dcsimg

Conheça as faculdades mais baratas de Fisioterapia do Brasil

Quer estudar Fisioterapia? Descubra como se graduar nessa área pagando menos em vários lugares do país!

Sua meta é trabalhar na área da Saúde ajudando pessoas com seus movimentos corporais, sua reabilitação física, na recuperação de problemas causados por acidentes ou até mesmo por postura errada? Fisioterapia é o curso correto para você!

Há bastante procura por essa graduação, assim como uma boa oferta em muitas universidades, públicas ou particulares. Como sabemos, o ingresso nessas instituições depende totalmente do desempenho do estudante nas tradicionais provas de vestibular ou no Enem.

Caso não consiga passar em cursos de instituições públicas, há ainda a opção de conseguir bolsas pelo ProUni, financiamento estudantil pelo FIES ou outras formas disponibilizadas por cada instituição de ensino.

Seja como for, ingressar em uma universidade privada significa ter uma despesa mensal e, quanto menor for essa despesa, melhor, certo? Por isso, vamos contar a você um pouco sobre o curso, o mercado de trabalho, mas, sobretudo, vamos dar dicas de faculdades baratas de Fisioterapia. Preparado?

Faculdades baratas de Fisioterapia: aproveite nossas dicas e decida onde estudar

O ensino a distância facilitou a vida de quem não consegue se deslocar até as instituições de ensino. Hoje se estuda de qualquer lugar, em qualquer horário. Além disso, são cursos com valores mais acessíveis, perfeitos para quem precisa equilibrar o orçamento.

Nossa primeira lista é de algumas faculdades baratas de Fisioterapia na modalidade a distância (semipresencial, 70% de aulas online e 30% de aulas práticas):

  • Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA): mensalidades em torno de R$ 600,00
  • Estácio de Sá: R$ 699,90
  • Uninassau: R$ 430,00
  • Unopar: R$ 340,00
  • Unifaesp: R$ 480,00
  • Pitágoras: R$ 530,00
  • Unama: R$ 460,00
  • Univeritas: R$ 390,00

Na modalidade presencial:

Importante salientar que esses são valores pesquisados já com uma projeção de descontos. No entanto, podem ter alterações, pois há variáveis como turno, localização, campus e outras, que podem modificar esses valores.

Além disso, há as instituições que disponibilizam o acesso direto com a nota do Enem, cujos descontos são progressivos, de acordo com a nota obtida no exame. Temos que considerar também que algumas universidades oferecem bolsas por mérito ou para públicos específicos, como para pessoas da terceira idade.

Outra informação que você precisa ter é sobre o financiamento de cursos de graduação. Caso as mensalidades ainda estejam pesadas, as instituições têm opções em crédito estudantil, inclusive, financiamento próprio, como a Universidade Cruzeiro do Sul.

Por isso, ao decidir onde estudar, pesquise nos sites das universidades todas as alternativas.

O que se estuda em Fisioterapia

A grade curricular do curso de Fisioterapia é bem extensa. Afinal, a graduação tem duração de 5 anos — e concede o título de bacharel ao formando.

Selecionamos algumas disciplinas do curso. Pegamos como exemplo a grade da Anhanguera. Importante salientar que pode haver diferença nas disciplinas de uma instituição para a outra — a Universidade Cruzeiro do Sul pode ter duas ou três disciplinas diferentes. Muitas vezes é somente a nomenclatura que muda. Seja como for, nada que altere a boa formação do profissional da área.

Dê uma olhada e diga se não dá vontade de se matricular e começar a estudar agora mesmo:

  • Ciências moleculares e celulares
  • Cinesioterapia aplicada e geral
  • Diagnóstico cinético-funcional e imaginologia – membros inferiores e coluna vertebral
  • Diagnóstico cinético-funcional e imaginologia – membros superiores, cabeça e tronco
  • Fisioterapia cardiopulmonar na saúde do adulto
  • Fisioterapia e inovações
  • Fisioterapia em unidade hospitalar
  • Fisioterapia musculoesquelética na saúde do adulto
  • Fisioterapia na saúde da criança e do adolescente
  • Fisioterapia na saúde da mulher
  • Fisioterapia na saúde do adulto na atenção primária
  • Fisioterapia na saúde do adulto na atenção secundária
  • Fisioterapia na saúde do adulto na atenção terciária
  • Fisioterapia na saúde do atleta, do idoso e do neonato
  • Fisioterapia na saúde do trabalhador
  • Formação integral em Saúde
  • Práticas fisioterapêuticas na atenção primária
  • Práticas fisioterapêuticas na atenção secundária e terciária
  • Primeiros socorros
  • Prótese e órtese
  • Recursos terapêuticos bioelétricos/térmicos/mecânicos
  • Recursos terapêuticos biohídricos

As áreas de atuação e o mercado de trabalho para fisioterapeutas

O fisioterapeuta tem um mercado de trabalho bem amplo. Seu campo de trabalho pode se estender a entidades do setor privado, público e Terceiro Setor.

Esse profissional pode atuar em hospitais, ambulatórios, clínicas particulares, centros de reabilitação, entidades desportivas, academias de ginástica e empresas em geral. Pode ter vínculo empregatício ou ser autônomo.

Suas áreas de atuação, dentre outras, compreendem:

  • Traumato-Ortopedia
  • Neurofuncional
  • Fisioterapia respiratória
  • Dermatofuncional
  • Fisioterapia em Oncologia
  • Terapia intensiva
  • Cardiovascular

Onde estudar Fisioterapia

Agora nossas dicas sobre as instituições de ensino autorizadas e reconhecidas pelo MEC e que têm excelentes cursos de Fisioterapia, além de muitas alternativas para facilitar o seu ingresso no ensino superior:

Leia também:

Conheça os 10 cursos mais baratos do Brasil

Como usar a nota do Enem para entrar na faculdade

E você? Já decidiu onde vai estudar Fisioterapia? Use o espaço dos comentários e nos conte o que você espera do curso e porque essa foi a sua escolha!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin