dcsimg

Descubra como fazer a sua inscrição do Enem

Fazer a inscrição do Enem é bem simples. Preste atenção no preenchimento e nas exigências de comprovação dos dados declarados.

Há anos o Enem é o exame mais importante para os alunos que cursam ou concluíram o ensino médio e querem ingressar no ensino superior.

Além do acesso às faculdades por programas como Sisu, ProUni e FIES, o Enem é um meio de autoavaliação e uma ferramenta para o desenvolvimento de estudos e de obtenção de indicadores nacionais.

Se você já participou de alguma das edições do exame, já deve conhecer como são feitas as inscrições, mas, caso seja sua primeira vez, hoje tirará todas as suas dúvidas!

Onde fazer a inscrição do Enem

As inscrições são feitas exclusivamente pela página do Enem, que fica no portal do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira).

Elas acontecem anualmente e têm a duração de doze dias. No entanto, é bom lembrar que, antes desse período, existem outros processos que são realizados, como o pedido de isenção de taxa e justificativa de ausência da prova. Por isso, fique atento ao edital e ao cronograma com todas as datas importantes.

O edital costuma sair no início do ano, entre março e abril, e o cronograma fica disponível o ano todo na página do Enem, inclusive, é ilustrado em uma linha do tempo, que vai se completando até o dia do resultado final.

Como fazer a inscrição do Enem?

Dentro da página do Enem, você deve clicar em uma aba com a seguinte descrição: “Antes da prova”. Nela, aparecerá um menu ao lado esquerdo com a opção “Inscreva-se”.

Nessa parte, existe um link que o direcionará para o Sistema do Enem, onde todos os dados terão que ser inseridos e será feito o acompanhamento até a finalização do exame. 

Você receberá um número de inscrição e definirá uma senha para conferir o seu desempenho quando liberarem as notas. Essa senha também servirá para alguns processos seletivos de universidades que oferecem vagas pelo Enem, então guarde-a bem!

Para quem nunca fez a prova, o sistema do Enem fica aberto para inscrições naqueles doze dias e permanece aberto para os que já participaram de edições anteriores da prova.

Qual é o passo a passo para preencher todos os dados?

O processo de inscrição é bastante simples e intuitivo, mas vamos descrevê-lo com mais detalhes agora. 

Na primeira tela, é preciso informar seu CPF e data de nascimento e clicar em “Iniciar Inscrição”. As próximas telas são divididas em seções, cada qual com suas exigências:

Dados pessoais

  • Confirmação dos dados fornecidos anteriormente e nome da mãe
  • Nome do pai (você pode optar em não declarar, caso queira)
  • Sexo
  • Cor ou raça
  • Estado civil
  • Nacionalidade
  • Cidade e estado onde nasceu
  • RG
  • Endereço

Se houver solicitação de atendimento especializado, essa é a hora de fazer o pedido e inserir documentos que comprovem essa condição. Caso não haja, siga para a próxima etapa.

Língua estrangeira e local de prova

  • Indicar a opção de língua estrangeira
  • Informar a cidade e o estado onde deseja realizar a prova

Escolaridade

  • Escolher a situação do ensino médio: se você ainda vai concluir ou se já completou
  • Indicar o tipo de escola que frequentou (pública ou particular)
  • Localizar o nome da escola no sistema 

Questionário socioeconômico

  • Responder às perguntas sobre as condições de moradia, estudos e renda familiar

Contato

  • Informar um telefone fixo ou um celular e um e-mail válido
  • Cadastrar uma senha

É muito importante que os contatos estejam atualizados e corretos, pois as notificações chegarão por meio deles e esses serão os canais pelos quais você poderá recuperar a senha caso precise.

Além disso, a senha também deverá ser guardada, como já dissemos, já que é por meio dela que as notas serão validadas em alguns processos seletivos que utilizam a nota do Enem. 

Por último, com todos os dados cadastrados, é hora de gerar o boleto de pagamento para os candidatos que não têm direito ou não solicitaram a isenção de taxa. A confirmação da inscrição é feita definitivamente após o recebimento da taxa.

Quem pode fazer a inscrição do Enem?

Qualquer cidadão brasileiro que tenha concluído o ensino médio, seja em escola pública ou particular, pode se inscrever para a prova do Enem.

Ao respeitar todas as regras e datas discriminadas no edital, você está apto a fazer o exame e concorrer às vagas em universidades com a sua pontuação.

Quais são as datas de inscrição do Enem?

O edital é publicado no início em março e as inscrições ocorrem, geralmente, no final do primeiro semestre, no mês de maio, após os pedidos de isenção e justificativas de ausência.

Quanto custa para fazer a inscrição do Enem?

A taxa de 2019 foi de R$ 85. Ela serve para custear todas as despesas com os materiais e os locais de prova. 

Lembrando que os boletos podem ser pagos em agências bancárias, casas lotéricas e agências dos Correios.

É possível pedir isenção de taxa do Enem?

Sim. Antes do período de inscrições, está previsto no edital a solicitação de isenção de taxa para aqueles que comprovem as seguintes condições:

  • Estar cursando o ensino médio em escola pública declarada ao Censo Escolar.
  • Ter cursado o ensino médio totalmente em rede pública ou em escola privada como bolsista integral e declarar renda familiar igual ou menor que 1,5 salário mínimo per capita.
  • Comprovar situação de vulnerabilidade socioeconômica com Número de Identificação Social (NIS) e ter renda de até meio salário mínimo per capita ou renda familiar mensal de até 3 salários mínimos.

Se no ano anterior o candidato obteve isenção, mas faltou nos dias de prova, para obter novamente esse direito, é preciso justificar sua ausência, o que ocorre no mesmo período dos pedidos de isenção.

Onde estudar com a nota do Enem?

Opções é que não faltam! São muitos os processos seletivos e os mais disputados são o Sisu, para as universidades públicas, e o ProUni e o FIES, para as universidades privadas.

O ProUni oferece bolsas de estudo de até 100% e o FIES é um financiamento estudantil, ambos destinados a estudantes de baixa renda. Todas as faculdades que participam desses processos seletivos são aprovadas pelo MEC, como estas abaixo:

Essas instituições aceitam a nota do Enem para esses programas do governo e também para o ingresso direto em seus cursos, tanto presenciais quanto a distância. Além disso, você pode concorrer a bolsas de até 100%.

Vale a pena conferir o site de todas elas!  

Veja também:

Entenda como funciona a isenção da taxa do Enem

Entenda quando e onde sai o edital do Enem 2020

Já está se preparando para o próximo Enem? Deixe um comentário dizendo qual área é o seu forte!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin