Veja quem não precisa pagar a taxa de isenção do Enem 2020

Confira os requisitos para ser isento da taxa de inscrição do Enem e poder fazer a prova de graça!

A taxa de inscrição do Enem não é das mais baratas. Em 2020, o valor é R$ 85.

Para garantir que mais pessoas tenham acesso ao exame, o Ministério da Educação (MEC) concede gratuidade para alguns candidatos.

Veja quem pode receber isenção do Enem 2020, quando e como solicitar esse desconto integral, o que fazer após receber a isenção e onde estudar usando a nota do Enem. 

Quem tem direito à isenção no Enem 2020

O MEC concede gratuidade na taxa do Enem para candidatos que se encaixam em um dos perfis abaixo:

  • Ser um estudante que cursa, em 2020, a última série do ensino médio em uma escola pública declarada ao Censo da Educação Básica.
  • Ter cursado todo o ensino médio em uma escola pública e ter renda per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo.
  • Ter cursado todo o ensino médio como bolsista integral em uma escola privada e ter renda per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo.
  • Estar inscrito no CadÚnico e declarar estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda.

Fique ligado: para ser dispensado do pagamento da taxa do Enem 2020, é preciso pedir a isenção dentro do prazo.

Quando e como solicitar a isenção no Enem 2020

Para conseguir fazer o Enem de graça em novembro, você deve solicitar a isenção entre os dias 6 e 17 de abril.

Faça a solicitação online, acessando o sistema Enem (enem.inep.gov.br/participante).

Para pedir a isenção, você tem 3 tarefas a realizar:

  1. Se inscrever para concorrer a isenção dentro do prazo previsto no cronograma do Enem 2020.
  2. Acompanhar o andamento da solicitação no sistema Enem.
  3. Verificar a lista dos contemplados com a isenção. O resultado é divulgado 7 dias após o término das inscrições.  

Essas tarefas são de sua responsabilidade — o Inep não notifica os candidatos agraciados com a isenção. 

O que fazer após receber a isenção do Enem 2020

Foi classificado para receber a isenção e fazer as provas de graça? Agora é hora de se inscrever no Enem 2020. 

Isso é indispensável porque o Inep não adiciona o participante isento no Enem. A inscrição é manual e de responsabilidade do isento.

Portanto, fique ligado no cronograma do exame. A inscrição no Enem acontece entre 11 e 22 de maio. Acesse o sistema Enem para se inscrever (enem.inep.gov.br/participante) e não ficar de fora do Enem 2020. 

Como entrar na faculdade usando a nota do Enem 2020

Aproveite sua pontuação para começar a tão sonhada faculdade. Veja os processos seletivos que aceitam o resultado do Enem 2020:

  • Sisu: concorra a uma vaga na graduação presencial de universidades públicas. 
  • ProUni: dispute uma bolsa de estudo parcial (50%) ou integral (100%) em um curso presencial ou EAD de faculdades privadas.
  • Fies: concorra a um contrato de financiamento sem juros ou com juros baixíssimos e longo prazo para pagamento após a formatura.
  • Ingresso direto: use a nota do Enem 2020 para começar um bacharelado, uma licenciatura ou um curso tecnológico presencial ou EAD em uma faculdade privada recebendo bolsa de até 100% de desconto na mensalidade.

Onde estudar presencialmente ou a distância usando a nota do Enem 2020

Para lhe ajudar na escolha da faculdade, listamos algumas que aceitam o resultado do Enem como forma de ingresso. 

São faculdades reconhecidas pelo MEC e concedem bolsa de até 100% conforme a nota no Enem, permitem financiar o curso sem burocracia e ajudam o estudante a entrar no mercado de trabalho rapidamente:

Veja também:

Tire suas dúvidas sobre o Enem!

Agora que você já está por dentro da isenção do Enem 2020, compartilhe sua escolha: qual curso você pretende fazer na faculdade? Deixe seu comentário!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin