Conheça o curso tecnólogo em Gestão da Produção Industrial

Os cursos tecnólogos são cada vez mais populares entre os estudantes que pretendem entrar com mais rapidez no mercado de trabalho. O Ministério da Educação (MEC) classifica esse tipo de graduação no Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia.

Esse catálogo divide os cursos superiores em 13 eixos tecnológicos. Um deles é o eixo de “Controle e Processos Industriais”, que conta com 14 graduações. Entre elas está o tecnólogo em Gestão da Produção Industrial.

Para quem se interessa por essa área, separamos aqui informações importantes sobre o curso, o que o aluno estuda durante a formação, valores das faculdades e áreas de atuação e salário da profissão.

Além disso, confira algumas dicas que podem te ajudar a tomar uma decisão e começar a faculdade de Gestão da Produção Industrial e entrar na carreira.

O que é o curso tecnólogo em Gestão da Produção Industrial?

O curso tecnólogo em Gestão da Produção Industrial forma profissionais para atuar nas áreas de organização de empresas dos setores industriais. Com as disciplinas em sua maioria na área de Cálculos, Física e Informação, a grade curricular do curso conta com disciplinas mais teóricas em seus primeiros semestres.

Na sequência da graduação, as matérias mais práticas aparecem, voltadas para o dia a dia de trabalho de um profissional nessa área, que vai envolver várias etapas do processo de fabricação industrial, desde a logística para receber matérias primas até o controle de qualidade do produto final.

As faculdades oferecem o tecnólogo em Gestão da Produção Industrial em três modalidades: além do presencial e do ensino a distância (EAD), há também o modelo híbrido, conhecido como semipresencial. Não há diferença entre os diplomas das três modalidades e também não há alteração do conteúdo do curso.

O curso tem uma duração média de três anos, com uma carga horária mínima de 2.400h.

Grade curricular

Como citado acima, o curso tecnólogo em Gestão da Produção Industrial mescla disciplinas teóricas com assuntos mais práticos que fazem sentido com a atuação nessa carreira.

Para saber mais o que os alunos estudam durante a formação, veja quais são algumas das principais matérias da grade curricular desse curso:

  • Administração Industrial
  • Automação e Controle
  • Controle da Qualidade
  • Economia
  • Gestão Ambiental
  • Gestão da Informação
  • Gestão da Produção
  • Gestão da Qualidade
  • Gestão de Marketing e Vendas
  • Gestão de Pessoas
  • Gestão de Serviços
  • Gestão Financeira e Orçamentária
  • Logística
  • Materiais Metálicos e Polímeros
  • Modelagem e Simulação de Sistemas Produtivos
  • Organização do Trabalho na Produção
  • Pesquisa Operacional
  • Planejamento, Programação e Controle da Produção
  • Saúde e Segurança Ocupacional
  • Tecnologia da Informação
  • Tecnologia da Fabricação Mecânica

A nomenclatura das disciplinas pode variar de acordo com cada faculdade que oferece o curso de GEstão da Produção Industrial. No entanto, o conteúdo segue a mesma matriz curricular.

Mensalidades do curso

Um curso de Gestão da Produção Industrial EAD costuma ter mensalidades que podem variar entre cerca de R$ 220 e R$ 450 , dependendo da instituição que oferece o curso e sua localização.

Para cursos presenciais, o valor geralmente é maior. O aluno encontra preços que normalmente ficam entre R$ 550 e R$ 1.100 por mês.

Onde trabalha um gestor da Produção Industrial?

O Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia também mostra quais são os principais campos de atuação para o tecnólogo em Gestão da Produção Industrial. Confira quais são as áreas onde esse profissional mais trabalha:

  • Empresas do setor industrial;
  • Empresas de planejamento e desenvolvimento de projetos;
  • Empresas de assistência técnica;
  • Institutos de pesquisa e instituições de ensino.

Vale ressaltar que esse profissional pode atuar nos mais diversos setores industriais, como automotivo, mecânico, metalúrgico, mineração e petróleo.

Quanto ganha um profissional de Gestão da Produção Industrial?

De acordo com um levantamento feito pelo site Salario.com, um tecnólogo em Gestão da Produção Industrial no Brasil ganha em média R$ 4.211,54 por mês.

Essa pesquisa foi feita em cima dos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), com uma amostragem de 160 salários registrados em CLT no país em 2020.

Onde estudar?

No Brasil, a grande maioria das faculdades que oferecem o curso tecnólogo de Gestão da Produção Industrial são particulares.

Para oferecer o curso e formar profissionais tecnólogos com diploma válido no mercado de trabalho, a instituição precisa ser reconhecida pelo MEC. Por isso, separamos cinco instituições certificadas pelo ministério e que possuem boas avaliações das empresas dos setores industriais que precisam desses profissionais.

Confira a lista:

Os estudantes contam com diversas maneiras de ingressar nas faculdades acima. Entre elas, as principais são pela nota do Enem, por programas do governo (como o Prouni e o Fies) e com bolsas de estudo, que reduzem os valores das mensalidades apontados nesse texto.

Veja também:

Tudo o que você precisa saber sobre tecnólogo em Processos Gerenciais

Se interessou pelo curso tecnólogo em Gestão da Produção Industrial? Conte para a gente o que achou nos comentários abaixo!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin