversos cursos de graduação, dentre eles, o de Ciências Biológicas. É possível encontrá-lo nos graus bacharelado e licenciatura, assim como nas modalidades presencial, semipresencial e a distância. Confira:

Leia também:
O que faz um biólogo?
Quanto ganha um biólogo?

Pronto para se tornar um biólogo? Conte para nós pelos comentários abaixo!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin