Descubra o que a Sociologia estuda

Veja quais são as matérias da Sociologia e entenda por que esse curso é tão completo e tão importante!

Muita gente não tem ideia da importância da Sociologia para o desenvolvimento humano em todas as esferas, mas pode acreditar: é essencial!

Com ela a gente tem a chave para entender o presente e trilhar caminhos para um futuro melhor nos campos social, econômico, cultural e político.

Para cumprir bem sua missão, os sociólogos precisam estudar muito sobre tudo – um hábito que deve ser cultivado e expandido durante toda a vida profissional.

Está a fim de seguir essa carreira? Descubra o que a Sociologia estuda e onde encontrar as melhores faculdades para fazer o seu curso!

O curso de Sociologia

Sociologia, também chamado de Ciências Sociais, tem quatro anos de duração e é bastante comum no Brasil, com disponibilidade em dezenas de faculdades.

Nelas a gente encontra dois tipos de formação: o bacharelado e a licenciatura.

Os bacharelados investem na formação de pesquisadores em Ciências Sociais, enquanto as licenciaturas formam professores que irão dar aulas nas escolas de ensino fundamental e médio, e também nas universidades.

O curso tem o objetivo de desenvolver o pensamento crítico-analítico. Usa, para isso, uma base teórica gigantesca, que vai desde as origens do pensamento social, sua ascensão, em meados do século 20, até as teorias contemporâneas tão debatidas nas universidades e nas redes sociais.

Sociologia é uma formação que vai agradar em cheio quem gosta de ler, escrever e estudar muito. Essencialmente teórico, traz à tona todos os motivos que nos conduziram como sociedade até o momento atual: as origens, as interferências, os grandes acontecimentos históricos, as perspectivas para o futuro.

É um curso muito recomendado para quem quer seguir carreira na docência ou realizar trabalhos que tenham a ver com a difusão do pensamento crítico, como editoras, centros de pesquisa, organizações não governamentais, consultorias e no serviço público.

De uns tempos para cá, as grandes empresas também passaram a valorizar o trabalho do sociólogo, que se tornou uma figura importante, por exemplo, para ajudar na formulação de políticas sociais e ambientais, no treinamento de funcionários, como intermediador da questão social, na definição de posicionamentos, na gestão de recursos humanos, etc.

Agora vamos ao que interessa: o que se estuda em Sociologia. Acompanhe!

O que se estuda em Sociologia

Quatro anos parece bastante, mas pode ter certeza: é pouco para ver tudo o que as Ciências Sociais têm a oferecer.

O curso é carregado de estudos sobre Sociologia, Ciências Políticas e Antropologia – cada área mais abrangente que a outra.

Os primeiros anos do curso são de introdução às grandes teorias das Ciências Humanas e servirão de base para o que virá a partir da segunda metade.

Então, de início, prepare-se para encarar matérias que tratam de:

  • Cultura e sociedade: as transformações históricas, sociais e políticas, capitalismo, globalização, meio ambiente, direitos humanos, conflitos, etnia, gênero, classe social.
  • Política e Cidadania: o pensamento ocidental, as concepções de mundo, políticas públicas, Estado.
  • Diversidade: étnico-racial, gênero, sexual, religiosa, geracional e sociocultural, combate à intolerância.
  • Epistemologia: introdução crítica ao problema da produção de conhecimento, ciências humanas, teorias sociais e pesquisa empírica.
  • Geopolítica: natureza, espaço, sociedade e paisagem, formação histórica e territorial, estrutura socioeconômica e organização do espaço geográfico.

A partir da segunda metade do curso, vem o mergulho nos estudos avançados sobre os temas específicos da Sociologia. É aqui que a graduação começa a ficar ainda mais interessante.

Na pauta, entram disciplinas como:

  • Antropologia Geral: conceito, formação e desenvolvimento, orientações teóricas, diversidade cultural e etnocentrismo.
  • Antropologia brasileira: sociedades indígenas, processos históricos, o negro, sociedade de classes, preconceito, identidade, a mulher, patriarcalismo, feminismo, antropologia urbana.
  • Ciência Política: fenômeno político, pensamento político clássico, contratualismo, marxismo, teoria das Elites, pós-modernismo político, política internacional, Revolução Industrial e Revolução Francesa.
  • Política brasileira: identidade, colonização, construção da nação brasileira, organização social, desigualdades, questão indígena, escravidão.
  • Sociologia: construção do conhecimento sociológico, correntes clássicas.
  • Sociologia rural: a sociedade rural brasileira, estratificação social, a questão urbana, industrialização, consumo, habitação, saúde, educação, lazer, planejamento urbano.
  • Sociologia cultural: conceitos, estudos culturais hegemonia, indústria cultural, identidade, multiculturalismo, liberalismo.
  • Sociologia e meio ambiente: ecologia e consumo, ética e desenvolvimento sustentável.
  • Trabalho: divisão social e sexual, inovação tecnológica, organização dos trabalhadores.

Se o curso escolhido for de licenciatura, os estudantes ainda terão um bocado de disciplinas sobre ensino de Sociologia, como:

  • Fundamentos da Educação
  • Educação inclusiva
  • Educação e tecnologias
  • Práticas pedagógicas
  • Educação de jovens e adultos
  • Educação e diversidade
  • Psicologia da educação e da aprendizagem
  • Gestão da aprendizagem
  • Educação formal e não formal
  • Didática, planejamento e avaliação
  • Gestão da sala de aula

Essa lista de temas vale tanto para os cursos presenciais quanto a distância (EAD). Nada muda entre uma modalidade e outra, apenas a forma de estudar.

Sociologia, aliás, é bastante popular no formato a distância, inclusive as faculdades oferecem diploma reconhecido e válido no mercado de trabalho – uma boa para quem pretende seguir carreira acadêmica.

Onde estudar Sociologia

Quer se dar bem no mercado de Sociologia? Então escolha uma excelente faculdade para fazer seu curso.

Estamos falando de uma área altamente intelectualizada, onde uma formação de qualidade abre terreno para que o futuro profissional tenha um diferencial no mercado de trabalho e consiga trabalho mais rapidamente.

O diploma também permite perseguir títulos de pós-graduação, como o de mestre e doutor, que são bastante valorizados no mercado de trabalho e um dos pré-requisitos para quem quer seguir carreira acadêmica.

A seguir, a gente preparou uma lista com algumas ótimas faculdades onde você encontra o curso de Sociologia em diferentes modalidades:

Veja também:

Descubra qual é o salário de quem faz Ciências Sociais

O que achou das matérias de Sociologia? Vai fazer esse curso? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin