Saiba quando sai o resultado da lista de espera do Sisu 2020

Descubra como funciona a lista de espera do Sisu 2020 o que fazer para acompanhar as chamadas desta etapa!

Um dos processos seletivos mais aguardados do ano é o Sisu 2020.

Quem quiser disputar vaga em universidade pública usando a nota do Enem terá de se ligar nas datas e procedimentos.

A cada edição do Sisu, o MEC dá aos candidatos duas chances de passar: na primeira chamada e na lista de espera. E em 2020 não será diferente.

A seguir, saiba quando sai o resultado da lista de espera do Sisu 2020!

Como funciona a lista de espera do Sisu 2020

A primeira edição do Sisu 2020 começa no dia 21 de janeiro e segue até o dia 24 do mesmo mês.

Quem fez o Enem 2019 e tirou nota acima de zero pode se inscrever durante esse período e escolher duas opções de curso nas universidades desejadas.

Nessa corrida, leva a melhor quem chegar com a maior nota nas provas. A pontuação mínima para entrar em cada curso muda todos os dias, conforme mais inscritos vão chegando.

O participante tem a facilidade de poder mudar de opção de curso ou universidade quantas vezes for preciso, de forma a aumentar as chances de entrar.

Os resultados do Sisu 2020 vão ser divulgados no dia 28 de janeiro.

Quem ganhar o direito à vaga tem apenas alguns dias para preparar a documentação exigida e levar tudo à universidade para efetivar a matrícula.

No entanto, no decorrer desse processo, muitas vagas se tornam disponíveis, por desistência dos candidatos ou por falta da documentação necessária.

Elas são redistribuídas por meio da lista de espera, uma segunda chance de conseguir passar na universidade pública pelo Sisu.

Veja como participar no tópico a seguir.

Como se inscrever na lista de espera do Sisu 2020

Os resultados da primeira edição do Sisu saem no dia 28 de janeiro e as inscrições para a lista de espera já começam no dia 29.

O processo se estende até o dia 4 de fevereiro.

Quem tiver interesse em mais essa chance de conseguir vaga em universidade pública precisa se inscrever.

Para isso é necessário acessar o site oficial do Sisu, informar o número de inscrição do Enem e senha e, no campo determinado, clicar em participar da lista.

O MEC só permite a inscrição na lista de espera por candidatos que não foram selecionados em qualquer uma das duas opções de curso. Só pode participar da lista quem concorreu na seleção regular do Sisu 2020.

Quando sai o resultado da lista de espera do Sisu 2020

Os candidatos em lista de espera podem ser chamados a qualquer momento a partir do dia 7 de fevereiro.

É preciso se ligar na comunicação com a universidade escolhida, já que não dá para ver o resultado no sistema do Sisu.

O processo pode se estender por várias semanas, por isso não desanime se demorar um pouco mais.

Os estudantes inscritos na lista podem receber convocação até o dia 30 de abril – quase três meses mais tarde!

Se a chamada vier, os selecionados têm um prazo curto para fazer a matrícula e começar a estudar.

Outras formas de entrar na faculdade com a nota do Enem

Se não rolar chamada pela lista de espera, ainda haverá uma segunda edição do Sisu em 2020, no próximo semestre, em data a ser definida pelo MEC.

Se você não quer esperar até lá, pode tentar vaga por meio de outros processos seletivos que também usam a nota do Enem.

Teremos pela frente:

ProUni 2020 – No início de fevereiro deve começar o processo seletivo por uma bolsa de estudos em faculdade privada. Quem obteve pelo menos 450 pontos na média das provas do Enem 2019 e não zerou a redação poderá participar. O programa, no entanto, é direcionado a quem tem renda familiar mensal bruta de até três salários mínimos por pessoa e fez o ensino médio em escola pública. A seleção dura quatro dias, com resultado divulgado logo a seguir.

FIES 2020 – Pouco depois do ProUni começa a seleção do FIES – para quem está atrás de crédito estudantil facilitado numa faculdade privada de qualidade. O programa aceita a participação de quem tem renda familiar mensal bruta de até cinco salários mínimos por pessoa e obteve desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas de qualquer Enem a partir de 2010, sem ter zerado a redação. Quem ganhar o FIES pode estudar sem se preocupar com as mensalidades e só começar a pagar o saldo devedor depois da formatura, em várias parcelas mensais.

Ingresso direto 2020 – Quem não quer mais passar por processo seletivo pode optar pelo ingresso direto, uma forma de entrar na faculdade privada sem fazer vestibular. Basta apresentar a nota obtida em qualquer Enem e garantir o direito à matrícula quase instantaneamente. Esse sistema vale para cursos presenciais e a distância em instituições de ensino espalhadas por todo o país.

Faculdades que aceitam a nota do Enem

Além do Sisu, que trabalha com mais de 130 instituições públicas, temos ainda o ProUni, o FIES e o ingresso direto, presentes em milhares de faculdades privadas.

A dica é procurar sempre escolher uma boa instituição onde usar sua bolsa, financiamento ou vaga por ingresso direto.

Abaixo, a gente selecionou algumas faculdades bem interessantes para você. Todas elas também têm programas próprios e bolsa e financiamento sem burocracia.

Confira!

Veja também:

Notas de corte Sisu 2020 por curso e algumas universidades

Está pensando em tentar vaga em qual curso do Sisu? Conte para a gente!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin