dcsimg

Descubra o valor da faculdade de Arquitetura

Estudar Arquitetura na rede privada não sai tão barato, mas há possibilidades de descontos e financiamentos. Descubra tudo aqui!

O curso de Arquitetura e Urbanismo envolve criatividade e técnica, misturando disciplinas das áreas de Humanas e Exatas.

De acordo com o último Censo da Educação Superior, é um dos dez mais queridos dos estudantes brasileiros, com cerca de 170 mil alunos matriculados!

O curso dura cinco anos e é possível encontrar excelentes universidades com valores mais acessíveis. Além disso, existem várias opções de bolsas de estudo, descontos e financiamento das mensalidades.

Confira agora mesmo os valores médios de várias faculdades de Arquitetura pelo Brasil e quais são as opções para estudar com qualidade pagando menos!

                    

Preços das faculdades de Arquitetura

Há preços para todos os gostos, variando entre pouco mais de R$ 700 até cerca de R$ 3.000! Mas essas instituições com valores tão altos são a exceção. A média geral mesmo fica em torno de R$ 1.000.

Apresentamos agora as universidades, divididas por faixa de preços. Todas as instituições da nossa lista contam com o aval do Ministério da Educação (MEC) para oferecer seus cursos de Arquitetura. E a autorização do MEC, você sabe, é imprescindível para que o diploma tenha validade em todo o Brasil.

Faculdades de Arquitetura de até R$ 900

  • Universidade Cidade de São Paulo (UNICID)
  • Universidade de Franca (UNIFRAN)
  • Centro Universitário Nossa Senhora do Patrocínio (CEUNSP)
  • Faculdade do Recife (FAREC)
  • Faculdade Eniac (ENIAC) 899
  • Faculdade Metropolitana de Manaus (FAMETRO)
  • Faculdade Salvador (FACSAL)
  • Faculdade Santa Catarina (FASC)
  • Instituto Cuiabá de Ensino e Cultura (ICEC)
  • Instituto de Pesquisa e Ensino Objetivo (IEPO)

 

Faculdades de Arquitetura entre R$ 901 e R$ 1.200

 

Faculdades de Arquitetura entre R$ 1.201 e R$ 1.500

  • Faculdade Pitágoras (PITÁGORAS) – em Minas Gerais
  • Centro Universitário Jorge Amado (UNIJORGE)
  • Centro Universitário Monte Serrat (UNIMONTE)
  • Faculdade Católica Salesiana do Espírito Santo
  • Faculdade Metropolitana da Amazônia (FAMAZ)
  • Universidade Braz Cubas (UBC)
  • Universidade de Cuiabá (UNIC)
  • Universidade Ibirapuera
  • Universidade Sociedade Educacional de Santa Catarina (UNISOCIESC)
  • Universidade Unigranrio (UNIGRANRIO)

Faculdades de Arquitetura por mais de R$ 1.500

  • Centro Universitário de Belo Horizonte (UNIBH)
  • Centro Universitário Euro-Americano (UNIEURO)
  • Centro Universitário Fundação Santo André – Fundação do ABC
  • Centro Universitário Metodista (IPA)
  • Instituto de Educação Superior de Brasília (IESB)
  • Instituto de Ensino Superior Planalto (IESPLAN)
  • Instituto Metodista Izabela Hendrix
  • Universidade Anhembi Morumbi (UAM)
  • Universidade São Judas Tadeu
  • Universidade Veiga de Almeida (UVA)

Variação de preços nas faculdades de Arquitetura

Mas por que essa variação tão grande? Preços mais altos ou mais baixos podem ocorrer por motivos como:

  • Localização: dependendo da região do país, da cidade a até mesmo do bairro onde se localiza a faculdade, os preços podem ser diferentes.
  • Unidades e turnos: dois cursos de Arquitetura na mesma faculdade, mas em diferentes unidades ou períodos (matutino, vespertino, noturno, integral), também podem apresentar variação de preços.

Como ter ajuda financeira para estudar Arquitetura?

Já sabemos que estudar Arquitetura representa um investimento relativamente alto. Mas não desista de seu sonho. Se você é estudante de baixa renda, fique atento a estas duas iniciativas do governo federal que têm como objetivo, justamente, ajudar quem está mais vulnerável financeiramente a ter acesso ao ensino superior.

ProUni: é a sigla para o Programa Universidade para Todos, que distribui bolsas de estudo (parciais e integrais) em faculdades privadas dos quatro cantos do país. Para participar, você tem que comprovar baixa renda. Na classificação, o que conta é a sua nota do Enem mais recente. O ProUni exige um desempenho mínimo para se inscrever, mas quanto melhor for a sua nota, mais chances de conseguir uma bolsa para Arquitetura, já que o curso é bastante concorrido.

FIES: o Fundo de Financiamento Estudantil também foi pensado para os estudantes com baixa renda familiar. O FIES financia as mensalidades durante o curso e você só começa a pagar a dívida depois de formado e quando já estiver trabalhando. O prazo para pagar as prestações é longo e os juros são baixos. Para participar é preciso se enquadrar nos critérios de renda e desempenho no Enem

Confira algumas faculdades que oferecem o curso de Arquitetura e participam do ProUni e do FIES:

Caso não se enquadre nos critérios dos programas do governo, não desanime! Todas as faculdades da lista acima trabalham com iniciativas de bolsas de estudos, descontos, convênios e até financiamentos sem burocracia.

Veja também:

Arquitetura: profissão, carreira e mercado de trabalho

Dá para encarar as mensalidades de Arquitetura? Já tem alguma faculdade preferida? Conte tudo aqui para a gente!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin