dcsimg

Descubra se é possível fazer faculdade de Direito em 3 anos

O curso de Direito é um dos mais badalados do Brasil – mas será que dá para fazer a graduação em menos tempo? Veja aqui!

No Brasil, nenhuma graduação é tão badalada quanto Direito.

O curso ocupa o primeiro lugar na preferência nacional e já contabiliza quase 900 mil matriculados atualmente.

Não é por acaso que essa é uma das graduações mais fáceis de se encontrar por aí.

O mercado é bastante concorrido, mas também tem muitas oportunidades – tanto na iniciativa privada quando no serviço público.

Tem muita gente querendo aproveitar essa efervescência e garantir uma entrada mais rápida no mercado. Por isso a pergunta mais importante do dia é: Dá para fazer faculdade de Direito em 3 anos?

A resposta vem logo a seguir!

É possível fazer faculdade de Direito em 3 anos?

Segundo as diretrizes do Ministério da Educação, Direito é um curso de bacharelado que deve ter carga horária obrigatória de, no mínimo, 3.700 horas.

Se dividirmos esse total, chegamos a 10 semestres de estudos – ou cinco anos no total!

Numa lógica simples, a gente pode imaginar que se o aluno tiver uma dedicação extra e adiantar várias disciplinas, ele conseguirá terminar o curso de Direito antecipadamente.

Só que isso não funciona na prática. Além de ferir a Resolução CNE/CES nº 2, de 18 de junho de 2007, seria praticamente impossível dar conta de todas as disciplinas, atividades e leituras em tão pouco tempo.

Portanto, a resposta à pergunta sobre ser possível estudar Direito em 3 anos é “não”.

Entrar numa área tão promissora tem seu preço – que aqui custa cinco anos.

O curso de Direito requer bastante dedicação e traz em seu currículo muito estudo aprofundado de legislação, leis e códigos (Civil, do Consumidor, etc.), conjuntura nacional e internacional, entre outros.

É um curso bastante disputado, especialmente para quem está pensando em estudar numa faculdade pública.

Falando nisso, é importante ressaltar que grande parte da oferta – cerca de 90% do total – está nas faculdades privadas.

“Ah, mas se eu estudar Direito a distância e me dedicar bastante, será que consigo terminar tudo em três anos?”

Vamos conferir essa resposta a seguir!

Dá para concluir o curso Direito em 3 anos se eu estudar a distância?

Fazer um curso a distância significa ter mais flexibilidade para estudar e até adequar a carga do curso às suas necessidades do dia a dia.

Seria perfeito poder adiantar os estudos seguindo seu próprio ritmo – mesmo com toda a avalanche de atividades e leituras típicas do curso.

Só que tem um detalhe importante: não existem no Brasil cursos de Direito na modalidade a distância. Se você vir algum por aí, desconfie na hora! O MEC não autorizou ainda a realização da graduação nesse formato.

Se você quer uma graduação em menos tempo, dá para tentar fazer um curso de tecnólogo em áreas próximas ao Direito.

Tem, por exemplo, o curso de Serviços Penais, o de Gestão em Segurança Privada, Investigação e Perícia Judicial e Segurança Pública. Com exceção do de Investigação, que dura três anos, o restante pode ser feito em apenas dois anos.

Sobre a faculdade de Direito

Se você ainda não entendeu por que não dá para estudar Direito em apenas 3 anos, dê uma olhada em algumas das disciplinas que compõem a grade curricular do curso de Direito da Anhanguera:

  • Direito Administrativo
  • Direito Ambiental
  • Direito Civil
  • Direito Coletivo do Trabalho
  • Direito Constitucional
  • Direito da Seguridade Social
  • Direito das Relações de Consumo
  • Direito de Falência e Recuperação de Empresa
  • Direito do Trabalho
  • Direito Econômico
  • Direito Internacional
  • Direito Penal
  • Direito Político E Eleitoral
  • Direito Processual Civil
  • Direito Tributário
  • Direitos Humanos
  • Filosofia do Direito
  • Fundamentos Históricos do Direito
  • Meios Alternativos de Solução de Conflitos
  • Psicologia Aplicada ao Direito
  • Responsabilidade Civil
  • Teoria da Argumentação Jurídica
  • Teoria Geral da Empresa
  • Teoria Geral do Direito Constitucional
  • Teoria Geral do Processo
  • Teoria Geral do Processo Penal

A gente resumiu a grade acima, mas saiba que várias das disciplinas ali são divididas em temas que se estendem por mais de cinco semestres.

É o caso, por exemplo de Direito Civil, que se subdivide em seis disciplinas, e Direito Penal, que se subdivide em quatro!

Obrigatoriamente, o curso deve ter até 20% de sua carga horária destinada às atividades complementares e de prática jurídica.

Os estágios se estendem por quatro semestres e o aluno deve apresentar um trabalho de conclusão para se formar.

O curso forma bacharéis em Direito. Quem quiser atuar como advogado precisa passar no exame da OAB – Ordem dos Advogados do Brasil.

Onde fazer uma faculdade de Direito

Para compensar a impossibilidade e estudar Direito em 3 anos, temos, por outro lado, uma gigantesca oferta de cursos.

Nosso único conselho é: fique de olho na qualidade da faculdade. Opte sempre por instituições reconhecidas pelo MEC que sejam bem avaliadas. Numa área tão concorrida, um diploma de qualidade pode fazer toda a diferença.

Quem quer estudar numa das públicas, encontra o curso em 97 instituições. Quem preferir as particulares, tem 826 faculdades à disposição.

Ah, e dá para tentar vaga em Direito pelos principais programas do Governo Federal: o Sisu, para as públicas, e o ProUni para estudar nas particulares com bolsa patrocinada pelo governo.

Para quem pensa em financiar os estudos, tem o FIES.

Conheça a seguir algumas boas faculdades que oferecem o curso de Direito e tecnólogos de curta duração em áreas correlatas:

Veja também:

Conheça as áreas mais bem pagas do Direito

Vai estudar Direito? Conte para a gente se você gostaria de fazer o curso em 3 anos!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin