Saiba tudo sobre a prova do Encceja 2020

Veja o que espera por você nas provas do Encceja neste ano de 2020!

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) vem aí para testar seu nível de conhecimento sobre o que é apresentando no ensino fundamental ou médio.

É uma prova importante para quem não conseguiu terminar os estudos básicos no tempo regular.

O certificado ajuda a obter mais oportunidades de trabalho e a investir em mais conhecimento – como, por exemplo, num curso superior.

Mas você já desvendou todos os segredos desse exame?

A seguir, saiba tudo sobre a prova do Encceja 2020!

A prova do Encceja 2020

O Encceja tem dois tipos de provas: um que atesta conhecimento no ensino fundamental e outro que atesta o do ensino médio.

Além de níveis de dificuldade diferentes, elas também se distinguem no formato.

Quem for fazer o Encceja do ensino fundamental vai ter de encarar as seguintes provas:

  • Ciências Naturais
  • Matemática
  • Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física
  • Redação
  • História, Geografia, Filosofia e Sociologia

Já o Encceja do ensino médio tem uma estrutura igual à do Enem, com as seguintes áreas de conhecimento:

  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias (Química, Física e Biologia)
  • Matemática e suas Tecnologias
  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (Língua Portuguesa, Inglês ou Espanhol, Artes e Educação Física)
  • Redação
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias (História, Geografia, Filosofia e Sociologia)

Cada prova tem 30 questões objetivas. A redação deve ser feita seguindo o formato dissertativo-argumentativo com tamanho entre 25 e 30 linhas.

O Encceja acontece em um domingo, em dois turnos.

Pela manhã, das 9h às 13h, os candidatos farão as provas de Ciências Naturais e Matemática.

À tarde, entre 15h30 e 20h30, é a vez de Linguagens, Redação e Ciências Humanas (ou História, Geografia, etc. para quem busca o certificado do ensino fundamental).

Quando acontece a prova do Encceja 2020

Em 2020, devido à pandemia do novo coronavírus, ainda não se sabe quando serão aplicadas as provas do Encceja 2020.

Num ano comum elas aconteceriam em agosto, com resultados divulgados entre o final de novembro e o início de dezembro.

Hoje, dado esse cenário, é provável que os técnicos do Inep procurem uma nova data para aplicação das provas, talvez mais para o final do ano.

Só saberemos exatamente depois que o edital for divulgado – o que também não tem data para acontecer, embora normalmente saia no final de maio.

Quem pode fazer a prova do Encceja 2020

A prova do Encceja é aberta a qualquer pessoa que não tenha terminado os estudos básicos no tempo recomendado.

Por isso, o Inep estabeleceu uma idade mínima para cada prova.

Para o Encceja do ensino fundamental é necessário ter, no mínimo, 15 anos completos até a data das provas.

Para o ensino médio, mínimo de 18 anos.

Os participantes não pagam nada para fazer o exame. As inscrições abrem uma vez por ano e são feitas pela internet. Veja detalhes de como proceder no próximo tópico.

Como se inscrever para a prova do Encceja 2020

Para participar do Encceja é preciso ficar atento. Poucos dias depois do lançamento do edital, o Inep começa a receber inscrições.

O processo é feito unicamente pelo site oficial do Encceja.

Para se inscrever, o candidato precisa informar dados pessoais (CPF, data de nascimento, telefone, e-mail), dizer em qual cidade gostaria de fazer a prova e escolher, na lista apresentada, uma das instituições que irão emitir o certificado (geralmente são secretarias estaduais de educação ou institutos federais de educação, ciência e tecnologia).

E só. Depois basta caprichar nos estudos, obter seu certificado e trabalhar para, mais adiante, correr atrás de uma formação de nível superior!

Do Encceja 2020 para o Enem!

Embora seja mais compacto, o Encceja tem uma estrutura bastante parecida com o a do Enem.

Quem fizer a prova para certificação do ensino médio estará, portanto, preparado para encarar o Enem na sequência.

O exame mais importante para quem quer entrar no ensino superior trata das mesmas áreas de conhecimento e abre portas em milhares de faculdades pelo Brasil.

O Enem tem mais questões e é mais puxado que o Encceja, mas, por outro lado, oferece possibilidades bem interessantes por meio dos programas de acesso ao ensino superior.

Por exemplo, qualquer pessoa que fizer o Enem e não tirar zero na redação está apto a participar do Sisu, o programa que distribui milhares de vagas em universidades públicas por todo o Brasil.

Estudantes de baixa renda que tiverem boas notas também podem participar do ProUni, que concede bolsas de estudos parciais e integrais em cursos presenciais e a distância de faculdades privadas bem avaliadas pelo MEC.

Fora isso, os interessados ainda podem recorrer ao crédito estudantil do FIES, que financia o curso a juros baixos e tem condições facilitadas para pagamento da dívida – que só começa a ser cobrada depois da formatura.

Para completar, os participantes do Enem ainda podem tentar vaga em faculdades privadas sem fazer vestibular, bastando, para isso, apresentar as notas obtidas nas provas e na redação.

Isso sem falar nas opções de faculdades espalhadas pelo país! São milhares delas, algumas de qualidade reconhecida no mercado de trabalho.

Quer conhecer algumas? Dê uma espiada na lista a seguir:

Veja também:

Enem 2020 digital: Conheça o novo jeito de fazer o Enem

E aí, pensando em fazer o Encceja? Conte para a gente se você também pensa em fazer o Enem!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin