dcsimg

Conheça tudo sobre o curso tecnólogo em Comércio Exterior

A graduação em Comércio Exterior é rápida e tem alto impacto no mercado de trabalho – inclusive o internacional. Saiba mais agora mesmo!

Se a sua visão de negócios vai muito além das fronteiras nacionais, então talvez Comércio Exterior seja o curso que você procura!

Em poucos anos a graduação forma profissionais especializados em toda a cadeia que envolve diferentes transações internacionais: compras, importação, exportação, logística de transporte, documentação, distribuição, e por aí vai.

É um curso bem interessante e que está expandindo bastante no Brasil.

Interessou?

Então conheça tudo sobre o curso tecnólogo em Comércio Exterior a seguir!

O curso de tecnólogo em Comércio Exterior

Sabe quanto tempo leva para aprender a lidar com toda essa cadeia de negociação internacional? Apenas dois anos!

Sim, o curso de tecnólogo em Comércio Exterior é rápido e focado naquilo que o mercado precisa.

Por isso a profissão tem sido tão bem recebida em todo o Brasil.

Durante a faculdade, os estudantes vão aprender a explorar mercados internacionais e entender todo o processo por trás dos trâmites de exportação e importação.

Isso envolve, por exemplo, um bom conhecimento sobre legislação internacional, gestão de operações, aduanas, tributos, fiscalização, transporte, acondicionamento e muito mais.

As oportunidades de trabalho se multiplicam em escritórios comerciais, empresas internacionais, portos, aeroportos, alfândegas, postos de controle de passageiros e muito mais.

Atualmente, o curso pode ser encontrado no formato presencial em mais de 180 faculdades pelo Brasil.

Dá também para estudar Comércio Exterior a distância, com oferta disponível em mais de 50 instituições.

Vamos entender melhor como funciona o curso EAD no próximo tópico.

Tecnólogo em Comércio Exterior a distância

Embora esteja disponível num número menor de faculdades que o presencial, o tecnólogo em Comércio Exterior a distância pode, dependendo do local, ser mais fácil de encontrar.

Isso porque a graduação se espalha por centenas e centenas de polos de apoio presencial.

A graduação, reconhecida pelo MEC, tem diploma válido no mercado de trabalho.

Os alunos estudam com mais flexibilidade, pela internet, acompanhando aulas em vídeo, conteúdos guiados e bibliotecas virtuais repletas de livros, apostilas e apresentações.

Tudo é feito com o acompanhamento online de professores e tutores.

De vez em quando o aluno precisa se deslocar até um dos polos de apoio da faculdade para fazer atividades práticas ou provas finais.

O número de encontros no decorrer do semestre varia de acordo com a faculdade.

O tecnólogo em Comércio Exterior a distância é ideal para quem trabalha ou tem uma rotina corrida e precisa estudar em horários diferenciados.

O que se estuda no tecnólogo em Comércio Exterior

Negócios, gestão, legislação, logística… a lista de conhecimentos que o aluno de Comércio Exterior vai adquirir ao longo do curso é bem grande.

Serão dois anos de estudos intensos, com muitas disciplinas por semestre.

Confira a seguir um exemplo do que você pode ter pela frente caso opte por estudar no Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA):

  • Comércio internacional
  • Direito internacional
  • Empreendedorismo
  • Gestão de pessoas
  • Gestão de projetos
  • Inglês instrumental para comércio exterior
  • Legislação e prática aduaneira
  • Legislação social e trabalhista
  • Logística e comércio internacional
  • Matemática financeira
  • Métodos quantitativos
  • Modelos de gestão
  • Negociação e gestão de conflitos
  • Negócios internacionais
  • Raciocínio lógico matemático
  • Relações econômicas internacionais
  • Responsabilidade social e ambiental
  • Gestão da qualidade
  • Gestão do conhecimento
  • Noções de atuária

Quanto custa a mensalidade do tecnólogo em Comércio Exterior

O valor do tecnólogo em Comércio Exterior varia de acordo com a modalidade de ensino e a faculdade onde você quer estudar.

Mas, no geral, não é um curso que figura entre os mais caros.

No presencial, as mensalidades variam de R$ 600 a R$ 950, em média.

Estudar a distância é mais econômico. Aqui, as mensalidades dificilmente ultrapassam os R$ 300 mensais.

Em algumas faculdades é ainda mais em conta. Na Universidade Norte do Paraná (UNOPAR),  dá para fazer o curso pagando cerca de R$ 200 (já com alguns descontos automáticos inclusos).

Todo mundo ama uma bolsa de estudos, e o tecnólogo em Comércio Exterior também tem as suas.

Pelo ProUni o candidato que fez o Enem mais recente pode tentar bolsas integrais ou parciais para estudar em faculdades particulares de qualidade. Normalmente os presenciais são mais concorridos que os EAD. A seleção ocorre duas vezes por ano.

As faculdades também distribuem bolsas de estudos ou dão descontos bem interessantes aos seus alunos – basta se informar na secretaria sobre os benefícios disponíveis.

Para quem quer estudar presencialmente ainda existe a possibilidade de financiar o curso pelo FIES – o programa de crédito estudantil do governo federal. Assim é possível estudar hoje e começar a pagar as parcelas do financiamento só depois da formatura, com prazo longo e juros baixos.

Faculdades que oferecem o tecnólogo em Comércio Exterior

São muitas as faculdades que oferecem o tecnólogo em Comércio Exterior. Para você não cair em roubada, basta se assegurar de que a instituição escolhida é reconhecida e bem avaliada pelo MEC.

Isso garante um diploma de qualidade no mercado e pode ser um diferencial na hora de tentar uma vaga de emprego.

A gente separou algumas para você começar a pesquisar agora mesmo!

Clique e conheça:

Veja também:

7 faculdades para quem quer trabalhar no exterior

Vai fazer o tecnólogo em Comércio Exterior? Presencial ou a distância? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin