dcsimg

Descubra quando você pode fazer a inscrição do Enem 2020

Fique por dentro da inscrição do Enem 2020: veja o passo a passo para se inscrever, descubra o que fazer com a nota e onde estudar com bolsa de estudo!

Pensando em fazer o Enem 2020? Neste artigo você fica por dentro de quando abrem as inscrições, quem tem direito à isenção, confere o cronograma do exame e descobre o que fazer com a sua nota, além de onde estudar usando o resultado.

Inscrição Enem 2020: quando e onde fazer

Marque no calendário: o período de inscrições no Enem está previsto para acontecer em maio — entre os dias 04 e 15 de maio de 2020.

As inscrições acontecem online no Sistema Enem (enem.inep.gov.br/participante) e a taxa do exame deve custar entre R$ 85 e R$ 90.

Inscrição Enem 2020: passo a passo para se inscrever

Veja um tutorial para facilitar esse processo e garantir seu lugar no Enem 2020:

1. Acesse a página oficial do participante do Enem 2020 (enem.inep.gov.br/participante) durante o período de inscrição estipulado no edital. 

2. Na página do participante, resolva o desafio da imagem.

3. Informe o número do seu CPF. 

4. Digite a data do seu nascimento.

5. Clique em “Iniciar inscrição”.

6. Informe o nome completo do seu pai. Se não quiser adicionar esse dado, marque a caixinha “Não quero declarar”.

7. Preencha os dados pessoais solicitados (sexo, cor/raça, estado civil e nacionalidade). 

8. Informe o estado e a cidade onde você nasceu. 

9. Digite o número do seu RG, o estado onde o documento foi emitido e o órgão expedidor.

10. Digite o CEP do local onde você mora.

11. Complemente as informações do seu endereço residencial.

12. Informe se necessita de atendimento específico ou especializado e os recursos que precisará para os dias de provas. Preencha todos os dados solicitados pelo sistema e envie os documentos comprobatórios da sua necessidade.

13. Escolha o idioma para a prova de língua estrangeira (inglês ou espanhol).

14. Escolha o estado e município onde você deseja fazer a prova do Enem.

15. Informe sua atual situação do ensino médio, qual tipo de escola frequentou e qual tipo de ensino (Regular, Educação Especial ou Educação de Jovens e Adultos).

16. Responda honestamente as 25 perguntas do questionário socioeconômico.

17. Informe seus dados de contato (telefone fixo, celular e e-mail).

18. Cadastre uma senha e anote-a para não esquecê-la nem perdê-la. Você precisará da senha para consultar sua inscrição, local de prova e notas.

19. Revise todos os dados cadastrados, leia e marque as declarações no final do formulário com suas informações pessoais. Estando tudo certo, clique em “enviar inscrição”. 

20. Se quiser, envie uma foto sua para cadastrar no Sistema Enem.

21. Em seguida, abra o arquivo do boleto e imprima-o para pagá-lo dentro do prazo.

Importante: cadastre dados verdadeiros. O Inep eliminará do Enem 2020 os participantes que prestarem informações falsas, inexatas ou que não atendam todas as condições determinadas no edital do Enem e nos instrumentos normativos do exame.

Inscrição Enem 2020: isenção da taxa de inscrição

Todo ano, o Ministério da Educação (MEC) concede gratuidade a milhões de brasileiros interessados em fazer o Enem. 

Para fazer as provas sem precisar pagar um boleto de R$ 85, é necessário:

  • Ter um dos perfis listados no edital do Enem 2020
  • Solicitar a isenção em abril de 2020

Se você se encaixa em dos perfis abaixo, pode disputar uma isenção na taxa do Enem:

  • Ser um estudante, em 2020, que cursa a última série do ensino médio em uma escola pública declarada ao Censo da Educação Básica.
  • Ter feito todo o ensino médio em escola pública e ter renda per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo.
  • Ter realizado o ensino médio completo em uma escola privada como bolsista integral e ter renda per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo.
  • Estar inscrito no CadÚnico e declarar estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda.

Fique ligado: você deve solicitar a isenção antes da abertura das inscrições do Enem 2020.

Cronograma do Enem 2020: todas as datas importantes

O MEC ainda não liberou os dias específicos para todas as etapas do Enem 2020. 

Contudo, é possível prever os meses com base nas últimas edições do exame:

DATAS PREVISTAS – ANTES DAS PROVAS

  • Publicação do edital: março de 2020
  • Pedido de isenção da taxa de inscrição: abril de 2020
  • Justificativa de ausência no Enem 2019: abril de 2020
  • Período de inscrição: maio de 2020
  • Pedido de atendimento especial ou específico: maio de 2020
  • Divulgação do cartão de confirmação: outubro de 2020

DATAS CONFIRMADAS PELO MEC

  • Aplicação das provas (Enem Digital): 11 e 18 de outubro de 2020
  • Aplicação das provas (Enem Regular): 1º e 8 de novembro de 2020 

DATAS PREVISTAS – DEPOIS DAS PROVAS

  • Resultados individuais: janeiro de 2021
  • Resultado dos treineiros: março de 2021
  • Liberação dos espelhos da redação: março de 2021

Nota do Enem 2020: o que fazer com o seu resultado

Com o seu Boletim de Desempenho Individual no Enem, você pode usar a nota para: 

  • Se inscrever no Sisu 2021 e disputar uma vaga em um curso presencial de uma faculdade pública.
  • Disputar uma bolsa de estudo integral ou parcial via ProUni 2021.
  • Concorrer a um financiamento via FIES 2021 sem juros ou com juros reduzidos.
  • Participar do processo seletivo de universidades portuguesas conveniadas ao Inep.
  • Ingressar direto em uma faculdade privada com uma bolsa Enem de até 100% de desconto na mensalidade de um curso presencial ou a distância.

O Sisu, o ProUni e o FIES são alternativas mais burocráticas e demoradas. Esses processos seletivos acontecem somente 2 vezes por ano. 

Já o ingresso direto está aberto durante todo o ano letivo. Para graduações EAD, por exemplo, acontecem cerca de 4 processos seletivos anualmente. 

Bolsa Enem 2020: onde estudar com bolsa de até 100% válida durante todo o curso

Para te ajudar, listamos algumas faculdades reconhecidas pelo MEC. São instituições que aceitam a nota do Enem e disponibilizam bolsas parciais e integrais, válidas até a formatura. Confira:

Além disso, também permitem financiar a graduação facilmente e possuem programas que ajudam o aluno a ingressar rápido no mercado de trabalho.

Veja também:

Descubra por quanto tempo vale o Enem

7 dicas rápidas para ganhar bolsa de estudo para graduação

Pronto! Agora você está por dentro da inscrição do Enem 2020. Já decidiu como usar a sua nota para começar a faculdade? Deixe seu comentário!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin