Descubra como funcionam as cotas do ProUni 2020

Quer saber se você se encaixa nas cotas do ProUni 2020 e aproveitar para tirar todas as suas dúvidas? Então, vem com a gente! 

O Programa Universidade para Todos (ProUni) disponibiliza bolsas de estudo parciais e integrais para estudantes de baixa renda que não podem arcar com as mensalidades de um curso superior presencial ou a distância.

As inscrições para o ProUni 2020 será totalmente automatizada, e os candidatos que cumprirem os requisitos para participar da seleção deverão escolher no site oficial do programa duas opções de curso entre as vagas disponíveis. 

Além do curso, é necessário escolher a faculdade, campus, turno e a modalidade deseja disputar a vaga: ampla concorrência ou ações afirmativas (cotas).

Se você vai participar do ProUni 2020, mas ainda não sabe como funcionam as cotas, descubra agora! 

Tipos de cotas do ProUni 2020

O ProUni 2020, como em outras edições, terá vagas reservadas para:

  • Negros 
  • Pardos
  • Indígenas 
  • Pessoas com deficiência

Como funciona a concorrência por cotas no ProUni 2020?

Nas vagas reservadas ou na ampla concorrência, os candidatos só concorrem com aqueles que escolherem as mesmas opções, ou seja, o cotista vai disputar uma bolsa com outro cotista, que escolher as mesmas opções de:

  • Faculdade 
  • Curso
  • Turno
  • Campus

Fique atento! A depender do curso selecionado, a nota de corte pode ser maior nas vagas reservadas do que na ampla concorrência. Por isso, o ideal é pesquisar e observar durante as inscrições como anda essa pontuação. 

O ProUni 2020 terá cotas para baixa renda? 

Não, pois o ProUni já é um programa voltado para estudantes de baixa renda. 

Por isso, é preciso comprovar, por meio de documentos, a renda bruta familiar mensal de acordo com o tipo de bolsa selecionada:

  • Bolsas integrais (100%): renda familiar de até um salário mínimo e meio por pessoa. 
  • Bolsas parciais (50%): renda familiar de até três salários mínimos por pessoa.  

Documentos que os cotistas precisam apresentar no ProUni 2020

O candidato só precisa se preocupar com a documentação se for selecionado para uma bolsa. 

Para comprovar a etnia, não é preciso levar nenhuma documentação, pois os critérios de raça são autodeclaratórios.

Já os candidatos com deficiência precisam apresentar laudo médico atestando o tipo e grau de deficiência, com o código correspondente da Classificação Internacional de Doença (CID), na fase de comprovação de documentos para realizar a matrícula. 

Quantas vagas do ProUni 2020 são reservadas para cotas? 

Depende, pois a quantidade de vagas reservadas varia de acordo com:

  • A representação dessa população em cada estado, de acordo com o mais recente censo do IBGE.
  • Edição do ProUni (primeiro ou segundo semestre). 

Quem pode concorrer a uma vaga reservada às cotas do ProUni 2020?

Para concorrer a uma vaga reservada no ProUni 2020, o candidato deve se encaixar nos critérios de renda e ser negro, pardo, indígena ou pessoa com deficiência. 

O estudante não deve se esquecer que o ProUni também exige que ele:

  • Tenha feito a última edição do Enem, obtido nota igual ou superior a 450 pontos e não ter zerado a redação. 
  • Não tenha diploma de ensino superior.
  • Tenha feito todo o ensino médio em escola pública ou em particular como bolsista integral.

Os professores da rede pública de ensino, integrantes do quadro permanente de funcionários, exercendo efetivamente o magistério, que queiram concorrer a uma bolsa no ProUni, não precisam comprovar renda. 

Faculdades que participam do ProUni e aceitam a nota do Enem como forma de ingresso 

Sabemos que não é tarefa fácil encontrar uma boa faculdade para realizar a sua graduação, mas não se preocupe! 

As faculdades que participam do ProUni passam por uma rigorosa seleção feita pelo Ministério da Educação (MEC) e devem ser autorizadas pelo órgão para oferecer qualquer curso superior. 

Para te dar uma ajudinha, trouxemos uma lista com algumas instituições que participam do ProUni e também possuem o ingresso direto, onde você não precisa realizar vestibular para começar a estudar, e têm critérios bem mais simples e fáceis de seleção. Confira:

Todas as faculdades acima também dispõem de programas bem facilitados de bolsas, descontos e financiamentos próprios para os seus novos alunos dos cursos presenciais e a distância. 

Veja mais:

Entenda de uma vez por todas como usar a nota do Enem 

Descubra como entrar na faculdade sem vestibular 

Já sabe qual curso vai tentar no ProUni 2020? Conte pra gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin
Descubra a faculdade certa para você!