Fique por dentro das notas de corte do Enem 2020

Conhecer as notas de corte do Enem pode ajudar a garantir sua vaga no ensino superior. A gente mostra algumas!

As notas de corte são as pontuações que definem quem entra e quem fica de fora na disputa por uma vaga no ensino superior.

Atualização: o Inep divulgou as notas do Enem 2020! Saiba como ver a sua!

É um termo que não sai da cabeça de quem planeja entrar numa universidade pública, ganhar bolsa de estudos, financiar a graduação ou até entrar na faculdade particular sem fazer vestibular.

Saber quanto é preciso pontuar no Enem para se dar bem nos processos seletivos é fundamental. Você tem ideia de qual é a nota necessária para garantir vaga no curso dos seus sonhos?

Então fique por dentro das notas de corte de 2020 e faça bonito!

As notas de corte do Enem 2020

As notas de corte do Enem 2020 já estão disponíveis na Página do Participante, que fica no site oficial e no aplicativo do Enem. Normalmente, alguns meses após o período de inscrições dos programas do governo o Ministério da Educação divulga um levantamento com todas as notas dos candidatos matriculados no Sisu, Prouni e Fies.

Como o resultado do Enem foi divulgado recentemente, as notas do Enem 2020, feito em janeiro de 2021, ainda não estão disponíveis. Entretanto, é possível consultar as notas da última edição para se ter uma referência, já que as médias não costumam passar por grandes variações.

Confira logo abaixo as médias das notas de corte dos processos seletivos que usam a nota do Enem 2019 e fique de olho neste post, pois assim que as notas de 2020 estiverem disponíveis este conteúdo será atualizado. Vamos das menores para as maiores:

Notas de corte do Enem para entrar na faculdade particular sem fazer vestibular

Podemos dizer com segurança que, de todos os processos seletivos que usam o Enem, o ingresso direto é o que tem as menores notas de corte.

Os valores são definidos de acordo com a faculdade, mas geralmente ficam bem abaixo do Sisu, do ProUni e do FIES – e com uma vantagem extra: o candidato não precisa apresentar comprovação de baixa renda familiar ou cumprir qualquer outro requisito socioeconômico para participar.

estudante-vendo-nota-de-corte-do-enem-2020

O funcionamento é bem simples. Quando abre o período de vestibular, os interessados podem acessar a página da faculdade e informar as notas obtidas em cada uma das provas do Enem.

Se a pontuação apresentada corresponder ao mínimo exigido por aquela faculdade, o candidato garante direito à vaga automaticamente. A partir daí, basta levar a documentação necessária juntamente com o boletim de desempenho do Enem e fazer a matrícula.

Notas de corte do Enem para financiar os estudos com o FIES

O FIES é o programa do governo federal que ajuda a financiar os estudos de forma facilitada, a juros baixos. Os candidatos ainda ganham um prazo longo para pagar a dívida, que só começa a ser cobrada depois da formatura.

A menor nota de corte do FIES em 2020, referente ao Enem de 2019, foi de 450. A maioria dos cursos ficaram com média entre 460 e 580.

A única exceção é, como sempre, Medicina. Nos processos seletivos mais recentes do FIES, a menor nota para financiar esse curso ficou em 698,06 pontos.

Outras notas de corte foram:

600 pontos ou mais – Medicina Veterinária, Engenharia Civil e Ambiental, Direito, Odontologia, Engenharia Mecânica e Engenharia de Produção.

550 pontos, em média – Administração, Ciências Sociais, Hotelaria, Fisioterapia, Enfermagem, História (licenciatura) e Biologia (licenciatura).

De 450 a 500 pontos, em média – Serviço Social, Comunicação Social, Letras, Estética e Cosmética, Agronomia e Artes.

Para participar do FIES é preciso ter feito qualquer edição do Enem a partir de 2010, com desempenho de pelo menos 450 na média das provas sem ter zerado a redação e corresponder aos critérios de renda familiar definidos para aquela edição.

Notas de corte do Enem para ganhar bolsa de estudos

O maior programa de bolsas de estudos do Brasil é o ProUni.

Com ele, estudantes podem fazer uma faculdade privada bancada integralmente ou parcialmente pelo governo federal.

A menor nota de corte para ingressar no Ensino Superior em 2020, com relação ao Enem 2019, foi 450.

Até mesmo o curso de Medicina teve uma nota de corte em todo o país de 470,38. A segunda menor nota de corte, porém, foi 659,10.

Outras notas de corte são:

550 a 650 pontos – Radiologia, Administração, Direito, Psicologia, Gastronomia, Engenharia Civil, Fisioterapia, Nutrição, Publicidade e Propaganda, Jornalismo, Educação Física, Farmácia, Arquitetura e Urbanismo, Análise e Desenvolvimento de Sistemas.

Até 550 pontos – Administração (em algumas faculdades) Letras, Gestão de Recursos Humanos, Marketing, Logística, Matemática, Rede de Computadores, Geografia, Sociologia.

Às vezes você pode ter a sorte de encontrar cursos que exigem pouco mais do que a nota de corte mínima, que é de 450 pontos. Isso acontece com frequência em cursos de licenciatura, de tecnólogo e em graduações que têm muita oferta de vaga, como Pedagogia e Administração.

Para participar do ProUni é preciso ter feito o Enem mais recente e, além de ter obtido 450 pontos na média das provas sem ter zerado a redação, ter renda familiar mensal de até 3 salários mínimos por pessoa e ter feito o ensino médio em escola da rede pública (ou em escola privada como bolsista integral). Quem fizer o Enem em 2020 poderá participar do ProUni em 2021.

Notas de corte do Enem para entrar na universidade pública

Aqui finalmente chegamos ao processo seletivo mais concorrido – e o que tem as maiores notas de corte do Enem 2020.

O Sisu é responsável por distribuir as tão desejadas vagas em universidades públicas por todo o Brasil.

Como já era de se esperar, o curso com maior nota de corte é Medicina, sempre acima de 750 pontos – podendo chegar a mais de 900 em algumas faculdades!

Depois dele vêm graduações como Odontologia, Direito, Psicologia, Engenharia Civil, Fisioterapia e Cinema, que exigem notas entre 700 e 750 pontos na maioria das faculdades.

A nota de corte média para conseguir vaga na maioria dos cursos do Sisu é de 680 pontos. Com essa pontuação você consegue entrar em Nutrição, Farmácia, Arquitetura e Urbanismo, Enfermagem, Administração, Gastronomia, Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Engenharia de Computação.

Abaixo disso, com notas de corte entre 600 a 650 pontos, dá para entrar em Agronomia, Pedagogia, Serviço Social, Radiologia e Gestão de Recursos Humanos.

Menos do que isso, com alguma sorte, dá para encontrar alguns cursos de licenciatura e superiores de tecnologia.

Para participar do Sisu é necessário ter feito o Enem mais recente e não ter zerado na redação.

Ainda está com dúvida sobre como usar a nota do Enem? Assista ao vídeo abaixo:

Onde estudar com a nota do Enem 2020

Por todo o Brasil, milhares de faculdades vão aceitar a nota do Enem 2020.

A dica é escolher sempre instituições reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC, como estas que sugerimos abaixo. Nelas você pode entrar com ProUni, ingresso direto ou financiar os estudos com o FIES:

Veja também:

Saiba onde fazer curso de graduação gratuito em 2020

As notas do Enem 2020 estão dentro daquilo que você esperava? Conte para a gente!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin