Melhores cursos de Direito, segundo o Guia da Faculdade

O Guia da Faculdade avaliou cursos de Direito de todo o Brasil para eleger os melhores locais de ensino do país e assim ajudar os estudantes a encontrar opções e compará-las, com base em parâmetros sérios e importantes para a formação de um profissional.

Encontre bolsas de estudo de até 80% para cursos de Direito

A seguir, você vai conhecer quais foram os doze cursos de Direito selecionados pelo Guia da Faculdade com cinco estrelas (a avaliação máxima possível), onde ficam e outras características importantes sobre este curso que atrai estudantes no Brasil desde os anos 1800.

O que é o Guia da Faculdade?

O Guia da Faculdade é uma avaliação de cursos de faculdades brasileiras de ensino superior (públicas ou privadas) criado em 2018 e realizado pelo jornal O Estado de S. Paulo, o Estadão, em parceria com a Quero Educação.

A Quero Educação é quem organiza a avaliação e outros detalhes pertinentes. Ao fim da pesquisa, o Estadão divulga estes dados de forma exclusiva em suas plataformas.

O ranking do Guia da Faculdade cataloga as suas avaliações por estrelas, sendo três estrelas o mínimo de pontuação para figurar como uma boa faculdade. Quem marca quatro estrelas, recebe uma avaliação como muito boa. Já as cinco estrelas são para os locais de ensino considerados excelentes pelos avaliadores.

São mais de 16 mil cursos superiores no Brasil avaliados pelo Guia da Faculdade, sendo que uma boa parte deles é de Direito, que ultrapassa os mil cursos em atividade no Brasil.

Como funciona a avaliação do Guia da Faculdade? 

A avaliação do Guia da Faculdade segue um padrão rigoroso que garante a credibilidade das notas publicadas. O coordenador do curso em análise deve estar apto a demonstrar como são a infraestrutura para aulas, o corpo docente e o projeto pedagógico.

Em posse dessas informações, os avaliadores são convidados a dar notas de 1 a 5 (um a cinco) para os critérios apresentados, seguindo os parâmetros esperados pela organização. Cada um dos cursos é distribuído para a avaliação de seis professores. Se não receber pelo menos quatro notas dos avaliadores, o curso irá aparecer com sem nota no ranking.

As notas são convertidas em estrelas de acordo com esta tabela:

  • entre 5 e 4,50 – 5 estrelas
  • menor que 4,50 a 3,50 – 4 estrelas
  • menor que 3,50 a 2,50 – 3 estrelas
  • menor que 2,50 – não estrelado

Quais faculdades de Direito receberam 5 estrelas no Guia da Faculdade?

O Guia da Faculdade outorgou a avaliação de cinco estrelas para doze cursos diferentes nas regiões centro-oeste, sudeste e sul do país. São seis instituições de ensino público e gratuito e outras cinco de caráter privado, ou seja, cobram mensalidade.

Confira quais foram as melhores avaliadas:

  • Faculdade de Direito da Fundação Escola Superior do Ministério Público (FMP) – Porto Alegre/RS.
  • Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) – Rio de Janeiro/RJ.
  • Fundação Getulio Vargas (FGV) – Rio de Janeiro/RJ,
  • Pontifícia Universidade Católica de Campinas (Puc-Campinas) – Campinas/SP.
  • Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (Puc Minas) – Belo Horizonte/MG.
  • Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (Puc Minas) – Betim/MG.
  • Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) – São Paulo/SP.
  • Universidade de São Paulo (USP) – São Paulo/SP.
  • Universidade Federal de Jataí (UFJ) – Jataí/GO
  • Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) – Juiz de Fora/MG.
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) – Belo Horizonte/MG.
  • Universidade Federal do Paraná (UFPR) – Curitiba/PR

É importante lembrar que esta avaliação é a mais recente, referente ao ano de 2021. De um ano para o outro, os cursos só podem ganhar ou perder 1 estrela, o que mantém a regularidade do ranking.

Como é o curso de Direito?

O curso de Direito tem duração média mínima de cinco anos e é oferecido na modalidade de ensino presencial. É um dos cursos mais visados por estudantes nos vestibulares, pois a profissão é conhecida como uma das que mais podem oferecer salários atrativos.

Ao se graduar em Direito, ao contrário do que muitos pensam, o diploma recebido não é de advogado, mas de bacharel em Direito. Advogado é apenas uma das profissões possíveis para quem estudou Direito.

Para atuar como advogado, é necessário prestar e passar em uma outra prova ao final do curso, organizada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). É a OAB quem dá o registro que o advogado precisa para trabalhar.

O bacharel em Direito pode atuar como consultor jurídico, promotor, juiz, desembargador, delegado, procurador, defensor público, entre outras funções. As carreiras que envolvem função pública só poderão ser realizadas caso o indivíduo passe em um concurso público.

Leia mais: Promotor e procurador: entenda as diferenças entre as profissões

O bacharel em direito deve apresentar as seguintes qualidades, de acordo com as Diretrizes Curriculares :

– leitura, compreensão e elaboração de textos, atos e documentos jurídicos ou normativos,

com a devida utilização das normas técnico-jurídicas;

– interpretação e aplicação do Direito;

– pesquisa e utilização da legislação, da jurisprudência, da doutrina e de outras fontes do Direito;

– adequada atuação técnico-jurídica, em diferentes instâncias, administrativas ou judiciais, com a devida utilização de processos, atos e procedimentos;

– correta utilização da terminologia jurídica ou da Ciência do Direito;

– utilização de raciocínio jurídico, de argumentação, de persuasão e de reflexão crítica;

– julgamento e tomada de decisões; e

– domínio de tecnologias e métodos para permanente compreensão e aplicação do Direito.

Como são as disciplinas do curso de Direito

Os alunos do curso de Direito enfrentam durante todo o curso um alta carga teórica, com muitas leituras de livros, decisões, arquivos, entre outros documentos importantes para esta área. O profissional que quiser se dar bem no Direito precisa desenvolver uma ótima comunicação verbal e escrita.

A grade curricular do curso de Direito normalmente oferece um roteiro formativo amplo, que contempla todas as grandes áreas do Direito que o profissional pode se especializar e atuar posteriormente.

Para exemplificar alguns dos temas trazidos na maioria das faculdades, leia a seguir como é composta a grade curricular do curso de Direito da Universidade Federal de Paraná (UFPR) em Curitiba/PR.

  • Economia Política
  • Teoria do Estado e Ciência Política
  • Direito e Sociedade
  • Teoria do Direito
  • Metodologia do Trabalho Científico em Direito
  • História do Direito
  • Direito Romano 
  • Direito Civil 
  • Direito Constitucional 
  • Direito Internacional Público
  • Antropologia Jurídica
  • Direito Penal
  • Criminologia 
  • Direito Internacional Privado
  • Direito Processual Civil
  • Filosofia do Direito
  • Direito Financeiro e Políticas Públicas
  • Direito Administrativo
  • Direito Empresarial
  • Direito Processual Penal
  • Direito do Trabalho
  • Direito Tributário
  • Direito Ambiental
  • Direito Econômico
  • Direito Processual do Trabalho
  • Prática Jurídica
  • Disciplinas Optativas
  • Estágio Supervisionado
  • Trabalho de Conclusão de Curso

A carga horária mínima do curso de Direito é de 3.700 horas, segundo as Diretrizes Curriculares Nacionais. Além disso, ele deve realizar atividades de prática jurídica e entregar um trabalho de curso para poder se formar.

Onde estudar Direito com bolsa de estudos?

Se você pensa em fazer a faculdade de Direito, nós temos uma ótima notícia para você. Selecionamos algumas instituições de ensino reconhecidas pelo MEC com bolsas de estudo de até 80% do valor das mensalidades neste e em outros cursos de Ensino Superior. Confira:

Elas contam com programas de ingresso facilitado, incluindo a possibilidade de se matricular usando apenas a nota do Enem! Não deixe de conhecê-las e confira a melhor oportunidade para você.

Leia também:

10 áreas do Direito, além da advocacia

Saiba tudo sobre os cursos tecnólogos na área do Direito

Descubra se é possível fazer faculdade de Direito em 3 anos

Em qual faculdade de Direito você pretende estudar? Deixe o seu comentário!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin