dcsimg

Saiba tudo sobre o tecnólogo em Gestão Hospitalar

Conheça o curso de Gestão Hospitalar, entenda o que se estuda e onde estão as melhores faculdades!

No Brasil, há um mercado que não conhece crises: o da Saúde. Para comprovar, basta dar uma olhada ao redor: clínicas de diferentes especialidades, hospitais, centros de atendimento, ambulatórios e laboratórios de análises clínicas parecem se multiplicar pelas cidades.

Não é por acaso que o curso de Gestão Hospitalar está crescendo em ritmo acelerado.

Atualmente temos mais de 13 mil pessoas fazendo graduação na área. Elas devem encontrar um mercado de trabalho fervilhante, com bons salários e chances reais de desenvolvimento da carreira.

Se você também pensa em entrar para o ramo da Gestão Hospitalar, fique ligado: a gente vai revelar todos os detalhes do curso a seguir. Confira!

O tecnólogo em Gestão Hospitalar

Tecnólogos são conhecidos por serem cursos superiores de formação rápida e bem focados no mercado de trabalho.

Gestão Hospitalar, felizmente, não foge à regra.

Em apenas três anos, em média, os alunos vão aprender tudo que é necessário para gerir, organizar e manter empresas na área médica, sempre levando em consideração as especificidades do sistema de saúde brasileiro.

Eles vão, por exemplo, aprender a observar a estrutura do local e propor melhorias, fazer o planejamento e o controle de compras, gerenciar recursos humanos, analisar contratos, lidar com convênios e até colaborar com a logística hospitalar.

Por fim, os profissionais deixam a faculdade com capacidade de coordenar equipes em todo tipo de instituição de saúde.

Ah, não custa lembrar que os cursos de tecnólogo são de nível superior, o que habilita os profissionais a também tentarem vagas em concursos públicos ou mesmo darem continuidade aos estudos em cursos de pós-graduação — o que é extremamente recomendável nesta área.

O tecnólogo em Gestão Hospitalar a distância

Sim, é possível fazer o curso de Gestão Hospitalar no formato a distância. A graduação também rende diploma de nível superior e permite que o profissional atue no seu mercado de trabalho, normalmente.

Aqui, os alunos acompanham parte do curso por meio de um ambiente virtual de aprendizagem (repleto de aulas em vídeo, gráficos, animações, livros digitais, apostilas, etc.) e parte presencialmente, da forma tradicional, na sala de aula dos polos de apoio espalhadas por todo o Brasil.

Os cursos a distância são uma mão na roda para quem precisa conciliar os estudos com trabalho, família ou outras atividades.

Essa opção já pode ser encontrada em mais de 40 faculdades pelo Brasil.

Onde o tecnólogo em Gestão Hospitalar trabalha?

Depois de formado, o tecnólogo em Gestão Hospitalar tem um vasto mercado à disposição.

Ele pode, por exemplo, tentar vaga em:

  • Hospitais
  • Prontos-socorros
  • Laboratórios
  • Consultoria em Saúde
  • Centros de atenção
  • Policlínicas
  • Unidades de saúde
  • Farmácias
  • Empresas de seguro de saúde
  • No setor público

Uma das vantagens de fazer um curso de tecnólogo em Saúde é a alta especialização, tão necessária no mercado de trabalho atual. Não é por acaso que os gestores hospitalares encontram emprego com facilidade nos locais citados acima.

O que se estuda no tecnólogo em Gestão Hospitalar

O curso é recheado de matérias bem específicas, tanto sobre gestão quanto em assuntos mais genéricos da área hospitalar.

Ao longo dos três anos de Gestão Hospitalar, os estudantes que entrarem na Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL), por exemplo, terão acesso às seguintes matérias:

  • Administração da Produção e Operações
  • Administração de Sistemas de Informação
  • Administração Financeira e Orçamentária
  • Análise de Custos
  • Auditoria Hospitalar
  • Contabilidade e Finanças
  • Direito Sanitário
  • Economia
  • Empreendedorismo
  • Estrutura das Demonstrações Financeiras
  • Gestão Ambiental e Responsabilidade Social
  • Gestão da Qualidade
  • Gestão de Farmácia e Nutrição Hospitalar
  • Gestão de Hotelaria Hospitalar
  • Gestão de Materiais e Logística Hospitalar
  • Gestão de Operadoras de Planos de Saúde
  • Gestão de Pessoas
  • Gestão de Resíduos
  • Gestão Hospitalar
  • Licitações e Contratos em Gestão Hospitalar
  • Matemática Financeira
  • Políticas Públicas de Saúde
  • Princípios de Administração e Marketing
  • Probabilidade e Estatística
  • Projeto Multidisciplinar em Gestão Hospitalar
  • Psicologia do Trabalho
  • Resolução de Problemas
  • Segurança e Medicina do Trabalho
  • Vigilância Epidemiológica

A grade curricular varia de faculdade para faculdade. Por isso, é bom se informar com antecedência no local onde você planeja tentar vaga.

Onde fazer um tecnólogo em Gestão Hospitalar

Já é possível encontrar o tecnólogo em Gestão Hospitalar em quase uma centena de faculdades pelo Brasil. A imensa maioria, no entanto, está na rede particular de ensino.

Se você está com a grana curta, não precisa se preocupar: Gestão Hospitalar é um dos tantos cursos que fazem parte dos programas de incentivo à formação superior do governo federal, Como o ProUni, que distribui bolsas de estudos a quem fez o Enem, ou o FIES, que permite financiar a graduação a juros baixos e prazo estendido para pagar a dívida.

Para fazer um curso de qualidade, é importante verificar se a instituição escolhida é reconhecida e bem avaliada pelo Ministério da Educação (MEC) — esse, aliás, é um detalhe que você precisa observar com muito cuidado, sempre!

A seguir, a gente selecionou algumas faculdades bem avaliadas pelo MEC que oferecem o tecnólogo em Gestão Hospitalar em diferentes modalidades. Conheça:

Veja também:

Descubra quais são os 7 cursos tecnólogos mais bem pagos

E aí, o que achou do curso? Ficou a fim de estudar Gestão Hospitalar? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin