Quem pode participar do Prouni?

O Programa Universidade para Todos (Prouni) é uma iniciativa do governo federal que tem como objetivo oferecer bolsas de estudo parciais e integrais em instituições de ensino superior privadas. A seleção de candidatos leva em consideração os cursos desejados, a nota obtida no Enem e a renda familiar por pessoa de cada candidato.

Encontre bolsas de estudo de até 80%

O Prouni abre as inscrições duas vezes por ano, no 1º e no 2º semestre. Assim como no primeiro, o processo de inscrição para o segundo semestre de 2022 é totalmente online. Os candidatos interessados em participar do Prouni devem realizar a inscrição no site oficial no período informado pelo edital.

Segundo o MEC, no primeiro semestre de 2022 foram oferecidas mais de 273 mil vagas pelo programa, para 19.584 cursos em 1.085 mil faculdades particulares. Para a edição do 2º semestre, os números ainda não foram divulgados.

Quando começam as inscrições para o Prouni 2022 do 2º semestre?

O Ministério da Educação (MEC) informou que as inscrições do Prouni do segundo semestre de 2022 estão previstas para o final do mês de julho, mas ainda não divulgou uma data exata. A previsão foi publicada no dia 15 de junho na página oficial do Ministério.

Leia mais: Prouni 2022/2 aceitará as duas últimas edições do Enem

+ Prouni: Bolsonaro sanciona MP que permite a participação de alunos de escolas particulares

Quem pode se inscrever e participar do Prouni?

O Prouni é um programa voltado principalmente para os estudantes de baixa renda, ampliando o acesso destes ao ensino superior. Por isso, para se inscrever no Prouni é necessário atender alguns requisitos. São eles:

  • Ter realizado pelo menos uma das duas últimas edições do Enem (de 2020 ou 2021);
  • Ter atingido o mínimo de 450 pontos na média das notas do exame, não ter zerado a redação e não ter participado do exame como treineiro;
  • Não ter diploma de ensino superior;
  • Ter cursado o ensino médio inteiro na rede pública ou como bolsista integral em escolas particulares;
  • Ser pessoa com deficiência (Neste caso é necessário apresentar comprovação no ato da matrícula, juntamente com um comprovante de que atende ao critério socioeconômico do programa);
  • Possuir renda familiar per capita mensal de até 1,5 salário mínimo, para bolsa integral (100%).
  • Possuir renda familiar per capita mensal de até 3 salários mínimos, para bolsa parcial (50%).
  • Ser professor da rede pública de ensino, concorrendo a bolsas de estudo em cursos de licenciatura.

No caso dos professores, sua participação é garantida pelo programa e não necessita da comprovação de renda. Entretanto, os professores só podem se inscrever para os cursos de licenciatura (matemática, química, física, biologia, história, geografia, português) e pedagogia. Também é necessário ter atingido o mínimo de 450 pontos de média no Enem e ter tirado mais do que zero na redação.

O Prouni vai mudar a partir de julho de 2022 e com isso, mais estudantes poderão participar do programa. Entenda todas as alterações: Mudanças no Prouni: entenda tudo sobre a nova lei

Veja também: Veja quais universidades aceitam o Prouni 2022

+ Quem se inscreveu no Sisu pode participar do Prouni?

Mudanças no Prouni 2022/2

Além disso, no final do ano de 2021 o presidente da república, Jair Bolsonaro, editou uma Medida Provisória (MP) que alterou as regras de acesso ao Prouni. Assim, a partir de julho de 2022, estudantes de escolas particulares que não sejam bolsistas, mas que se enquadrem nos critérios de renda, também poderão participar do Prouni. 

Antes, apenas aqueles estudantes que haviam cursado o ensino médio em escolas públicas ou em escolas particulares com bolsa integral podiam participar do programa. 

Outra mudança do Prouni é que, segundo informado em junho pelo MEC, agora será possível utilizar a nota de uma das duas últimas edições do Enem para se inscrever no programa, neste caso, de 2020 e 2021. Anteriormente, apenas era aceita a nota da edição mais recente da prova. 

Ainda segundo o comunicado do MEC, para quem realizou as duas últimas edições do exame, o sistema considerará a nota mais alta obtida. 

Como funciona o Prouni do 2º semestre?

O funcionamento do Sisu do segundo semestre é semelhante ao processo do primeiro semestre. Os candidatos interessados em participar do Prouni 2022/2 devem realizar a inscrição no site oficial no período informado pelo edital, que ainda não foi divulgado.

No momento de inscrição, o participante pode escolher até duas opções de curso, em ordem de prioridade, e selecionar o tipo de bolsa que deseja, parcial, de 50% ou integral, de 100%. Durante o período em que as inscrições estiverem abertas, os candidatos podem trocar as opções de curso quantas vezes for preciso.

As principais mudanças existentes de um semestre para outro são a quantidade de vagas disponíveis e as universidades participantes da edição. Entretanto, os candidatos podem visualizar esses dados semanas antes do início das inscrições.

Confira também: Prouni 2022: como a segunda chamada e a lista de espera funcionam?

+ Prouni 2022: confira as menores notas de corte do último ano

Quem tem bolsa pelo Prouni pode participar do Fies?

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa do governo que financia as mensalidades do curso superior do estudante. Assim, o aluno só retorna esse valor ao governo após a sua formação. 

Quanto à dúvida se é possível participar do Fies já tendo bolsa pelo Prouni, a resposta é sim! Se você se inscreveu no Prouni, mas não foi aprovado em nenhuma das opções de curso, é possível participar do Fies e concorrer a uma vaga no ensino superior. 

E se você conseguiu uma bolsa parcial, de 50%, no Prouni também é possível financiar o restante das mensalidades no Fies. Mas, atenção: só é possível utilizar os dois programas na mesma instituição e no mesmo curso! Então, verifique se a universidade em que você foi aprovado no Prouni também participa do Fies.

Confira, abaixo, algumas das principais dúvidas sobre a participação no Prouni:

Quem se formou em escola particular, com ou sem bolsa de estudo, pode participar do Prouni?

Sim, pode. Antes, só podiam participar aqueles estudantes formados em escola particular com bolsa integral de estudos. Entretanto, com a mudança aprovada pelo Governo em 2022, agora será possível que alunos da rede privada não bolsistas também participem do Prouni. O importante é que o candidato tenha o Ensino Médio completo. 

Quem se formou pelo EJA pode participar do Prouni?

Sim. A Educação de Jovens e Adultos (EJA) fornece, ao final, um certificado de conclusão do Ensino Médio, equivalente ao diploma. Assim, estudantes que concluíram o ensino médio pelo EJA em sistema estadual de ensino ou pelo Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) também podem participar do Prouni, desde que atendam aos demais requisitos.

Quem possui ensino superior completo pode participar do Prouni?

Não. Uma das exigências para participar do programa é justamente ainda não ter diploma de curso superior. Assim, quem já fez faculdade e quer se matricular em uma segunda graduação não pode usar o programa, mesmo se for a primeira vez com o Prouni.

Leia mais: Saiba qual é a nota de corte do Prouni para o seu curso

+ Saiba tudo sobre as vagas remanescentes do Prouni 

Quem repetiu alguma série, mas se formou no Ensino Médio, pode participar do Prouni?

Sim. O edital do Sisu não faz qualquer restrição quanto à repetência de alguma série escolar ao longo da vida acadêmica do participante. O importante é que ele já tenha se formado no ensino médio. 

Tem limite de idade para participar do Prouni?

Não. Os critérios de participação do Prouni não estabelecem qualquer idade mínima ou máxima para quem vai se inscrever nas vagas do programa, assim, o Prouni não tem limite de idade para participar. Basta cumprir os requisitos e se inscrever para concorrer a uma bolsa.

Quantas vezes posso usar a nota do Enem no Prouni?

É permitido concorrer a uma bolsa do Prouni quantas vezes o candidato quiser, desde que tenha feito uma das duas últimas edições do Enem (com a pontuação mínima necessária e sem zerar a redação), já tenha concluído o ensino médio e se encaixe nas exigências de renda.

Pode usar o Prouni mais de uma vez?

Pode. Porém, se você for selecionado para uma bolsa e já estiver em uma universidade pública, terá que escolher entre usar o benefício ou não, e então continuar na faculdade que está. Isso porque o MEC não permite cursar uma universidade pública e ser bolsista do Prouni ao mesmo tempo.

Entretanto, caso você já tenha se formado na faculdade com bolsa do Prouni, não é possível utilizá-lo novamente, porque para participar do Prouni o candidato não pode já ter um diploma de curso superior. 

Veja também: Prouni: o que é bolsa parcial e integral?

+ Prouni 2022: maiores notas de corte do último ano

+ Como funciona a renovação da bolsa do Prouni?

Não consigo participar do Prouni, e agora?

Se por algum motivo você não se encaixa no Prouni ou não fez as duas últimas edições do Enem e quer entrar na faculdade, sem problemas! Ainda há outras formas de ingressar no ensino superior.

Pela plataforma Quero Bolsa, você encontra bolsas de estudo em mais de 1.2 mil instituições de ensino superior, com até 80% de desconto e sem precisar comprovar renda ou precisar ter feito o Enem. São muitas opções de faculdades por todo o Brasil, com certeza você vai encontrar aquela que deseja. Confira algumas opções abaixo: 

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin