dcsimg

Descubra qual a nota mínima para passar no Enem 2018

A concorrência é grande e cada ponto no Enem vai ser muito importante para alcançar o que você quer. Saiba mais aqui!

Um bom desempenho no Enem pode garantir acesso a cursos universitários e a programas do governo, como o FIES e o ProUni. Qualquer que seja seu objetivo, uma coisa é certa: quanto mais pontos, melhor.

O desempenho para entrar na universidade, por exemplo, varia de acordo com o curso escolhido, a procura e a quantidade de vagas oferecidas, entre outros fatores. Em alguns casos, 500 pontos podem bastar. Em outros, você vai precisar de mais de 750!

Veja agora mesmo as notas mínimas que você precisa tirar no Enem para entrar em um curso universitário e em programas do governo!

Qual a nota mínima no Enem 2018 para entrar na faculdade?

Não há uma nota fixa utilizada por todas as faculdades. Cada uma delas tem autonomia para decidir seu processo seletivo, e há inclusive faculdades que não aceitam as notas do Enem como critério para selecionar alunos.

No entanto, é cada vez mais comum aquelas que consideram o desempenho no Enem nos processos seletivos. Vamos dar alguns exemplos.

No Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA) você pode usar a nota do Enem se tiver tirado a partir de 50 pontos na redação e pelo menos 20 pontos na média geral das provas.

Esses números representam apenas o mínimo exigido, mas não garantem vaga. Vale considerar que os concorrentes à mesma vaga que você deseja provavelmente tiraram notas maiores que essas.

Outro caso é o da Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL), que abre a possibilidade de concorrer a uma vaga com 300 pontos ou mais no Enem. Além disso, a partir dessa pontuação, quem conseguir a vaga terá desconto nas mensalidades.

Em universidades públicas, uma opção de usar a nota do Enem é o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do qual participam mais de cem instituições. Aqui, para tentar uma vaga basta não ter zerado a redação do Enem mais recente, mas as notas mínimas para passar ficam por volta de 600 pontos, chegando a mais de 900 em alguns casos.

Qual a nota mínima no Enem 2018 para conseguir o FIES??

Quem tirar 450 pontos na média geral das provas e mais do que zero na redação já tem pontuação suficiente para concorrer ao FIES. Atenção: “concorrer” não significa “passar”.

A nota para realmente conseguir o financiamento é variável. Ela depende da faculdade, do curso e do turno de estudos (manhã, tarde, noite ou integral) para o qual você se inscreveu.

A partir daí, entram em jogo questões como o número de vagas disponíveis, a procura por parte dos concorrentes e a nota que eles obtiveram no Enem. Todos esses fatores reunidos resultam na chamada “nota de corte”, que é o mínimo necessário para conquistar a vaga e, por isso, ela vai mudando conforme acontecem as inscrições.

Só para você ter uma ideia, veja como ficaram algumas notas de corte recentes para conseguir o FIES em determinados cursos, considerando a média nacional:

  • Administração: 544
  • Direito: 607
  • Enfermagem: 556
  • Engenharia Civil: 577
  • Engenharia de Computação: 580
  • Gastronomia: 554
  • Jornalismo: 570
  • Medicina: 755
  • Odontologia: 622
  • Pedagogia: 548
  • Psicologia: 570
  • Serviço Social: 519

Não se esqueça de um dado importantíssimo com relação ao FIES: só pode participar quem se encaixa nos critérios de renda estabelecidos pelo programa, já que o foco é ajudar estudantes com dificuldades socioeconômicas a fazer uma faculdade.

Quem passa no FIES terá as mensalidades financiadas por uma entidade bancária. A dívida só começa a ser paga depois da conclusão do curso, em suaves parcelas e com juros abaixo do mercado – ou até mesmo com juro zero, em alguns casos.

Qual a nota mínima no Enem 2018 para conseguir o ProUni?

O ProUni também tem requisito socioeconômico. O programa concede bolsas de estudo em cursos presenciais e a distância de faculdades particulares de todo o Brasil. Elas podem ser integrais (100%) ou parciais (50%), dependendo da renda do candidato.

A classificação é feita de acordo com a nota do Enem mais recente. Para se inscrever é necessário ter obtido pelo menos 450 pontos na média geral das provas, sem ter zerado na redação.

O sistema das notas de corte funciona de modo muito semelhante ao FIES. Veja quais foram algumas médias nacionais recentes dos mesmos cursos analisados anteriormente – perceba que elas costumam ser mais elevadas que as notas de corte do FIES:

  • Administração: 593
  • Direito: 639
  • Enfermagem: 620
  • Engenharia Civil: 638
  • Engenharia de Computação: 646
  • Gastronomia: 607
  • Jornalismo: 633
  • Medicina: 755
  • Odontologia: 666
  • Pedagogia: 565
  • Psicologia: 635
  • Serviço Social: 575

Em resumo, o que fica disso tudo é o seguinte: quanto mais pontos no Enem, melhor. A média de 450 é suficiente para participar da concorrência, mas na maioria dos casos vai ser pouco para conseguir passar.

A concorrência para esses programas é muito grande e o pessoal vem se preparando cada vez mais para as provas. Prepare-se ao máximo você também!

Faculdades que aceitam as notas do Enem 2018

Você já sabe que muitas faculdades Brasil afora aceitam as notas do Enem como critério para selecionar novos alunos. Algumas usam o desempenho no exame e dispensam o candidato do vestibular, enquanto outras adotam um sistema misto: o candidato faz o vestibular e pode completar sua nota com a pontuação obtida no Enem.

Preparamos uma lista com algumas sugestões de faculdades tradicionais, reconhecidas e bem avaliadas pelo Ministério da Educação (MEC). Todas aceitam as notas do Enem.

Elas oferecem dezenas de opções de cursos e contam com grande infraestrutura em vários pontos do país. Além disso, trabalham com os programas FIES e ProUni, descontos, convênios, bolsas e parcelamentos facilitados. Anote:

Veja também:

Confira alguns assuntos que devem cair no Enem 2018

E aí onde vai usar sua nota do Enem 2018? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin